Metade dos eleitores brasileiros irão votar com biometria nessas eleições

Metade do eleitorado brasileiro será identificado pela biometria nas eleições deste ano, o que equivale a 73,7 milhões de eleitores. Os dados são do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Mais de 87 milhões de eleitores já possuem o cadastro biométrico, aproximadamente 60% do eleitorado. No entanto, parte dessas pessoas estão em cidades onde não terão o reconhecimento biométrico disponível para as eleições de outubro. Por essa razão, o número de eleitores cadastrados é maior do que os que irão de fato utilizar a biometria para votar.

Na eleição de 2014, o total de eleitores com biometria cadastrada era de 21,7 milhões de pessoas, ou 15,2% do eleitorado brasileiro. A meta do TSE é cadastrar 100% dos eleitores do Brasil até 2022.

No total, nove estados concluíram o cadastramento biométrico, além do Distrito Federal: Alagoas, Amapá, Goiás, Paraíba, Piauí, Rio Grande do Norte, Roraima, Sergipe e Tocantins.

Além disso, 22 dos 27 estados possuem mais da metade dos eleitores cadastrados. Os estados com taxas mais baixas são: São Paulo (45,1%), Minas Gerais (30,2%) e Rio de Janeiro (18,7%).



Líder São Paulo encara Sport fora de casa e tenta se manter na ponta

São Paulo tenta neste final de semana, manter a liderança do Brasileirão – (Foto: Rubens Chiri)

O fim de semana está de volta, graças a Deus, e com ele volta aquele nosso velho conhecido que nos alegra e nos deixa triste. Que nos faz querer sair abraçando todo mundo ou simplesmente não ver ninguém. De quem eu estou falando? É claro que é do Brasileirão, minha gente. E a 18ª rodada vem com tudo com brigas na parte de cima e de baixo da classificação.

Começando pelo sábado, duas partidas abrem a rodada e uma delas é confronto pela sobrevivência. Em 18º lugar na tabela, o Ceará joga em casa contra o Atlético Paranaense, penúltimo na classificação. Na Arena Fonte Nova, o Bahia tem compromisso contra o América de Minas.

Continue lendo



MPRN assina acordo para adequação de lixão em Tenente Laurentino Cruz

A cidade de Tenente Laurentino Cruz, localizada na região Central Potiguar, confirmou a adesão ao termo de acordo com o Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) para buscar adequações no lixão da região. A medida é um esforço conjunto para viabilizar uma solução provisória para os problemas decorrentes do acúmulo irregular de lixo, de forma a atender a Política Nacional de Resíduos Sólidos e enquanto não são efetivados os aterros sanitários regionais. O termo foi assinado na Promotoria de Justiça da cidade nesta quinta (9).

O acordo foi intermediado pelo Núcleo Permanente de Incentivo à Autocomposição (Nupa) e pelo Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça de Defesa do Meio Ambiente (Caop Meio Ambiente) e faz parte do projeto Lixo Negociado, que atua de forma integrada em busca de uma solução consensual para recuperação ou remediação das áreas degradadas.

O trabalho de articulação e sensibilização junto aos municípios é um esforço conjunto do MPRN com Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema), Procuradoria-Geral do Estado e Ministério Público do Trabalho.



TSE mantém horário de votação nas Eleições 2018

TSE mantém horário de votação em outubro

O Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu manter, nas Eleições Gerais de 2018, o horário de votação adotado nas últimas eleições gerais realizadas no país. Pela decisão, anunciada na sessão administrativa desta quinta-feira (9), a votação deverá ocorrer das 8h às 17h no horário local em todas as unidades da Federação.

Segundo o presidente do TSE, ministro Luiz Fux, uma proposta de mudança no horário chegou a ser analisada por técnicos da Justiça Eleitoral, tendo sido descartada. Ao se pronunciar a respeito, a ministra Rosa Weber, que assumirá a Presidência da Corte na próxima terça-feira (14), disse que manter a orientação e as normas adotadas revelou-se a solução mais adequada. ”Ou, pelo menos, a que traz menores dificuldades ou eventuais prejuízos”, acrescentou.

A magistrada lembrou ainda que já houve um efeito positivo no adiamento, este ano, da entrada em vigor do horário de verão, que só ocorrerá depois do segundo turno das eleições. “A diferença de três horas [em relação às localidades mais a oeste da Região Norte] já está reduzida para duas horas”, disse.

A decisão desta quinta-feira também abrangeu a manutenção do horário de divulgação dos resultados das Eleições 2018. A Resolução TSE nº 23.554, que trata dos Atos Preparatórios para as Eleições, estabelece que os dados do resultado para o cargo de presidente da República serão liberados somente a partir das 17h do fuso horário do Acre.



MP recomenda novamente que Feira Livre de Caicó seja ordenada

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) emitiu uma recomendação para que a Prefeitura de Caicó ordene a feira livre, realizada na rua Olegário Vale aos sábados e excepcionalmente durante a semana. A orientação da 2ª Promotoria de Justiça da cidade se concentra especificamente na desobstrução total da rua após o término da atividade comercial.

O documento é dirigido ao prefeito e ao secretário de Infraestrutura. O MPRN recomendou que os gestores municipais notifiquem os feirantes locais para que, ao final da feira livre, retirem de imediato da via pública (rua e calçadas) todo o material utilizado.

A feira livre é objeto de inquérito civil instaurado para apurar a ausência de fiscalização e de adoção de medidas sanitárias na organização. A unidade ministerial verificou também que os barracos ficam armados permanentemente em um trecho da rua, o que causa transtornos tanto ao acesso aos estabelecimentos comerciais ali localizados como ao trânsito de pedestres e veículos.

Além disso, os feirantes depositam todo tipo de material ao longo das calçadas e da rua como se o local fosse particular, dificultando, inclusive, a acessibilidade de pedestres que transitam pela calçada.

Utilizar a via para depósito de mercadorias, materiais ou equipamentos, sem autorização do órgão ou entidade de trânsito constitui infração grave e sujeita o infrator, pessoa física ou jurídica, a multa e a medida administrativa de remoção da mercadoria ou do material.

Leia a recomendação na íntegra clicando aqui



Apostas em loterias agora poderão ser realizadas pela internet

A Caixa Econômica Federal lançou nesta sexta-feira (10) um novo portal em que será possível realizar apostas online nas loterias administradas pelo banco. O endereço eletrônico do portal é loteriasonline.caixa.gov.brPara apostar, é necessário que o usuário se cadastre no site com o número do CPF e seja maior de 18 anos.

O valor mínimo para apostar no site é de R$ 30 e o máximo é de R$ 500 ao dia. O lançamento é o resultado de uma parceria entre a Caixa e o Mercado Pago. Com isso, o pagamento só poderá ser feito com cartão de crédito.

Será possível fazer apostas para Mega-Sena, Lotofácil, Quina, Lotomania, Timemania, Dupla Sena, Loteca e Lotogol.



Na volta de Felipão à Liberta, Borja faz dois e Palmeiras derrota Cerro

Borja foi um dos destaques da partida

Quinta feira copeira para o futebol brasileiro. Na noite desta quinta duas equipes entraram em campo para compromissos decisivos nos dois principais torneios da América do Sul.

E teve vitória com a cara do novo chefe. No Paraguai, o Cerro Porteño recebeu o Palmeiras para o jogo de ida das oitavas de final da Libertadores. Essa foi a primeira partida do Verdão na competição sob o comando do novo velho treinador. O dono de um dos bigodes mais icônicos do futebol brasileiro, Luís Felipe Scolari, o Felipão. O novo comandante contou com a volta de alguns jogadores importantes para a partida, como foi o caso do atacante Borja.

Continue lendo



Telefonia fixa tem queda de 1.140.369 linhas em 12 meses

Telefonia fixa tem queda de linhas em 12 meses

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) registrou 40.224.677 linhas fixas no Brasil em junho de 2018. Houve uma redução de 1.140.369 (-2,76%) linhas em relação ao mesmo mês do ano passado. Em junho, o mercado de telefonia fixa teve queda  de 96.203 (-0,24%) linhas, comparado ao mês anterior (maio).

Em junho deste ano, as empresas autorizadas contavam com 17.140.584 linhas fixas, enquanto as concessionárias possuíam 23.084.093 linhas. Em 12 meses, as autorizadas apresentaram um aumento de 67.844 linhas (+0,40%) e as concessionárias apresentaram uma redução de 1.208.213 linhas (-4,97%).

Grupos

Entre as autorizadas, a Claro liderou o mercado com 62,41% (10.698.020 linhas) de participação; seguida pela Vivo, que detinha 27,93% (4.787.584 linhas) e a Tim com 4,51% (773,941 linhas).

Dentre as concessionárias, a divisão de mercado foi: Oi com 55,72% (12.863.320 linhas), a Telefônica com 40,30% (9.304.037 linhas) e a Algar com 3,26% (754.176 linhas) de participação.

Estados

Na variação entre maio e junho deste ano, o estado de São Paulo foi o que apresentou maior redução, com menos 28.714 linhas fixas (-0,19%). No Rio de Janeiro, a queda foi de 24.770 linhas (-0,53%) e em Minas Gerais, foram registradas 11.647 linhas a menos (-0,30%).

Santa Catarina apresentou aumento de 4.240 linhas (+0,25%), seguido de Tocantins, com 510 linhas a mais (+0,36%).