Polícia Civil prende suspeito de homicídio e participação em grupo de extermínio

Homem foi preso por participar de grupo de extermínio

Policias civis da Divisão Especializada em Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), juntamente com policiais da Força Nacional, prenderam, nesta terça-feira (19), José Cristiano da Silva Pinheiro, conhecido como “Magão”, 33 anos. José Cristiano foi indiciado por homicídio qualificado, associação criminosa, constituir, organizar, integrar e manter grupo de extermínio, além de roubos.

O suspeito é investigado pelo homicídio de Pedro Alves de Oliveira, que ocorreu na madrugada do dia 27 de junho de 2017, no conjunto Formigueiro, em Ceará-Mirim. A vítima foi assassinada a tiros de armas curtas e de calibre 12, na presença de esposa e filhos.

Além de José Cristiano, onze suspeitos foram indiciados pelos crimes citados e tiveram o pedido de prisão deferido, alguns já estão presos e outros foragidos. Todos os indiciados são integrantes de um grupo de extermínio.



Polícia Civil prende cinco suspeitos de furtos e roubos em Mossoró

Policiais civis da Delegacia Especializada em Furtos e Roubos, da Divisão de Polícia do Oeste (DIVIPOE), prenderam, nesta terça-feira (19), uma mulher e quatro homens suspeitos de furtos e roubos no município de Tibau do Norte. Segundo investigações, o grupo é responsável por arrastões em residências.

Durante o cumprimento dos mandados de busca e apreensão, foram encontrados os objetos das vítimas, porções de maconha e um revólver calibre 38 muninciado.

Os presos: Antônio Carlos dos Santos Marques, Clismar Silva Ferreira, Emily Luana Barreto da Silva, Rafael Bruno Dantas de Paiva e Reginaldo Aquino da Silva Junior, foram autuados em flagrante delito pelos crimes de roubo, receptação, formação de quadrilha, associação criminosa, posse de entorpecente e porte ilegal de arma de fogo.




Polícia Civil cumpre mandado de prisão preventiva

Na tarde de segunda-feira, (18), uma equipe da Polícia Civil de Caicó, cumpriu mandado de prisão preventiva contra Ana Laura Pereira Marques.

Ana Laura Pereira Marques descumpriu medida cautelar

Ela descumpriu medidas cautelares determinadas pela justiça, e após investigação policial, a Justiça determinara, novamente, a sua prisão preventiva.

Ana Laura responde pelo crime de tráfico de drogas, após ser flagranteada em fevereiro de 2018.

A Polícia Civil pede apoio da população por meio de denúncias anônimas, as quais podem ser realizadas pelo 181 ou 84 9.8602-0324 (WhatsApp).



Câmara Municipal de Caicó aprova piso dos professores

Câmara de vereadores aprovou reajuste do piso salarial dos professores

A Câmara de Vereadores de Caicó aprovou com unanimidade nesta segunda-feira (18) o projeto de lei que reajusta o piso dos professores. O projeto está em conformidade com a Lei Federal 11.738/2008, passando a ser a partir de 2019, R$ 2.634,47 para uma jornada de trabalho de 40 horas semanais.

De acordo com o projeto do Executivo o reajuste ficou em 4,17%, quais sejam os professores lotados lotados nas Unidades Escolares, Escola Profissional Júlia Medeiros , sede da Secretaria Municipal de Educação Cultura e Esportes e ainda professores readaptados, lotados  na Biblioteca Pública Olégario Vale, no âmbito da Rede Municipal de Ensino.




Brasil perderá status de país livre do sarampo após caso no Pará

O Brasil perderá o certificado de paíse livre do sarampo. O Ministério da Saúde informou, nesta terça-feira (19), à Organização Pan-Americana de Saúde (Opas) o registro de um caso de sarampo endêmico no Pará, em 23 de fevereiro deste ano. Desta forma, o país iniciará um plano com duração de um ano para retomar o statu. Com isso, o Brasil perderá a certificação de país livre da doença e iniciará o plano para retomar o título,concedido pela Opas em 2016, dentro dos próximos 12 meses, segundo o ministério.

Em comunicado, o ministro Luiz Henrique Mandetta informou que as taxas de vacinação caíram muito nos últimos anos e precisam voltar ao patamar de 95%.

*Agência Brasil