Boletim do Covid-19 no RN aponta que 51,1% dos casos são em mulheres e 48,9% são em homens

De acordo com informações do Boletim Epidemiológico Coronavírus divulgado pela Sesap, nesta sexta-feira (01), o estado do Rio Grande do Norte, tem 1297 casos confirmados da doença.

Os dados apresentados no Boletim, informam que do total de pessoas infectadas, 663 (51,1%) são mulheres e 634 (48,9%) são homens.

A maioria dos casos confirmados em pessoas do sexo feminino, tem entre 30 e 39 anos. Mas, existem mulheres em praticamente todas as faixas etárias que contraíram o Covid-19. A segunda maior quantidade de casos está na faixa entre 40 e 49 anos.

Nos homens, a faixa etária com maior incidência de casos, é entre 30 e 39 anos, seguidos daqueles que tem entre 40 e 49 anos e 50 e 59 anos de idade.

Quando os dados juntam os dois sexos na faixa etária de 60 ou mais, os óbitos somam 31, ou 55,4%.

Da mesma forma, quando são junta-se os dois sexos na faixa etária de 30 a 39 anos, os casos confirmados somam 402 ou 31%.

Dados do Boletim Epidemiológico da Sesap, do dia 1 de maio de 2020

Maioria dos pacientes que morreram por Covid-19 no RN tinham diabetes e pressão alta

Nas pessoas que morreram por Coronavírus no Rio Grande do Norte até esta sexta-feira (01), os médicos identificaram pelo menos 12 comorbidades, e 4 estão em evidência, a Diabetes Mellitus, a Hipertensão Arterial Sistêmica, a Doença Cardiovascular Crônica e a Obesidade.

Ou seja, as maioria das 56 pessoas que morram com o novo coronavírus, tinham Diabetes, Pressão Alta, alguma doença no coração ou eram obesas.

As outras comorbidades que aparecem na estatística, foram: Síndrome de Down, Doença Renal Crônica, Alzheimer, Anemia, Tabagismo, Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica, Hipotireoidismo e Neoplasia.


Caixa abre agências neste sábado para saques de auxílio em espécie

Agências da Caixa abrem neste sábado em todo Brasil Foto Marcelo Camargo ABr

As agências da Caixa Econômica Federal ficarão abertas neste sábado (2), das 8h às 12h, exclusivamente para tirar dúvidas de beneficiários do auxílio emergencial nascidos de janeiro a outubro e fazer o pagamento dos que, nesse grupo, desejam receber o crédito em dinheiro.

Pelo calendário inicial informado pelo banco, nascidos em setembro e outubro receberiam o benefício a partir de segunda-feira (4), mas com a abertura das agências esse pagamento será antecipado.

No dia 5 de maio será a vez de pessoas que querem receber a ajuda em espécie e fazem aniversário em novembro e dezembro.

Continue lendo

Hotel Thermas, de Mossoró, anuncia encerramento das atividades

Hotel Thermas encerra suas atividades em Mossoró

O Hotel Thermas, o mais tradicional de Mossoró, anunciou ontem através de nota que vai encerrar as atividades por tempo indeterminado. No texto, a empresa disse que a crise provocada pela pandemia do coronavírus inviabilizou a atividade. “Sem perspectivas de ocupação e com o cancelamento das reservas de hospedagens e eventos, em virtude da proibição de aglomeração, não nos restou outra alternativa a não ser encerrar este ciclo”, diz a nota.

Continue lendo

Prefeitura de Caicó segue com pagamento do mês de abril aos servidores

Pagamento continua sendo executado nesta sexta

Nesta sexta-feira (01), a prefeitura municipal de Caicó prossegue com o pagamento dos servidores municipais referente ao mês de abril de 2020.

Recebem o pagamento, os servidores efetivos lotados na sede da Secretaria Municipal de Saúde e na Estratégia Saúde da Família. Também recebem os servidores efetivos da Educação lotados no FUNDEB 60 INFANTIL e FUNDAMENTAL.


Vivaldo cobra providências para que pacientes de cardiologia e oncologia continuem tratamentos durante a pandemia

Deputado Vivaldo Costa cobra providência para o tratamento de pacientes com câncer e cardiopatas

Nesta terça-feira (28) aconteceu mais uma sessão remota da Assembleia Legislativa. O deputado Vivaldo Costa (PSD) cobrou providências para que os pacientes de cardiologia e oncologia continuem com seus tratamentos durante a pandemia da COVID19, no Rio Grande do Norte.

De acordo com Vivaldo, o medo de ir ao hospital e acabar contraindo a COVID-19 tem prejudicado o tratamento de pacientes cardíacos e com câncer. O pedido foi encaminhado para a governadora Fátima Bezerra e secretário da Saúde Pública, Cipriano Maia.

É fundamental, neste momento difícil e excepcional que o mundo está vivendo, que o Poder Público não poupe esforços visando preservar a saúde e a vida dos pacientes acometidos pelo COVID-19 e, no mesmo sentido, adotar medidas de estímulo para que os pacientes das áreas de oncologia e cardiologia continuem a manter seus respectivos tratamentos”, defendeu Vivaldo.