Polícia Civil começa apuração da morte de homem dentro de oficina no Centro de Caicó

Alan Bezerra foi morto a tiros

Na tarde desta quarta-feira (25), um homem foi assassinado com tiros de pistola no interior de uma oficina localizada no Centro da cidade de Caicó. Ele foi identificado como ALAN BEZERRA DA SILVA, de 29 anos, natural de Currais Novos, residente na Rua Maria da Luz Lima, no Boa Passagem. Os primeiros informes dão conta que ele residia no Bairro Recreio.

Um homem chegou ao local com um moto-taxi, entrou e abriu fogo contra a vítima que tombou sem vida. Depois, o assassino fugiu.

A esposa de Alan Bezerra estava no local e presenciou os disparos. Eles estavam com o carro para fazer reparos na referida oficina.

Policiais civis juntos com peritos do ITEP colherem as primeiras evidências do local do crime.

No interior do carro da vítima, foi encontrado e apreendido pela Polícia Civil, um revólver municiado.


Presidente do SindServ lembra que durante a campanha, Judas Tadeu e Batata assinaram carta compromisso

Por professor Thiago Costa

Presidente/SindServ

Durante a campanha eleitoral de 2020, em Caicó, o SindServ esteve todo tempo aberto, democraticamente, aos candidatos a prefeitos que tivessem interesse em dialogar, apresentar seus planos de governo. No entanto, apenas os candidatos Judas Tadeu e Robson Araújo (Batata) entraram em contato com a nossa diretoria para apresentar as suas propostas.

Vale salientar que nas ocasiões em que ocorreram esses encontros, tanto o candidato Judas Tadeu (eleito prefeito) quanto Batata (atual prefeito) se comprometeram com o conteúdo da Carta Proposta apresentada pelo SindServ.

Assim, para que se torne de conhecimento público, apresentamos a seguir os pontos elencados no documento entregue ao atual prefeito e ao prefeito eleito do município de Caicó:

Diálogo permanente com as instituições sindicais que representam as categorias de servidores públicos.

Cumprimento integral dos direitos estabelecidos nos planos de carreira dos servidores do município.

Revisão e atualização dos planos de carreiras dos servidores do município.

Organização e implementação do terço da hora-atividade dos professores, garantido na lei do piso nacional do magistério, e que ao longo dos anos não tem sido cumprido pelo município.

Instituir, através de lei municipal, data base para conclusão do pagamento da folha salarial dos servidores municipais.

Organização, por secretaria, de cronogramas anuais de concessão de licenças prêmios.

Levantamento do quantitativo de adicionais de titulações e mudanças de níveis pendentes a fim de que seja organizado um cronograma que garanta aos servidores o gozo desse direito.

Plano de melhoria das infraestruturas das escolas municipais, garantindo melhores condições de trabalho aos servidores.

Olhar atencioso para os servidores lotados no matadouro e no açougue públicos de Caicó, considerando a necessidade de melhorias nas péssimas condições de trabalhos que os mesmos vem enfrentando ao longo dos anos.

Atenção especial aos servidores da secretaria de saúde e ação social que estão e que, provavelmente, continuarão no combate a Covid-19 em 2021.

Valorização dos servidores que atuam na atenção básica da saúde, garantindo-lhes a aplicação integral da lei do Previne-Brasil.

Garantia de equipamentos de proteção individual (EPI), insumos e ferramentas de trabalho necessários aos servidores das diversas secretarias, garantindo-lhes o direito às devidas condições para o bom desempenho de suas funções.

Diante do exposto, acreditamos que a busca pela efetivação desses compromissos, através do diálogo permanente entre a gestão municipal e os sindicatos que representam as diversas categorias dos servidores públicos, é de extrema importância tanto para promoção de uma política de valorização dos servidores públicos quanto para melhoria dos serviços ofertados a população caicoense.


Batata diz que Câmara o prejudicou quando reduziu o limite máximo de crédito suplementar

A redução do limite de gastos que podem ser realizados pelo prefeito e que a Câmara Municipal de Caicó, reduziu em 2019, afetou de forma negativa a gestão do prefeito Batata Araújo. Foi o que ele disse em contato com o Blog Sidney Silva nesta quarta-feira (25). Ele também falou em perseguição.

Até o ano de 19, o Poder Executivo podia remanejar até 30% dos recursos de uma secretaria para outra. Então, o prefeito Batata (MDB) encaminhou projeto para a Câmara pedindo um aumento dessa porcentagem, mas, os vereadores não atenderam e decidiram reduzir para 3,5%.

Esse Limite Máximo de Crédito Suplementar deve ser destinado às causas das despesas que estiverem diretamente afetas às demais ações do Orçamento.

Batata comentou que espera, sinceramente, que Tadeu tenha mais sorte que ele em relação a Câmara de Vereadores.


Dr. Tadeu vai pedir a Câmara que aumente limite máximo de crédito suplementar

Dr. Tadeu confirmou que vai encaminha solicitação para os vereadores

O prefeito eleito de Caicó, Dr. Tadeu, em entrevista ao programa Cidade Alerta, da Rádio Rural FM 102,7, disse que terá contato com os vereadores da atual legislatura para pedir que ao votarem o Orçamento Anual, alterem a folga financeira do Poder Executivo, para cerca de 30%. Atualmente, esse limite é de 3,5%.

Esse Limite Máximo de Crédito Suplementar deve ser destinado às causas das despesas que estiverem diretamente afetas às demais ações do Orçamento.

Até 2019, o gestor podia remanejar entre às secretarias, até 30% do orçamento, mas, foi alterado para baixo quando o atual gestor pediu para ser aumentado.


Vereadores de Caicó devem se debruçar sobre Lei Orçamentária Anual

Na reta final da legislatura atual, os vereadores da Câmara Municipal de Caicó, devem se debruçar sobre a Lei Orçamentária Anual, que tem que ser votada e aprovada antes de findar o ano.

Em contato com alguns Edis, fomos informados que por duas vezes a LOA, encaminhada à Câmara, voltou para a Prefeitura por causa de erros.

Sobre a emendas impositivas para os vereadores, o valor total, é de R$ 1.662.793,35 (Hum milhão, seiscentos e sessenta e dois mil, setecentos e noventa e três reais e trinta e cinco centavos). Com isso, cada vereador tem direito a R$ 110.852,89 (Cento e dez mil, oitocentos e cinquenta e dois reais e oitenta e nove centavos), sendo que 50% desse valor, tem que ser destinado para a área de saúde.


Caicó: Acusado de assassinar homem a facadas em via pública é condenado a 19 anos

Na foto, em destaque, de camisa amarela, José Nazareno Salviano de Oliveira

O Tribunal do Júri Popular, reunido no Fórum Municipal Amaro Cavalcante, em Caicó, nesta terça-feira (24), condenou o réu, José Nazareno Salviano de Oliveira, a uma pena de 19 anos e 3 meses de reclusão por homicídio qualificado. Ele matou com 13 golpes de faca peixeira, no dia 20 de maio de 2019, o marchante, Jacinto Francisco Pereira.

O crime foi registrado por volta das 10hs, na Avenida Carlindo Dantas, no Centro de Caicó.

Na fase do inquérito policial, Nazareno confessou o crime e relatou que a vítima foi casada com sua irmã, tendo esta falecido em razão de um câncer. Disse que ele a maltratava, inclusive com agressões físicas constantes quando chegava em casa embriagado.

Em depoimento à Polícia, disse que desde quando saiu da prisão, 1 mês antes do crime, procurava a vítima para perguntar sobre a violência praticada contra sua irmã e que no dia do fato, ao avistá-lo perguntou e Jacinto respondeu: “Já aconteceu, o que você quer saber disso“. No momento do fato, o réu portava uma faca e após a resposta, perdeu a cabeça e foi em direção da vítima com o intuito de matá-lo. Disse que se lembra de ter desferido em torno de 4 cutiladas e que no primeiro golpe, Jacinto já ficou sem voz e que só parou quando chegou uma terceira pessoa e efetuou dois disparos de arma de fogo para o alto. Nesse momento, ele foi imobilizado e teve a arma retirada de sua mão.

Consta nos autos do processo, que na verdade, Jacinto foi golpeado 13 vezes pelo réu.

Após o término da sessão de julgamento, Nazareno foi encaminhado de volta à Penitenciária Desembargador Francisco Pereira da Nóbrega.

Outro crime

No dia 20 de junho de 2011, José Nazareno Salviano de Oliveira, Wellington Santos da Silva e Sebastião Dantas Lucena, foram presos acusados de tentativa de rapto.

Nas imediações do Hospital do Seridó, no centro de Caicó, abordaram Francisco de Assis Dantas, conhecido por “Zé Oin”, o colocaram dentro de um carro Gol de cor branca e placas MYV-0830 e fugiram em direção a cidade de São João do Sabugi/RN.

Uma guarnição do Grupo Tático Operacional (GTO) interceptou o veículo na estrada, no local conhecido por Curva da Morte.

Segundo Francisco de Assis, o grupo tinham a intenção de queimá-lo em local ignorado. Os policiais encontraram com os acusados, uma garrafa com gasolina, mangueira e munições.


Queiroz admite esquema de ‘rachadinhas’ ao MP e tenta inocentar Flávio Bolsonaro

Aos promotores que investigam o esquema criminoso no gabinete do então deputado estadual Flávio Bolsonaro, Fabrício Queiroz admitiu, por escrito, a prática das “rachadinhas” na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, mas negou o envolvimento de Flávio e de seu chefe de gabinete à época.

A explicação dada por Queiroz ao MP consta em uma petição anexada ao processo que tramita no Órgão Especial do Tribunal de Justiça do Estado do Rio.  

No documento, Fabrício Queiroz, apontado pelo Ministério Público do Rio de Janeiro como operador financeiro da organização criminosa, “admitiu que havia um acordo pelo qual os assessores por ele indicados para ocupar cargos no Gabinete haveriam de lhe entregar parte de seus vencimentos”.

Como consta na denúncia do MP, Queiroz afirmou que “tal acordo teria sido realizado sem consulta ou anuência do então Deputado Estadual nem de seu Chefe de Gabinete, valendo-se da confiança e da autonomia que possuía”.

*Leia a notícia completa da CNN Brasil aqui


Saiu o Edital do Concurso da Polícia Civil do RN; VEJA

Concurso da Polícia Civil do RN tem o edital publicado

O edital (AQUI) do concurso público da Polícia Civil do Rio Grande do Norte foi publicado no Diário Oficial do Estado, nesta quarta-feira (25). Serão disponibilizadas, 47 vagas do quadro de DELEGADO DE POLÍCIA CIVIL SUBSTITUTO, 230 vagas do quadro de AGENTE DE POLÍCIA CIVIL SUBSTITUTO e 24 vagas do quadro de ESCRIVÃO DE POLÍCIA CIVIL SUBSTITUTO.

As inscrições para o certame poderão ser feitas no período de 27 de novembro a 21 de dezembro de 2020.

Para efetuar sua inscrição e ver o Edital completo, o interessado deverá acessar, via Internet, o endereço eletrônico conhecimento.fgv.br/concursos/pcrn20, observando o seguinte:

a)            acessar o endereço eletrônico a partir das 14h do dia 27 de novembro de 2020 até as 16h00 do dia 21 de dezembro de 2020;

b)            preencher o requerimento de inscrição que será exibido e, em seguida, enviá-lo de acordo com as respectivas instruções;

c)            o envio do requerimento de inscrição gerará automaticamente o boleto de pagamento da Taxa de Inscrição, que deverá ser impresso e pago em espécie em qualquer agência bancária, ou por meio eletrônico, sendo de inteira responsabilidade do candidato a impressão e guarda do comprovante de inscrição;

d)            a inscrição feita pela Internet somente terá validade após a confirmação do pagamento pela rede bancária;

e)            A Polícia Civil do Estado do RN e a FGV não se responsabilizarão por requerimento de inscrição que não tenha sido recebido por fatores de ordem técnica dos computadores, os quais impossibilitem a transferência dos dados e/ou causem falhas de comunicação ou congestionamento das linhas de transmissão de dados;

f)             o requerimento de inscrição será cancelado caso o pagamento da taxa de inscrição (boleto) não seja efetuado até o dia 22 de dezembro de 2020, primeiro dia útil subsequente ao último dia do período destinado ao recebimento de inscrições via Internet;

g)            após as 16h00 do dia 21 de dezembro de 2020, não será mais possível acessar o formulário de requerimento de inscrição.

Confira o quadro de vagas e valor das inscrições por cago:

QUADRO DE VAGAS
CargoVagas
Taxa de inscriçãoAmplaPCDTotal
DELEGADO DE POLÍCIA CIVIL SUBSTITUTOR$ 150,00440347
AGENTE DE POLÍCIA CIVIL SUBSTITUTOR$ 120,0021812230
ESCRIVÃO DE POLÍCIA CIVIL SUBSTITUTOR$ 120,00220224
TOTAL28417301