Advogado de Lailson Lopes pede desaforamento do Júri

O advogado Aneziano Ramos, que defende o réu Lailson Lopes, acusado de ser partícipe do assassinato do jornalista Francisco Gomes de Medeiros (F. Gomes), ingressou no Tribunal de Justiça com pedido de desaforamento do julgamento popular do mesmo.

Outro réu no processo, o ex-pastor Gilson Neudo, também conseguiu através de seu defensor público, o desaforamento do júri para Natal.

O promotor disse que o processo será julgado de acordo com tudo que está no processo, inclusive, às provas e tudo isso justificam uma condenação. “Existe contra Lailson provas de telefones e testemunhais que incriminam. Se o pistoleiro falou com ele antes e depois da morte de F Gomes, é claro que ele está envolvido“, disse Geraldo Rufino.

O julgamento popular de Lailson Lopes, estava previsto para acontecer no dia 21 de junho deste ano no Fórum Amaro Cavalcante em Caicó.