Antes da perícia, diretora do Educandário suspeitava de incêndio provocado; Veja entrevista

A diretora do Educandário Santa Teresinha, em Caicó, Irmã Marli Araújo da Silva, concedeu entrevista a imprensa na tarde deste domingo (29) e disse (naquele momento) que se suspeitavam de pelo menos 3 possibilidades para o incêndio, uma delas é de que tivesse sido uma vela acesa, outra de que tivesse sido provocado por um carregador de celular em curto e por fim que tivesse sido provocado.

O que aumentou a probabilidade de ter sido intencional foi o fato de que os peritos do ITEP não terem encontraram durante a perícia, nada que os levasse a crer que houve curto-circuito de algum aparelho eletrônico. Porém, somente o laudo é que vai atestar a causa do incêndio.

Assistam a entrevista da Irmã Marli Araújo, diretora do Educandário: