Aos 58 anos, Guilherme Karan morre no Rio de Janeiro

Aos 58 anos, Guilherme Karan morreu na manhã desta quinta-feira (07), no Rio de Janeiro. A informação foi confirmada por familiares do artista ao canal Globo News.

O ator estava internado há dois anos no Hospital Naval Marcílio Dias, na Zona Norte da cidade. Ele se tratava da síndrome de Machado-Joseph, uma doença genética, hereditária e degenerativa, que também provocou o falecimento da mãe e do irmão de Guilherme. Uma outra irmã dele está na cadeira de rodas.

O último trabalho de Karan foi na novela “América” (2005), escrita por Gloria Perez. Logo depois, os primeiros sintomas começaram a aparecer, o que causou o seu afastamento da TV.
O ator ficou conhecido em todo o Brasil por ter feito parte do elenco do programa “TV Pirata” (1988/1990). Guilherme Karan também participou de “Partido Alto” (1984), “Meu Bem, Meu Mal” (1990), “Perigosas Peruas” (1992), “Explode Coração” (1995), “Engraçadinha, Seus Amores e Seus Pecados” (1995), “Hilda Furacão” (1998), “Pecado Capital” (1998), “O Clone” (2001), entre outros projetos.