Após 9 meses, assassinos de idosa caicoense, seguem foragidos

Neste sábado (23), completaram-se 9 meses e 16 dias da morte de Valdira Medeiros. Ela faleceu aos 80 anos de idade, depois de ter sido vítima de assalto em sua casa no Bairro Acampamento, em Caicó. Os ladrões a espancaram. O crime foi registrado no dia 6 de junho.

Quando os ladrões (eram dois), entraram na casa da idosa, ainda era madrugada e disseram que queriam joias e dinheiro. Eles demoraram no interior da casa e lá promoveram sessões de espancamento contra a vítima.

Quando fugiram, levaram vários objetos de valor do interior da casa.

Antes de ser encaminhada para Natal, por causa de seu estado de saúde, Valdira ainda esteve na Delegacia de Polícia Civil, para prestar queixa. Ela que estava com hematomas pelo corpo e várias costelas quebradas, contou que os ladrões eram jovens.

Em Natal, dona Valdira Medeiros, morreu, não resistindo aos ferimentos.

Os dois ladrões nunca foram localizados pela Polícia.