Após fechar acordo com a Justiça do Trabalho, grupo Medeiros paga R$ 1,8 milhão a 170 trabalhadores

A Vara do Trabalho de Caicó liberou R$ 1.876.457,16 para 170 trabalhadores do grupo econômico Medeiros S/A Industria e Comércio. Esse valor corresponde à primeira parcela de um acordo firmado pela juíza do trabalho Rachel Vilar, no valor de R$ 10 milhões, com as empresas do grupo, formado pela Soridem Jardim Confecções, Sabonáceos do Seridó e Via Direta Shopping, que chegou a ser penhorado em função dessa dívida.

Várias empresas do grupo encerraram suas atividades sem cumprir o dever legal de pagar verbas rescisórias, salários atrasados, férias, FGTS, aviso prévio, dentre outros direitos a seus ex-empregados.

Diante desse fato, ocorrido em 2008, os trabalhadores demitidos ingressaram com inúmeras ações na Justiça do Trabalho do Rio Grande do Norte.

Agora, 170 deles, a maioria moradores do município de Jardim do Seridó, serão beneficiados com o acordo.