Caicó: Caern acredita que até sexta-feira, dia 1º, abastecimento deve ser normalizado

Água do Rio Piranhas está baixando rápido e pode comprometer abastecimento
Caern acredita que normaliza abastecimento em Caicó ainda esta semana

As últimas chuvas ocorridas na região do rio Piranhas/Açu, desde a semana passada, carregaram material orgânico e areia até a captação em Jardim de Piranhas, onde a água é tratada e conduzida para a cidade de Caicó através da adutora Manoel Torres. O tratamento tem sido mais demorado, o que gerou dificuldades no abastecimento da cidade de Caicó. A gerente regional em Caicó, Rosy Gurgel, acredita que até sexta-feira (01 de abril) as partículas em suspensão (turbidez) tenham sido decantadas e o abastecimento regularizado nos pontos mais altos da cidade de Caicó.

A turbidez da água é comum ocorrer nas primeiras chuvas e requer aumento na quantidade dos produtos utilizados no tratamento da água, feito com bombas dosadoras capazes de agregar partículas para decantação. Quando isso acontece os filtros são lavados mais vezes e o tratamento mais demorado, reduzindo assim a produção. No caso de Caicó, em condições normais são distribuídos 500 mil litros de água por hora, mas após as chuvas o volume foi reduzido e as partes mais altas ficaram com o abastecimento comprometido. Na manhã da terça (29), a Caern recuperou a produção e está bombeando normalmente.

A gerente acredita que os bairros da Zona Norte, entre eles Alto da Boa Vista, Salviano Santos, Nova Caicó e parte alta do Monsenhor Walfredo Gurgel, terão o serviço regularizado gradativamente até sexta-feira (01). A empresa enviou uma equipe de técnicos para acompanhar o trabalho em Jardim de Piranhas, monitorando a qualidade da água antes e depois do tratamento.