Caicoense esfaqueada pelo ex-companheiro morre em Natal/RN

Claudineide morreu em Natal

Morreu na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Walfredo Gurgel, em Natal, a caicoense Claudineide da Silva, de 33 anos, que foi esfaqueada pelo ex-companheiro identificado como Novinho, fato ocorrido no dia 18 de novembro de 2018, na frente da residência da vítima no Conjunto Casas Populares, no Bairro Barra Nova. Ela sofreu cerca de 08 cutiladas de faca em várias partes do corpo.

De acordo com o relato de uma das filhas, de Claudiane, Kátia Viviane Silva do Nascimento, sua mãe passou 1 mês e 18 dias internada, inicialmente na UTI do Hospital Regional de Caicó, aonde teve infecção pulmonar. Depois foi encaminhada para Natal.

Nesse período, Claudiane, que estava tetraplégica por causa de uma das facadas ter atingido uma artéria que oxigenava a medula óssea, passou por cirurgias, sofreu paradas respiratória e cardíaca e estava com as funções cerebrais bastante comprometidas.

O agressor está foragido desde o dia do fato. Após o ataque, Novinho não foi mais encontrado em Caicó.