Anatel esclarece atuação da Agência em relação às rádios comunitárias e orienta entidades

Anatel esclarece atuação da Agência em relação às rádios comunitárias e orienta entidades

Os problemas para instalação das rádios comunitárias no país e uma nova legislação para o setor foram temas de audiência pública realizada na Comissão de Ciência, Tecnologia, Comunicação e Informática (CCTCI) no Senado, nesta quinta-feira, 27.04. O chefe da Assessoria Técnica da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Marcus Paolucci, disse durante a  audiência que a Agência já fez alterações em seus regulamentos beneficiando as rádios comunitárias. Mas, explicou Marcus Paolucci, os problemas relacionados às frequências precisam ser analisados individualmente pela Anatel.

O coordenador de Análise Técnica de Radiodifusão Educativa do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicação (MCTIC), Rodrigo Cruz Gebrim, disse durante o debate que existem de 4,7 mil rádios comunitárias outorgadas no país. O número de rádios FM é bem menor, destacou,  cerca de 3,5 mil. Segundo Gebrim, o Ministério quer reduzir para seis meses o prazo para autorizar o funcionamento das rádios comunitárias. Atualmente, o processo leva cerca de um ano.

O coordenador executivo da Associação Brasileira de Rádio Comunitária (Abraço), Geremias dos Santos, informou que as rádios comunitárias demandam novas frequências para evitar as zonas de sombra que impedem o acesso ao serviço para as populações residentes nestas áreas. Os representantes das rádios comunitárias reclamaram ainda do andamento dos processos na Anatel, que consideram lento.

Trabalhadores dos Correios entram em greve por tempo indeterminado

Funcionários dos Correios entram em greve

Do G1 – Os trabalhadores dos Correios decidiram entrar em greve a partir das 22h de quarta-feira (26), segundo a Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios e Telégrafos e Similares (Fentect). A paralisação, segundo a entidade, é por tempo indeterminado, caso as negociações não avancem.

A greve é contra a privatização, demissões e retiradas de direitos, além do fechamento de mais de 200 agências no país, segundo a Fentect. De acordo com a federação, dos 36 sindicatos filiados à entidade, 33 aderiram. Somente três estados não participam: Sergipe, Amapá e Roraima.

Os funcionários das agências franqueadas, que são terceirizados, não participam da greve. A empresa possui atualmente cerca de 6.500 agências próprias, além de mais de 1 mil franqueadas.

Além do fim das agências próprias dos Correios, com fortalecimento das franqueadas, o que esvazia os negócios da empresa para a iniciativa privada, a ECT implantou a entrega alternada em vários locais do país. Assim, aprofunda a má qualidade na entrega de correspondências, que deixa de ser diária, retirando, dessa maneira, o direito do cliente de receber regularmente as encomendas“, diz a federação.

Brasil registra queda de 15,02 milhões de linhas móveis nos últimos doze meses

Brasil registra queda de 15,02 milhões de linhas móveis nos últimos doze meses

Em março de 2017, a telefonia móvel apresentou queda de 15,02 milhões de linhas (-5,83%) em comparação com o mesmo mês do ano passado. Segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) o crescimento tem sido liderado pela operadoras virtuais Datora e Porto Seguro, que apresentaram adição de 70,08 mil  e de 115,6 mil. Dos quatro maiores grupos, a Vivo apresentou uma pequena elevação de 726,1 mil (+0,99%). TIM, Claro e Oi registraram queda de 5,40 milhões (- 8,03%), 5,05 milhões (-7,74%) e 5,67 milhões (-11,88%).

Nas tecnologias, nos últimos doze meses, o 4G (LTE) apresentou crescimento de 38,78 milhões, uma variação de 119,23%. No mesmo período, as linhas M2M (linhas de dados voltadas para aplicações máquina- máquina) apresentaram crescimento de 1,8 milhão. Todas as outras tecnologias utilizadas na telefonia móvel apresentaram redução.

Nos últimos doze meses, todos os estados apresentaram queda na telefonia móvel exceto Roraima que apresentou crescimento de 8,08 mil linhas. Os estados que apresentaram as três maiores quedas foram Pernambuco, com redução de 1,3 milhão (-11,02%), Rio Grande do Norte, com menos 451,98 linhas (-10,74%) e Alagoas e Ceará  com queda de 10,67%.

A Anatel também liberou a variação entre fevereiro e março de 2017 dos dados da telefonia móvel.

Cantor Jerry Adriani será sepultado nesta segunda-feira (24)

Sepultamento de Jerry Adriani será nesta segunda – (Foto: Divulgação)

O cantor Jerry Adriani, que morreu neste domingo (23), no Hospital Vitória, na Barra da Tijuca, será enterrado nesta segunda-feira. O velório acontece de manhã no Cemitério Francisco Xavier, no Caju, Zona Portuária do Rio. O enterro acontece à tarde. Ídolo da Jovem Guarda, o artista morreu às 15h30 deste domingo (23), aos 70 anos. Ele enfrentava um câncer.

A família confirmou a morte do artista ao G1 por telefone. Recentemente, Jerry Adriani também havia sofrido uma trombose em uma das pernas. Ao se internar, foi diagnosticado o câncer.

Jair Alves de Souza nasceu em 29 do janeiro de 1947, no bairro do Brás, em São Paulo. Adotou o nome artístico de Jerry Adriani quando começou sua carreira como cantor, em 1964. O primeiro disco foi “Italianíssimo”, quando cantava músicas em italiano, algo que seguiu fazendo em toda a carreira.

Em 1965, o cantor passou a gravar em português, com músicas reunidas no disco “Um grande amor”. Também na década de 1960, Jerry virou apresentador do programa “Excelsior a Go Go”, da TV Excelsior. O programa coapresentado por Luiz Aguiar era um musical com apresentações de artistas como Os Vips, Os Incríveis e Cidinha Santos.

Outro programa musical que ele comandou foi “A grande parada”, no ar pela TV Tupi em 1967 e 1968. Ele era um dos apresentadores ao lado de Neyde Aparecida, Zélia Hoffmann, Betty Faria e Marilia Pêra.

Além da TV, Jerry se aventurou pelo cinema. Ele cantou e atuou em “Essa gatinha a minha” (com Peri Ribeiro e Anik Malvil); “Jerry, A grande parada”; e “Jerry em busca do tesouro” (com Neyde Aparecida e os Pequenos Cantores da Guanabara).

Campanha Baleia Rosa usa redes sociais para incentivar boas ações

Campanha na internet quer combater o desafio da baleia azul

Uma página nas redes sociais traz 50 tarefas para serem executadas, uma por dia, para promover o bem, tanto aos outros, como a si mesmo. A campanha Baleia Rosa está no ar desde 13 de abril, no Facebook. Em pouco mais de uma semana, a página foi curtida por mais de 240 mil pessoas.

Criado por dois amigos publicitários, o projeto tem página no Facebook, no Twitter e no Instagram, além do site oficial. Entre as tarefas propostas, estão olhar no espelho e agradecer por tudo que tem na vida, ligar para os avós, usar uma roupa nova em plena segunda-feira, pedir desculpas ou perdoar alguém – desbloquear nas redes sociais também vale – e conversar com alguém com quem não fala há muito tempo.

A intenção é que os chamados filhotes rosa, aqueles que aceitam o desafio, postem nas redes sociais registros das tarefas executadas.

Estamos vivendo uma época de muita descrença, ódio, negatividade, impaciência, indiferença, incertezas. Parece que falta esperança nas pessoas! Nadando contra esta maré, sabemos que a internet pode ser uma poderosa ferramenta para reverter este quadro. Acreditamos que todos têm a capacidade de ajudar outras pessoas e construir o bem”, diz a descrição da página.

Continue Lendo “Campanha Baleia Rosa usa redes sociais para incentivar boas ações”

Marinha está com 239 vagas para nível superior

Marinha está com 239 vagas para nível superior

Foi publicado esta semana, o Edital do Quadro Técnico do Corpo Auxiliar da Marinha, com oferta de 29 vagas de nível superior nas áreas de Humanas e Exatas, tais como Direito, Comunicação Social, Informática, Educação Física, entre outras. Uma novidade para este ano é a prova de títulos. As inscrições vão de 26 de abril a 29 de maio.

A Marinha também está com outras 64 vagas abertas para o Corpo de Engenheiros e 146 para o Corpo de Saúde.

Os três concursos são para ambos os sexos. Para concorrer a uma das vagas é preciso ser brasileiro, ter menos de 36 anos e curso superior na área pretendida ou estar no ano de conclusão, além de outros requisitos listados em edital.

A inscrição deve ser feita, preferencialmente, no site da Diretoria de Ensino da Marinha (www.ingressonamarinha.mar.mil.br e www.ingressonamarinha.mar.mil.br)

O valor da inscrição é de R$ 110,00.

Os candidatos farão provas de conhecimentos profissionais e redação. Aqueles que forem aprovados em todas as etapas, farão o Curso de Formação de Oficiais (CFO) no Centro de Instrução Almirante Wandenkolk (CIAW), na cidade do Rio de Janeiro, com duração de 39 semanas.

No final de 2018, após ser aprovado no Curso de Formação de Oficiais,  o militar será nomeado Oficial da Marinha do Brasil no posto de Primeiro-Tenente e passará a receber remuneração de cerca de R$ 10.500,00.

Ministério da Agricultura identifica 45 marcas de azeite fraudados

Mapa identifica 45 marcas de azeite fraudados

O Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa) identificou irregularidades em 45 marcas de azeite entre 140 coletadas nos últimos dois anos. As amostras foram colhidas em 12 estados e no Distrito Federal, num total de 322.329 litros (dos quais 114.750 litros considerados conformes e 207.579 litros com problemas). A equipe de fiscalização inspecionou 279 amostras de 214 lotes. Do total, 38,7% dos lotes tinham problemas e 79% das irregularidades eram relacionadas a baixa qualidade (produto ruim vendido como bom).

A fraude mais comum praticada por empresas envazadoras é a utilização de óleo vegetal com azeite lampante, que tem cheiro forte e acidez elevada, (extraído de azeitonas deterioradas ou fermentadas) e que não deve ser destinado à alimentação. No Paraná, foram identificadas empresas que vendiam produto como azeite de oliva, mas com composição de 85% de óleo de soja e 15% de lampante. As fraudadoras foram autuadas, multadas em até R$ 532 mil por irregularidade encontrada e os produtos foram apreendidos para descarte. As empresas também foram denunciadas ao Ministério Público. O próximo passo é a abertura de inquérito policial.

Entre as marcas que apresentaram irregularidades estão a Astorga, Carrefour, Almeirim, Conde de Torres, entre outras. E entre as marcas que passaram nos testes, encontram-se Andorinha, Aro, Apolo, Borges, Belo Porto, Carrefour Discount e outras.

Continue Lendo “Ministério da Agricultura identifica 45 marcas de azeite fraudados”

STF diz que greve de servidores da segurança é inconstitucional

Plenário reafirma inconstitucionalidade de greve de policiais civis – (Foto: Nelson Jr/STF)

Por maioria de votos, o Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) reafirmou entendimento no sentido de que é inconstitucional o exercício do direito de greve por parte de policiais civis e demais servidores públicos que atuem diretamente na área de segurança pública. A decisão foi tomada na manhã desta quarta-feira (5), no julgamento do Recurso Extraordinário com Agravo (ARE) 654432, com repercussão geral reconhecida.

A tese aprovada pelo STF para fins de repercussão geral aponta que “(1) o exercício do direito de greve, sob qualquer forma ou modalidade, é vedado aos policiais civis e a todos os servidores públicos que atuem diretamente na área de segurança pública. (2) É obrigatória a participação do Poder Público em mediação instaurada pelos órgãos classistas das carreiras de segurança pública, nos termos do artigo 165 do Código de Processo Civil, para vocalização dos interesses da categoria”.

O recurso foi interposto pelo Estado de Goiás contra decisão do Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO) que, na análise de ação apresentada naquela instância pelo Estado contra o Sindicato dos Policiais Civis de Goiás (Sinpol/GO), garantiu o direito de greve à categoria por entender que a vedação por completo da greve aos policiais civis não foi feita porque esta não foi a escolha do legislador, e que não compete ao Judiciário, agindo como legislador originário, restringir tal direito.

Continue Lendo “STF diz que greve de servidores da segurança é inconstitucional”

Toyota lança Corolla modelo 2018

Novo Corolla 2018 é lançado pela Toyota

Da Tribuna do Norte – A Toyota lança no mercado brasileiro a linha 2018 do Corolla, seu carro de maior sucesso no Brasil e no mundo, que chega com design renovado e moderno, mais itens de conforto, conveniência e segurança. Tudo isso, aliado a uma qualidade construtiva fantástica, powertrain robusto, que garante excelente dirigibilidade, amplo espaço interno e alto padrão Toyota de qualidade, durabilidade e confiabilidade.

Uma das novidades que a Toyota traz este ano, e  promete atrair novos clientes, é a introdução da versão XRS, com itens como aerofólio traseiro, saias esportivas, ponteira de escapamento cromada e interior na cor preta. Além disso, o Corolla 2018 passa a contar com controle de estabilidade, tração, assistente de subida e sete airbags para toda a linha, reforçando ainda mais a segurança do modelo, que recebeu 5 estrelas nos testes de colisão do Latin NCap.

O Corolla 2018 estará disponível em seis versões: GLi 1.8L com transmissão manual de seis velocidades; GLi 1.8L e GLi 1.8L Upper com transmissão automática Multi-Drive, que reproduz sete velocidades nos modos Drive e sequencial, por meio de trocas na alavanca de transmissão; XEi, XRS e Altis, todas com motor 2.0L e equipadas com a mesma transmissão automática Multi-Drive, incrementada com a possibilidade de trocas de marchas manuais no modo sequencial, tanto na alavanca do câmbio quanto por meio de borboletas localizadas atrás do volante.

Ministério da Agricultura emite nota sobre a operação “Carne Fraca”

O Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento emitiu uma nota neste sábado sobre os acontecimentos que vieram à tona com a operação “Carna Fraca” da Polícia Federal deflagrada nesta sexta-feira (17).

Brasília (18/03/2017)

1.       O Serviço de Inspeção Federal é considerado um dos mais eficientes e rigorosos do mundo. Tem um quadro de 2.300 servidores e inspeciona 4.837 unidades produtoras habilitadas para exportação para 160 países. Foi com este Serviço que construímos uma reputação de excelência na agropecuária e conseguimos atender às exigências rigorosas de diferentes nações.

2.       Alguns fatos pontuais começaram a ser investigados após denúncia de um servidor da área de fiscalização do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Ao todo, 33 fiscais federais estão sob investigação e três plantas foram interditadas, enquanto outras 21 estão sob fiscalização especial.

3.       O governo brasileiro, através dos seus serviços de fiscalização, da Polícia Federal e outros órgãos de controle, cumpre seu papel de garantir a qualidade e sanidade, tanto dos produtos alimentícios destinados ao mercado externo quanto ao mercado interno, sejam de origem animal ou vegetal.

4.       A investigação da Polícia Federal e a pronta reação das nossas autoridades do Ministério da Agricultura são a maior prova de que nosso sistema de proteção e fiscalização está alerta e funcionando plenamente, e servem como garantia ao consumidor da qualidade dos produtos de origem agropecuária de nosso país.

 

Ações sobre o aborto devem reacender debate sobre o tema no STF e no Congresso

Ações sobre o aborto devem reacender debate sobre o tema no STF e no Congresso

ABr – Desde o ano passado, ações encaminhadas ao Supremo Tribunal Federal (STF) e julgadas pela Corte reacenderam a discussão sobre a descriminalização do aborto no país. Nesta semana, uma nova ação protocolada no tribunal pede que o aborto deixe de ser considerado crime até a 12ª semana de gestação, em qualquer situação. Também está na pauta da Corte neste ano o tema do aborto em caso de contaminação da mãe com o vírus Zika. Por outro lado, tramitam no Congresso Nacional mais de 30 projetos sobre o assunto, a maioria deles restringindo as possibilidades legais para a prática.

A ação impetrada essa semana pelo PSOL e a ONG Anis ainda não tem previsão para julgamento. Já a ação da Associação Nacional de Defensores Públicos (Anadep), que trata da descriminalização do aborto em caso de infecção por Zika, já está pronta para julgamento. A relatoria é da presidente da Corte, minis

89% dos brasileiros escutam rádio, aponta pesquisa do Ibope

89% dos brasileiros escutam rádio

Além do consumo do rádio e o seu perfil demográfico, a Kantar IBOPE Media apresenta, pela primeira vez, a audiência comportamental do meio, na 3º edição do Book de Rádio. O estudo também traz insights sobre os hábitos, preferências, opiniões e consumo dos seus ouvintes.

A partir do TGR Rádio, lançado no fim do ano passado, é possível saber que 80% dos ouvintes de rádio, em São Paulo, acreditam que é muito importante estar bem informado. Já no Rio de Janeiro, 64% sempre procuram os melhores preços ao comprar equipamentos eletrônicos e, em Recife, 85% dos ouvintes gostam de produtos que facilitem o dia a dia.

O TGR Rádio, que cruza os dados de aferição regular do meio e do estudo single source Target Group Index, permite que anunciantes e agências estruturem, de forma mais personalizada e efetiva as suas campanhas de rádio”, explica Dora Câmara, diretora comercial Brasil da Kantar IBOPE Media.

Também de acordo com dados do Book de Rádio, o meio continua a desempenhar um papel fundamental no dia a dia do brasileiro. Em 2016, o rádio alcançou 89% das pessoas nas 13 regiões metropolitanas, onde a audiência é aferida pela empresa, o equivalente a 52 milhões de indivíduos. Em média, o brasileiro escuta 4 horas e 36 minutos ao dia – com destaque para a Grande Goiânia, onde os ouvintes dedicam 5 horas e 34 minutos do seu dia para o meio.

“O rádio é um meio versátil e ágil, ligado ao movimento. Além de ouvir em casa, as pessoas escutam rádio no carro indo para o trabalho, pelo celular enquanto caminham, na academia enquanto se exercitam. O meio é o grande companheiro dos ouvintes”, analisa Dora.

O estudo completo – com insights sobre o perfil do ouvinte, incluindo leituras do comportamento por praça e dados sobre a compra de espaço publicitário no meio – está disponível no site da Kantar IBOPE Media.

Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 35 milhões

Neste sábado, 25, a Caixa Econômica Federal sorteou os números do concurso 1907 da Mega-Sena. O valor do prêmio era de R$ 30 milhões, e os números sorteados foram: 03 – 25 – 35 – 38 – 44 – 48.

Mas ninguém acertou as seis dezenas e, mais uma vez, o prêmio acumulou e agora é de R$ 35 milhões. O valor fica para o próximo concurso, cujo sorteio será realizado na próxima quarta-feira, 1º de março.

STF marca posse de Alexandre de Moraes para o dia 22 de março

O Supremo Tribunal Federal dará posse a Alexandre de Moraes no cargo de ministro em sessão solene marcada para o dia 22 de março. O decreto de nomeação de Moraes, assinado pelo presidente da República, Michel Temer, foi divulgado nesta quarta-feira (22) em edição extraordinária do Diário Oficial da União (DOU).

Alexandre de Moraes vai ocupar vaga decorrente do falecimento do ministro Teori Zavascki, ocorrido em janeiro deste ano. Sua indicação foi publicada no DOU de 7 de fevereiro último. O indicado foi sabatinado pela Comissão de Constituição e Justiça do Senado Federal nesta terça-feira, onde teve seu nome aprovado. Na manhã desta quarta, o plenário do Senado aprovou a indicação.

A mesma edição extra do DOU traz decreto presidencial que exonera Alexandre de Moraes do cargo de ministro de Estado da Justiça e Segurança Pública.

PF cumpre mandados da 38ª fase da Operação Lava Jato no Rio de Janeiro

Do G1 – Policiais federais estão nas ruas desde as primeiras horas desta quinta-feira (23) para cumprir mandados da 38ª fase da Operação Lava Jato. Foram expedidos 15 mandados de busca e apreensão e dois de prisão preventiva no Rio de Janeiro. A operação foi batizada de Blackout.

De acordo com as investigações, a ação tem como alvo principal a atuação de operadores financeiros identificados como facilitadores na movimentação de recursos indevidos pagos a integrantes das diretorias da Petrobras. Eles são investigados pelos crimes de corrupção, fraude em licitações, evasão de divisas, lavagem de dinheiro dentre outros.

Conforme a  PF, o nome da operação é uma referência ao sobrenome dos dois operadores.

“A simbologia do nome tem por objetivo demonstrar a interrupção definitiva  da atuação destes investigados como representantes deste poderoso esquema de corrupção”, disse a PF.

Os presos serão levados para a Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba.