Município de Caicó efetua pagamento da diferença do décimo terceiro de 2016

A prefeitura de Caicó, através da secretaria de Tributação e Finanças, confirmou que já está nas contas dos servidores, o pagamento da diferença do décimo terceiro salário de 2016, deixado pela gestão anterior.

Mais um compromisso assumido com os servidores municipais que é cumprido pelo prefeito Batata Araújo. O próximo passo é dar início ao pagamento do décimo terceiro salário 2017.



Cuidado com o uso do cheque especial e do cartão de crédito

Cuidado com o uso do cheque especial e do cartão de crédito

Segundo uma pesquisa feita pelo Serviço de Proteção ao Crédito, o SPC Brasil e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas, 26% dos consumidores possuem cheque especial disponível para uso no banco, mas 51% deles não sabem os juros que são cobrados. Nem com o cheque especial, nem com o cartão de crédito, que tem as taxas mais altas do mercado. Por isto é preciso ter muito cuidado, para que eles não se tornem uma armadilha para o seu bolso.

Pode não parecer, mas é bem comum o consumidor entrar no cheque especial e, no mês seguinte, sentir que falta dinheiro na conta. Ou então pagar o mínimo do cartão de crédito e ter muito mais dificuldade para quitar a dívida depois.

Continue lendo



Prefeitura de Currais Novos antecipa pagamento do 13º salário para a sexta-feira, 15

A Prefeitura Municipal de Currais Novos antecipará para esta sexta-feira (15) o pagamento da última parcela do “13º salário” dos servidores municipais. De acordo com a Secretaria Municipal de Planejamento e Finanças – SEMFIN, o valor total do pagamento é de R$ 1.065.826,32 (Um milhão, sessenta e cinco mil, oitocentos e vinte e seis reais, e trinta e dois centavos).

Nos dias 13 e 14 de julho deste ano, a gestão municipal já havia pagado 50% do 13º salário num valor de R$ 1.259.132,22 (Um milhão, duzentos e cinquenta e nove mil, cento e trinta e dois reais e vinte e dois centavos).



Simples terá novas regras em 2018 para enquadramento do MEI

Os profissionais autônomos e negócios registrados na categoria de Microempreendedor Individual (MEI) devem estar atentos para as novas mudanças do Simples Nacional que entram em vigor no dia 1º de janeiro de 2018. Com o aumento do limite de faturamento do MEI para R$ 81 mil, os empreendedores que faturaram em 2017 entre R$ 60 mil e R$ 72 mil poderão optar pelo pagamento de uma multa sobre o excedente e permanecer enquadrados no mesmo regime tributário. No Rio Grande do Norte, o MEI é a principal figura jurídica do Simples, reunindo cerca de 101,5 mil das 159 mil empresas optantes pelo regime fiscal simplificado.

Continue lendo



Estado paga hoje (06) salários de até R$ 4 mil

Os servidores do Governo do RN que recebem entre R$ 2.001,00 R$ 4 mil recebem seus vencimentos referentes ao mês de outubro hoje (6), conforme anunciado pelo governo.

Para os ativos, o crédito já está disponível nas contas dos servidores. O pagamento dos inativos (aposentados e pensionistas) será depositado a partir das 14hs, em virtude de trâmites operacionais.

Importante

É preciso esclarecer que circulam, principalmente em redes sociais, informações falsas a respeito do décimo terceiro e da folha de novembro. O governo ainda não divulgou as datas para estes pagamentos.



Reforma da Previdência pode conter aumento exagerado de impostos pelo governo

Sem a reforma da Previdência, o déficit do INSS chegará a 11,3% do Produto Interno Bruto do país em 2060. Esse percentual tão alto exigirá do governo um aumento de 8,5% da carga tributária do País também na proporção do PIB. O alerta foi dado pelo Tesouro Nacional no relatório “Aspectos Fiscais da Seguridade Social no Brasil”, divulgado no final de novembro. Esse déficit é o seguinte: significa que o total arrecadado é inferior a toda a despesa para pagar pensões e aposentadorias. Em 2016, essa diferença negativa foi de quase R$ 152 bilhões.

Continue lendo



Petrobras aumenta em 5,3% preço do gás usado na indústria e no comércio

A Petrobras decidiu reajustar em 5,3%, na média, os preços do gás liquefeito de petróleo, o GLP, destinado ao uso industrial e comercial. O aumento entra em vigor neste sábado (2).

De acordo com a estatal, o reajuste é resultado da nova política da empresa que acompanha as oscilações dos preços no mercado internacional. A alteração que entra em vigor, neste sábado, foi necessária, segundo a empresa, por conta do aumento das cotações internacionais de GLP, que acompanharam a alta do petróleo do tipo Brent, comercializado na Bolsa de Londres e que tem referência óleo extraído no Mar do Norte e no Oriente Médio.

A Petrobras ressaltou, porém, que esse reajuste não se aplica aos preços de GLP destinado ao uso residencial, comercializado pelas distribuidoras em botijões de até 13 quilos conhecido por gás de cozinha.



Nordeste registra maior desigualdade nos rendimentos, aponta IBGE

O Nordeste é a região do país com maior desigualdade nos rendimentos. A informação foi divulgada na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua) de 2016, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o IBGE. A informação foi detalhada pelo gerente da pesquisa, Cimar Azeredo. “27,6% da população do Brasil está na região Nordeste. Olhando o mapa você vai pensar: o Nordeste seria a região com a segunda maior massa de rendimento, que é a soma de todos os rendimentos, tanto de trabalho como de outras fontes que circulam no Estado. É lá que podemos encontrar os Estados com maior desigualdade, que é o caso de Pernambuco, um Estado extremamente desigual, a Bahia é muito desigual, o Maranhão é desigual demais, com índices bastante elevados”.

Continue lendo



Para ex-ministro, gastos com aposentadorias podem fazer do Brasil uma nova Grécia

O Brasil gasta com Previdência Social em média 8% do seu Produto Interno Bruto. Esses gastos são tão altos que o país caminha para uma crise semelhante à vivida pela Grécia. A constatação é alarmante e é feita por quem conheceu bem de perto o sistema previdenciário do país. Economista e diretor-executivo na FenaSaúde, José Cechin foi ministro da Previdência no último ano do governo Fernando Henrique Cardoso.

Cechin anda assustado com os rumos das contas públicas no Brasil. Na crise em que se afundaram em 2009, os gregos gastavam com aposentados e pensionistas quase o mesmo percentual que hoje coloca no vermelho o caixa brasileiro.

Continue lendo



Trabalhadores têm até 28 de dezembro para fazer o saque do Abono Salarial de 2015

O prazo máximo para os trabalhadores sacarem o Abono Salarial ano-base 2015 é 28 de dezembro. Tem direito ao benefício quem trabalhou formalmente naquele ano por pelo menos 30 dias e recebeu até dois salários mínimos. É necessário também que a pessoa esteja inscrita no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter os dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais, a Rais.

O pagamento será proporcional ao tempo de serviço, ou seja, quem ficou empregado durante os 12 meses vão receber R$ 937. Já o cidadão que trabalhou um mês, pode retirar R$ 79, correspondente a primeira parcela de 12 do valor na íntegra.

De acordo com o Ministério do Trabalho, mais de 1,4 milhão de pessoas ainda não fizeram o saque, e há R$ 990 milhões ainda disponíveis para pagamento. O órgão alerta que o prazo para retirar os valores não será prorrogado.

O dinheiro pode ser sacado em qualquer agência da Caixa Econômica Federal ou então em uma casa lotérica. Já os servidores públicos devem procurar o Banco do Brasil. Para maiores informações, ligue para o Alô Trabalho, no número 158. A ligação é gratuita se for feita por um telefone fixo.



Governo divulga datas de pagamento dos servidores

O Governo do Estado conclui até o dia 13 de dezembro o pagamento da folha de outubro dos servidores.

Na próxima quarta-feira, dia 6, serão pagos os que ganham entre R$ 2.001,00 e R$ 4 mil. Neste grupo são 21.688 servidores, que totalizam R$ 64,8 milhões.

No sábado, dia 9, será paga uma parcela de R$ 4 mil aos que recebem acima desse valor. O restante dessa faixa salarial será pago no dia 13 de dezembro. Concluída esta faixa soma um total de R$ 138,5 milhões, sendo 21.927 servidores.

Novembro

Em paralelo, o governo inicia o pagamento da folha de novembro com os servidores da Educação e dos órgãos da Administração Indireta que tem recursos próprios, independente da faixa salarial. Estes receberão seus salários amanhã, dia 30. Neste grupo são 23.247 servidores, num R$ 50,69 milhões.



Conta de luz ficará mais barata em dezembro

Contas de energia elétrica ficarão mais baratas

A Agência Nacional de Energia Elétrica, Aneel, divulgou nessa segunda (27) que a conta de luz vai ficar mais barata em dezembro. Segundo a autarquia ligada ao Ministério de Minas e Energia, a bandeira tarifária ainda será vermelha, mas de nível um. Na prática, isso significa que os brasileiros pagarão três reais a cada 100 quilowatts-hora consumidos. O preço é menor do que os cinco reais estabelecidos desde outubro, quando a bandeira vermelha de nível dois foi adotada.

A redução ocorreu, segundo a Aneel, por conta da melhora nos reservatórios das usinas hidrelétricas, no comparativo com os últimos dois meses. Apesar da melhora, a agência reforça que o consumo de energia deve ser feito de maneira consciente, sem desperdício. O sistema de bandeira começou a ser adotado em 2015, e tem como objetivo informar os consumidores da situação dos reservatórios que geram a energia elétrica.



Junta Comercial registra abertura de 2 mil novas empresas no RN no segundo semestre de 2017

Números da Junta Comercial do Rio Grande Norte mostram que foram abertas 2.661 novas empresas no estado, no segundo semestre de 2017 . No balanço anual, até o momento, são 5.858 solicitações de registro empresarial. Quem lidera o ranking é o setor de serviços, que apresentou um incremento de 8,5% em relação ao segundo semestre do ano passado. A indústria também mostrou dados positivos, a abertura de novos negócios no setor foi 3% maior na comparação com o mesmo período do ano passado.

Continue lendo



Caicó vai receber R$ 600 mil de ajuda do Governo Federal; Veja valores que cada cidade brasileira receberá

A cidade de Caicó/RN, vai receber do Aporte Financeiro aos Municípios (AFM) feito pelo Governo Federal, R$ 691.882,67. O calculo foi feito pela Confederação Nacional de Municípios (CNM). O valor total do repasse para todos os municípios brasileiros é de R$ 2 bilhões. A previsão é que o valor seja creditado no próximo mês de dezembro.

O repasse foi anunciado na noite de quarta-feira, (22), durante audiência do presidente da República, Michel Temer, com o com líder do movimento municipalista, Paulo Ziulkoski, e representantes das entidades estaduais municipalistas.

A entidade aguarda agora a publicação de medida provisória informando aos gestores municipais a data em que o valor será depositado nas contas das Prefeituras.

A CNM destaca, no entanto, que o valor será distribuído sobre a forma de Participação dos Municípios, porém, o valor será bruto, sem incidência do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). A entidade destaca ainda que o valor compõe a Receita Corrente Liquida (RCL) e por isso tem a mesma vinculação constitucional de gastos em saúde e educação que o Fundo de Participação dos Municípios (FPM).

Veja aqui quanto cada cidade vai receber.



Prazo para aderir o Programa de Regularização Rural irá até o dia 30

Dívidas rurais podem ser parceladas

Os produtores rurais terão até o dia 30 de novembro para fazer a adesão ao Programa de Regularização Rural (PRR). Com isto, os agricultores vão ter condições especiais para renegociarem as dívidas em relação às contribuições de empregadores rurais e de segurados especiais. Lembrando que isto vai valer para pagamentos atrasados até abril de 2017.

Os produtores que quiserem participar, devem pagar, no mínimo, 4% dos débitos até dezembro. O restante, pode ter abatimento de 25% sobre o total de multas e 100% dos juros.

Se a dívida for menor do que R$ 15 milhões, 96% do débito vai ser dividido em 176 parcelas de pelo menos R$ 100. Agora, se o valor for maior que R$ 15 milhões, também poderá ser parcelado em 176 vezes, só que as parcelas mínimas serão de R$ 1 mil.