População sente mais medo do desemprego, aponta CNI

Desde 1996, o brasileiro poucas vezes esteve tão preocupado com o desemprego como agora. Em pesquisa divulgada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), o índice mostra aumento de 4,2 pontos acima do registrado em março, chegando a 67,9 pontos em junho.

O indicador pode variar de 0 a 100 pontos e quanto maior o número, maior o medo do desemprego. Esse valor registrado é o maior da série histórica, empatando com os valores registrados de 1999 e em junho de 2016.

O gerente-executivo de pesquisas da CNI, Renato da Fonseca, explica o porquê do medo da sociedade.

Continue lendo



Empresa Anglo-suíça adquire 78% da Alesat

Empresa Potiguar agora tem 78% pertencente a grupo anglo-suíço

A Glencore (Global Energy Commodity Resources), grupo empresarial com atuação global, com sede na Suíça, e uma das maiores em recursos naturais do mundo, adquiriu 78% da potiguar ALE Combustíveis. O valor final da transação não foi divulgado, mas consultores de mercado projetam transação da ordem  de aproximadamente R$ 2.170.000.000,00 (dois bilhões cento e setenta milhões de reais).

Em comunicado enviado aos colaboradores, o Senhor Marcelo Alecrim, fundador da ALE Combustíveis, informou que “a negociação ainda está sujeita à aprovação do CADE (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) e representa um grande salto para impulsionar e dar mais gás às nossas atividades”. Marcelo Alecrim  continuará liderando os negócios da empresa, com 22% das ações.

A Ale Combustíveis tem 1.200 “postos” distribuídos por todo o território brasileiro e emprega aproximadamente 12.000 pessoas.

A “Alesat” é 4a- maior distribuidora de combustíveis do Brasil.

*Da Tribuna do Norte



Governo do RN faz pagamentos dos servidores até a terça (10)

O Governo do Estado pagou nesta sexta-feira (06), 109 mil servidores (de um total de 111 mil). Foram pagos todos os servidores da EDUCAÇÃO, SAÚDE e SEGURANÇA, que recebem até R$ 4 mil.

Receberam também vencimentos INTEGRAIS, todos os INATIVOS e PENSIONISTAS, de TODAS as categorias do Estado, independente de faixa salarial.

Os 2 mil servidores ativos restantes, que ganham acima de R$ 4 mil e completam a folha, recebem na segunda (09) e terça (10). Com isso, na terça (10), a folha do estado passa a estar 100% EM DIA.

O Governo injeta na economia do RN R$ 370 milhões em salários.



Sindicato denuncia falta de gás de cozinha no RN; Caicó estaria 80% desabastecida

O presidente do Sindicato Patronal dos Revendedores de GLP, Francisco Alessandro Correia dos Santos, assinou nota denunciando a falta de gás de cozinha em pelo menos 95% das revendas do Rio Grande do Norte. A maioria estará a partir desta terça-feira (19), sem gás para comercializar.

De acordo com Francisco Correia, em contato com o Blog Sidney Silva, na manhã de hoje, os donos de revenda estarão em Natal para fazer uma carreata pelas ruas da cidade em protesto pela queda na produção de gás, pela Petrobrás, no RN, que segundo o SinGás, não existe explicação clara sobre a questão.

Em Caicó, o presidente do Sindicato, afirma que pelo menos 80% das revendas está sem o produto para revender.



Petrobras reduz em 1,24% o preço da gasolina nas refinarias

A Petrobras anunciou hoje (18) uma nova redução no preço da gasolina em suas refinarias, desta vez, de 1,24%. Com o anúncio, o litro do combustível negociado no parque de refino da estatal custará R$ 1,8941, ou seja, 2 centavos a menos do que o preço atual (R$ 1,9178).

Em junho, a gasolina acumula queda de preço de 3,71% (7 centavos por litro). Nos últimos 30 dias, o recuo chega a 5,51% (11 centavos por litro).

*Agência Brasil



Receita libera primeiro lote de restituição do Imposto de Renda 2018

Contribuintes com prioridade recebem hoje (15) o crédito em conta da restituição do Imposto de Renda 2018, no total de R$ 4,728 bilhões. O dinheiro será depositado na conta indicada pelo contribuinte quando fez a declaração.

Neste primeiro lote, são quase 2,5 milhões de pessoas com prioridade: idosos acima de 80 anos (228.921), entre 60 e 79 anos (2.100.461) e pessoas com alguma deficiência física, mental ou doença grave (153.256). O lote pago hoje também contempla restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2017.

Continue lendo



Governo reduz previsão do salário mínimo para R$ 998 em 2019

Previsão de salário mínimo cai para 998 reais

O governo reduziu a previsão de salário mínimo para o ano que vem. Em abril, a expectativa era de R$ 1.002. O valor sofreu uma leve alteração e passou para R$ 998. A revisão foi publicada em uma nota técnica do Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias do próximo ano, divulgada pela Comissão Mista do Orçamento, formada por deputados e senadores. O novo valor é apenas uma estimativa e ainda precisa ser aprovado.

Ainda segundo o relatório, a queda no valor do salário mínimo é justificada pela projeção menor de inflação para este ano. Em abril, a previsão para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor era de 3,8%. No entanto, essa projeção foi revisada para 3,3% pelo governo, o que afetou o cálculo do salário mínimo.

Caso aprovado, o valor de R$ 998 para o mínimo, em 2019, irá representar um aumento de 4,61% em relação a este ano. Em 2018, a correção foi de 1,81%. O salário mínimo passou de R$ 937 em 2017 para R$ 954 neste ano.

O valor de R$ 998 pode ser alterado. Até o fim do ano, o governo ainda pode mudar o valor caso haja novamente alteração na previsão para a inflação deste ano, que compõe a fórmula para o cálculo do reajuste do mínimo do ano que vem.



Governo reduz previsão e salário mínimo é estimado abaixo de R$ 1 mil

G1 – O governo revisou sua estimativa para o salário mínimo em 2019 de R$ 1.002, que havia sido feita em abril deste ano, para R$ 998. A nova previsão consta em nota técnica do Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias do próximo ano, divulgada pela Comissão Mista de Orçamento.

Atualmente, o salário mínimo, que serve de referência para cerca de 45 milhões de pessoas, está em R$ 954. Com isso, o aumento previsto para o próximo ano passou a ser de R$ 44.
Com a nova previsão, o governo estima que vai deixar de gastar R$ 1,21 bilhão em 2019. Isso porque, para cada R$ 1 de aumento, há o impacto de R$ 303,9 milhões em despesas, sendo R$ 243 milhões apenas nos gastos do INSS (previdência do setor privado).

Continue lendo



Governo conclui pagamento de 87% da folha de maio até o próximo sábado (09)

O Governo do Estado conclui até o próximo sábado (09) o pagamento de maio de 98 mil dos 112 mil servidores do Estado, o que equivale a 87% da folha. Os 23 mil servidores da Educação, Detran, Ipern, Idema e DEI já receberam o salário em 30/05, dentro do mês trabalhado.

Amanhã (06) recebem os servidores da área de segurança: SESED, SEJUC, PC, PM, CBM, ITEP e policiais do GAC e da Vice-Gov (ativos, inativos e pensionistas PM e CBM). Sábado (09) recebem todos os servidores da Saúde, independente da faixa salarial, e os demais servidores que recebem até R$ 4 mil, ativos e inativos. O pagamento dos servidores que ganham acima de R$ 4 mil será divulgado em breve.



Fatura da Cosern não pode mais ser paga em Casas Lotéricas; Veja aonde pagar em Caicó

Contas de luz da Cosern não podem mais ser pagas nas Casas Lotéricas da Caixa

Com o término do contrato entre a Companhia Energética do Rio Grande do Norte e a Caixa Econômica Federal (CEF), o consumidor deverá procurar pontos credenciados para realizar o pagamento da conta de luz. O contrato entre as partes terminou no último dia 31 de maio e a partir desta sexta-feira, 1º, as Casas Lotéricas não recebem mais a fatura.

Saiba aonde pagar em Caicó:

Bairro Bara Nova

MEDFARMA

End.: R MANOEL GONÇALVES DE MELO, 500
Bairro: BARRA NOVA
Horário de Atendimento: Pagamento de Faturas (horário Comercial)

MERCADINHO MAIA
End.: RUA CLEMENTINO CAMBOIM, 563
Bairro: BARRA NOVA
Horário de Atendimento: Pagamento de Faturas (horário Comercial)

Bairro Boa Passagem

MEDFARMA
End.: RUA PRESIDENTE NILO PEÇANHA, 204
Bairro: BOA PASSAGEM
Horário de Atendimento: Pagamento de Faturas (horário Comercial)

Bairro Canutos e Filhos

F M DOS SANTOS PEREIRA ME
End.: RUA GUILHERME SOARES PEREIRA, 418
Bairro: CANUTOS E FILHOS
Horário de Atendimento: Pagamento de Faturas (horário Comercial)

Bairro Centro

FARMACIA SAO JORGE
End.: AV CORONEL MARTINIANO, 743
Bairro: CENTRO
Horário de Atendimento: Pagamento de Faturas (horário Comercial)

STYLO’S FLORES
End.: AV SERIDO, 399
Bairro: CENTRO
Horário de Atendimento: Pagamento de Contas (horário Comercial)

Bairro Penedo

FARMACIA PHARMAVID
End.: ROD BR 427, 400
Bairro: PENEDO
Horário de Atendimento: Pagamento de Faturas (horário Comercial)

MEDFARMA – LOJA 04
End.: R TONHECA DANTAS, 115 – LETRA A
Bairro: PENEDO
Horário de Atendimento: Pagamento de Faturas (horário Comercial)

A Cosern ainda informa as agências bancárias aonde se pode fazer o pagamento da fatura.

Modalidades de Arrecadação por Banco


Motores do Desenvolvimento do RN acontece nesta segunda, 4

Com o tema “Seminário: Desenvolvimento, Desafios e Potencialidade”, o Motores do Desenvolvimento do Rio Grande do Norte acontece nesta segunda-feira, 4 de junho, das 8h às 12h, no auditório da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte (Fiern). O evento faz parte da comemoração dos 60 anos da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e é promovido em parceria com Sistema Fecomércio RN, jornal Tribuna do Norte, Sistema Fiern, Ministério Público e RG Salamanca Investments.

Continue lendo



Mossoró: MPRN ajuíza ação contra Prefeitura por sucessivos aumentos na tarifa de ônibus

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) ajuizou uma ação civil pública contra a Prefeitura de Mossoró para que a Justiça potiguar declare ilegalidade nos sucessivos aumentos no valor da tarifa do transporte coletivo urbano na cidade. O MPRN, por meio da Promotoria de Justiça de Defesa do Consumidor de Mossoró, ainda pede que a Prefeitura seja obrigada a retornar o valor da tarifa para R$ 2.

O primeiro aumento investigado pelo MPRN aconteceu em novembro de 2015, quando a tarifa passou de R$ 2 para R$ 2,80, o que representou uma oneração de 40% sem que tenha havido a devida justificativa amparada  em dados para a implementação do ato administrativo.

Continue lendo



Sindipetro-RN fará assembleia nesta terça (29) sobre greve da categoria

O Sindipetro-RN fará na manhã desta terça-feira (29) assembleia geral na sede administrativa da Petrobras, em Natal, para debater e deliberar sobre a greve nacional de advertência que a categoria petroleira promoverá a partir da quarta-feira (30).

O movimento reivindica a redução dos preços dos combustíveis e do gás de cozinha; a manutenção de empregos e a retomada da produção interna de combustíveis; o fim das importações de gasolina e de outros derivados; a suspensão das privatizações e venda de ativos do Sistema Petrobrás; e a imediata saída de Pedro Parente da presidência da companhia.



Reajuste de combustíveis será feito em 60 dias e depois, mensalmente

O ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, afirmou hoje, em entrevista coletiva, que o reajuste de preços de combustíveis será feito inicialmente daqui a 60 dias e depois, mensalmente. Ele negou risco de prejuízos para a Petrobras,que terá liberdade total para fixar a política de preços.

“Primeiro, 60 dias, depois, mensalmente. Não há nenhum prejuízo para a Petrobras”, disse o ministro. “Não há congelamento de preços”.

Segundo ele, os preços serão alterados para cima ou para baixo, dependendo das reações do mercado internacional.

A entrevista do ministro é concedida um dia depois de o presidente Michel Temer anunciar o acordo com os caminhoneiros para encerrar  a paralisação nas rodovias federais. O governo negociou a redução de R$ 0,46 no litro do óleo diesel e a suspensão da cobrança de pedágio para caminhões vazios, entre outras medidas.

*Agência Brasil



Conta de luz terá bandeira tarifária mais cara em junho

Conta de luz vai ficar mais cara

As contas de luz em junho terão bandeira tarifária vermelha no patamar 2, o maior patamar entre as faixas tarifárias. Com isso, haverá cobrança extra nas contas de luz de R$ 5,00 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos. A cobrança da nova bandeira foi anunciada hoje (25) pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

De acordo com a Aneel, a decisão foi tomada em razão do fim do período chuvoso e a redução no volume dos reservatórios das usinas hidrelétricas. Com isso, há a necessidade de usar energia produzida pelas usinas termelétricas, que têm maior custo de produção.

*Agência Brasil