Caso F. Gomes: Marcada a data do júri popular do advogado Rivaldo Dantas

O júri popular do advogado Rivaldo Dantas de Farias, denunciado pelo Ministério Público como mandante da morte do radialista Francisco Gomes de Medeiros (F. Gomes), acontecerá no próximo dia 21 de agosto.

A juíza, Eliana Alves Marinho, que preside o processo na 1ª Vara Criminal, marcou a sessão para começar às 08hs no Fórum Desembargador Miguel Seabra Fagundes em Natal/RN.

Atualmente, o advogado Rivaldo Dantas, está preso preventivamente por determinação judicial.

O promotor Augusto Flávio de Azevedo, pediu a prisão de Rivaldo Dantas, alegando que ele estava fazendo intimidações à testemunhas do processo.



PM intercepta quadrilha que planejava atacar bancos no Sertão da Paraíba

Material apreendido pela polícia

A Polícia Militar interceptou uma quadrilha, no início da madrugada desta segunda-feira (15), na cidade de Teixeira, e apreendeu todo o material que o bando estava transportando para possivelmente atacar bancos no Sertão da Paraíba, esta semana. Até agora, três pessoas foram detidas e a PM continua as buscas na região para prender mais envolvidos. A identificação deles ainda está sendo confirmada.

A ação policial, realizada pela 4ª Companhia do 3º Batalhão, começou pouco depois da meia noite. Um veículo que vinha na PB-110, na região de Teixeira, não obedeceu a ordem de parada dada pela PM e teve início uma perseguição. O grupo criminoso acabou perdendo o controle do carro e bateu em uma pedra.

Duas pessoas foram detidas ainda no local. Um terceiro suspeito foi preso agora no começo da manhã, em São José do Bonfim. As buscas continuam.

Até agora, foram apreendidas vinte e cinco bananas de dinamite, fuzil, duas submetralhadoras, pistola, carregadores, quase seiscentas munições de armas de grosso calibre, várias espoletas, cinco coletes balísticos, touca ninja, lanternas de cabeça, motosserra, lixadeiras, alicate grande, discos de corte, um rádio comunicador e outros materiais usados por quadrilhas que atacam bancos.

*PatosVerdade



CDP e Igreja de Jucurutu promovem momento de relaxamento para agentes penitenciários

Agentes penitenciários do Centro de Detenção Provisória de Jucurutu receberam, neste sábado (07), em parceria com a Igreja Batista da cidade, um momento de relaxamento, os quais puderam se cuidar por 30 minutos, no seu horário de descanso.

O primeiro dia do experimento foi um sucesso, onde três agentes da unidade prisional receberam massagens de dois menbros profissionais da equipe da igreja.

É importante destacar, que os momentos de relaxamentos acontecerão semanalmente, aos finais de semana.



Militar reformado e ex-PM suspeitos de matar Marielle são transferidos para prisão em Rondônia

Os dois suspeitos foram transferidos de Mossoró para Rondônia – (Foto: Reprodução TV Globo via G1)

G1 – O sargento reformado da Polícia Militar Ronnie Lessa e o ex-PM Élcio de Queiroz foram transferidos para uma prisão federal em Porto Velho, Rondônia, em uma operação secreta no último dia 26. Eles estão presos acusados pelas mortes da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, em 14 de março do ano passado.

Os dois estavam em uma penitenciária federal em Mossoró, Rio Grande do Norte. A transferência foi realizada pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen) em sigilo, por motivo de segurança.

É a segunda vez que eles são transferidos de prisão, já que foram detidos inicialmente no Rio de Janeiro.

Os dois respondem também pela posse de 117 fuzis incompletos apreendidos em março na casa de um amigo de Lessa.



PRF recupera em São Mamede/PB, caminhonete roubada em Pernambuco

Caminhonete foi recuperada pela PRF em São Mamede

Patos Verdade – A Polícia Rodoviária Federal (PRF) recuperou na manhã deste sábado (6) uma caminhonete roubada no Estado de Pernambuco, durante uma abordagem na Unidade Operacional (UOP) em São Mamede, no Sertão paraibano.

Foi dada a ordem de parada ao veículo VW/Amarok, placas NPT-5191/PB, conduzida por Thiago da Rocha, e ao verifica o CRLV foi constatado que tinha registro de roubo/furto.

De acordo com a PRF, a VW/Amarok havia sido tomada por assalto na última quinta-feira, dia 4, por quatro bandidos, armados, na cidade de Itambé, localizada na Zona da Mata pernambucano.

O motorista foi conduzido para delegacia de Polícia Civil na cidade de Santa Luzia para prestar esclarecimentos.

*Airton Alves com informações da PRF.



Caso F. Gomes: Advogado Rivaldo Dantas é preso acusado de intimidar testemunhas

Rivaldo Dantas foi preso acusado de intimidar testemunhas do processo

O advogado Rivaldo Dantas de Faria, foi preso na manhã desta sexta-feira (05). Sua prisão foi solicitada pelo promotor Augusto Flávio de Azevedo, depois que chegou ao seu conhecimento que o advogado estava fazendo intimidações e ameaças contra testemunhas do processo da morte do jornalista F. Gomes, no qual ele é réu, respondendo como mandante do crime.

Os policiais militares que cumpriram a prisão de Rivaldo, o encontraram por volta das 10hs30min nas imediações da Central do Cidadão, no Bairro Penedo, em Caicó. Inicialmente, ele foi conduzido à sede do Ministério Público, depois para o ITEP e em seguida para Natal, aonde fica detido no Quartel Geral da Polícia Militar.

O advogado Rivaldo Dantas, foi denunciado pelo Ministério Público, como mandante da morte do jornalista F. Gomes, crime ocorrido em Caicó, no mês de outubro de 2010.

O promotor Augusto Flávio, disse que pediu a prisão do advogado para o rito processual não fosse atrapalhado. A juíza Eliana Alves Marinho, atendeu ao pedido ministerial.

Momento da abordagem dos policiais ao advogado Rivaldo Dantas em Caicó


Caicó: Operação Progresso deflagrada pela Polícia Civil prendeu envolvidos com o tráfico de drogas

 

Policiais civis com apoio da Polícia Militar deflagraram em Caicó, a Operação Progresso, que teve como objetivo, dar combate ao tráfico de drogas.

De acordo com informações apuradas pelo Blog Sidney Silva, foram 2 anos de investigação.

Cerca de 100 policiais, participaram da ação para cumprir mais de 20 mandados de busca e apreensão e de prisão.

No vídeo, policiais conduzem um dos presos que tentou escapar do cerco feito em uma casa no Bairro Boa Passagem, zona norte de Caicó.



Localizado pelo MPRN, autor de assassinato cometido em 1980 é preso no Rio de Janeiro

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), através do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), conseguiu localizar o autor de um assassinato cometido em 1980 que estava foragido da Justiça. João Maria de Almeida Bezerra, de 58 anos, foi preso em uma ação conjunta com o Ministério Público do Rio de Janeiro. Ele é condenado a 12 anos de prisão pelo assassinato de João Zito da Cunha, crime cometido em Natal.

João Maria de Almeida Bezerra e dois irmãos dele, segundo apurou a polícia potiguar na época do crime, mataram João Zito com socos e chutes após uma discussão na saída de um bar na Praia do Meio. Os três irmãos foram presos em flagrante, mas fugiram anos depois se aproveitando de uma licença para passar o feriado da Semana Santa em casa. Desde então, os três estavam foragidos.

O Gaeco/MPRN, através de um trabalho investigativo realizado pelo Projeto Memória, localizou João Maria na cidade do Rio de Janeiro. O MPRN enviou ao MPRJ o mandado de prisão expedido contra o autor do assassinato e ele foi detido. A Guia de Execução Penal Definitiva de João Maria será encaminhada à Justiça do Rio de janeiro, onde dele deverá cumprir a pena a qual foi condenado.

Contatos

A população pode colaborar com o MPRN na localização de criminosos. Para isso, o MPRN oferece um canal direto para denúncias de crimes em geral, o Disque Denúncia 127. A identidade da fonte será preservada.

Além do telefone, as denúncias também podem ser encaminhadas por Whatsapp para o número (84) 98863-4585 ou e-mail para denuncia@mprn.mp.br. Os cidadãos podem encaminhar informações em geral que possam levar à prisão de criminosos, denunciar atos de corrupção e crimes de qualquer natureza. No Whatsapp, são aceitos textos, fotos, áudios e vídeos que possam comprovar as informações oferecidas.



Homem acusando de estupro no RN é preso no Rio de Janeiro

Prisão aconteceu no Rio de Janeiro
Prisão aconteceu no Rio de Janeiro

Uma ação conjunta do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) e da Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu nesta terça-feira (25) o estudante universitário Vinícius Sobreira de Almeida, 42 anos. Ele cometeu estupro de vulnerável no dia 21 de julho do ano passado, dentro de um ônibus que fazia a linha Fortaleza/Natal, na cidade potiguar de Riachuelo. Vinícius de Almeida chegou a ser preso em flagrante após cometer o crime, mas foi solto quatro dias depois.

Após ser solto, Vinícius de Almeida, que é paulista, fugiu para o Rio de Janeiro e estava foragido desde então. Um trabalho investigativo do MPRN levantou que o criminoso estava matriculado no curso de Educação Física na Escola de Educação Física e Desportos, da Universitária Federal do Rio de Janeiro, e vivia em Vigário geral, na zona Norte da capital fluminense.

O crime

Segundo as investigações do MPRN, o crime de estupro de vulnerável foi cometido por volta das 5h do dia 21 de julho de 2018. Vinícius de Almeida, aproveitando-se que os demais passageiros do ônibus estavam dormindo, passou o órgão genital dele no rosto de uma adolescente de apenas 14 anos de idade, que se encontrava dormindo, e acordou em seguida deparando-se com o sujeito ainda cometendo o crime. A vítima e uma amiga que a acompanhava foram até o motorista e relataram o ocorrido. O motorista guiou o ônibus até uma delegacia de polícia. Após a análise das imagens do circuito interno do veículo, Vinícius de Almeida foi preso em flagrante.

O acusado foi denunciado por estupro de vulnerável, pelo art. 217-A, §1º, em razão do ato ter sido cometido quando a vítima não tinha a possibilidade de oferecer resistência. Caso o acusado seja reconhecido por eventuais vítimas, essas pessoas devem procurar o MPRN ou a Polícia Civil a fim de prestar informações sobre o ocorrido.



Policiais Civis do RN paralisam atividades nesta terça-feira, dia 25

Policiais civis fazem paralisação nesta terça

Os Policiais Civis do Rio Grande do Norte e servidores da Segurança se reuniram em Assembleia Geral, na última terça-feira (18), e deliberaram por uma paralisação nesta terça-feira, dia 25 de junho, com concentração na sede do SINPOL-RN, a partir das 8h. O motivo será a reforma da Previdência.

Assim como policiais federais, rodoviários federais e guardas municipais, os policiais civis lutam para que as peculiaridades da profissão sejam levadas em conta dentro do projeto da reforma da Previdência. Com a proposta atual, essas categorias terão perdas de direitos e retrocessos, como fim da aposentadoria especial.

A paralisação deste 25 será feita em conjunto com policiais civis de todo o país, sendo promovida pela Cobrapol e pela União dos Policiais do Brasil (UPB). Em cada estado da federação, haverá essa mobilização. No último dia 14, a categoria já tinha cruzado os braços no Rio Grande do Norte em protesto contra a reforma da Previdência.

Também na Assembleia Geral da terça-feira, os Policiais Civis e Servidores da Segurança deliberaram por participação do SINPOL-RN em um ato que acontecerá em Brasília, no dia 2 de julho. Na ocasião, policiais civis, federais, rodoviários e guardas municipais do Brasil inteiro estarão na capital federal. Um grupo de 10 pessoas irá do Rio Grade do Norte.

Essas duas deliberações são extremamente importantes, pois essa reforma da Previdência é a pauta mais urgente que temos. Estamos correndo sérios riscos de perdermos o direito a uma aposentadoria digna. Inclusive, a proposta atual afeta até mesmo os já aposentados, tendo em vista que haverá aumento da alíquota e, conseqüentemente, redução salarial“, afirma Nilton Arruda, presidente do Sindicato.



“Cara de Chinelo” é preso em São Bento/PB acusado de homicídios, roubos e sequestros

Arma apreendida com Cara de Chinelo

Policias civis e militares prenderam na tarde desta quarta-feira (19), na cidade de São Bento/PB, Alberto de Oliveira Dantas, o “Cara de Chinelo”, natural de Brejo dos Santos/PB, acusado de ser pistoleiro com mais de 10 homicídios praticados em Catolé do Rocha, São Bento e outras cidades do sertão paraibano.

No momento da prisão, Cara de Chinelo empreendeu fuga e entrou uma residência aonde fez reféns uma idosa e uma criança de 7 anos. Os polícias conseguiram prendê-lo e com ele encontraram uma pistola de calibre 9mm, de uso restrito.

O delegado seccional da cidade de Catolé do Rocha, Silvio Rabelo, disse ao Blog Sidney Silva, que o homem cometeu homicídio há dois dias. Ele também praticou sequestros e outros crimes como roubo. Inclusive, havia em aberto, um mandado de prisão.

Cara de Chinelo participou de assalto aos Correios em Timbaúba dos Batistas/RN

Em 2013, policiais militares de Caicó e de Jardim de Piranhas, prenderam na zona rural da cidade de São Bento/PB, o Cara de Chinelo, na época com 18 anos. No dia anterior, ele participou do assalto à Agência dos Correios da cidade de Timbaúba dos Batistas/RN. Na ação, um dos seus comparsas morreu em confronto com a Polícia nas imediações de Caicó.



Fernando Freire deixa a prisão e passa a cumprir pena em casa

Fernando Freire, agora, cumpre pena no regime-semi aberto – (Foto: Marcelo Barroso/Tribuna do Norte)

A Tribuna do Norte noticia que 0 ex-governador Fernando Freire foi solto nesta quarta-feira (19). Ele deixou o Quartel da Polícia Militar, onde cumpria pena, e está em casa. O ex-governador teve uma “progressão de regime” e passou do “fechado para o semiaberto”.

O advogado Flaviano Gama  informou que o pedido de progressão de regime foi acatado pela juiz da Vara de Execuções Penais, Henrique Baltazar. Ele explicou que houve uma “otimização da pena”.

O ex-governador estava condenado a 96 anos de prisão, por crime de peculado em vários processos, que envolviam o caso que ficou conhecido como Operação “Gafanhotos”.

Flaviano Gama disse que a pena foi unificada, e ao demostrar que não se tratou de vários crimes, mas um único delito, a pena passou de 96 para 12 anos.

Como Fernando Freire estava preso há quatro anos, a redução da punição implicou em progressão para o semiaberto. Fernando Freire foi liberado, mas tem que suar tornozeleira eletrônica. Ele pode sair durante o dia, mas deve estar em casa das 20 às 5 horas.



Pedreiro acusado de matar e enterrar menina de 12 anos em Natal vai a júri popular nesta quarta (19)

Começou por volta das 9h desta quarta-feira (19) o júri popular do pedreiro Marcondes Gomes da Silva, acusado de matar a estudante Iasmin Lorena Pereira de Melo, de 12 anos – crime ocorrido em março do ano passado na comunidade da África, no bairro da Redinha, Zona Norte de Natal. O julgamento acontece no Tribunal do Júri do Fórum Miguel Seabra Fagundes, no bairro de Lagoa Nova.

Marcondes responde pelos seguintes crimes:

Homicídio doloso triplamente qualificado (motivo fútil, impossibilidade de defesa da vítima e emprego de meio cruel);

Estupro de vulnerável;

Ocultação de cadáver.

Nada vai trazer a Iasmin de volta, mas a aplicação de uma pena rigorosa, bem acima dos 20 anos de reclusão, vai aliviar um pouco a dor da família da menina“, disse o advogado Emanuel Grilo, que atua no julgamento como assistente de acusação.

*Anderson Barbosa do G1/RN

* Veja aqui a notícia completa



PF prende integrante do PCC suspeito de participar da morte de agente penitenciário federal em Mossoró

Agentes da Polícia Federal prenderam integrante do PCC em Mossoró

A Polícia Federal prendeu na última segunda-feira, 17/06, em Sumaré no interior de São Paulo, um homem de 40 anos, natural de Andradina/SP, integrante do PCC, que havia sido indiciado pela PF em Mossoró, Região Oeste Potiguar, como participante no homicídio do Agente Federal de Execuções Penais, Henri Charle Gama e Silva, ocorrido no dia 12.04.2017.

A prisão foi realizada pelo Grupo Especial de Rastreamento e Capturas da Diretoria Executiva da Polícia Federal em Brasília/DF, tendo o mandado de prisão preventiva sido expedido pela 8ª Vara da Justiça Federal em Mossoró.

A investigação demonstrou que o acusado teria adquirido um imóvel próximo ao Presídio Federal de Mossoró no intuito de efetuar levantamentos que auxiliassem os planos de execução daquele Agente Federal.

Por ocasião da sua detenção, o suspeito foi também autuado em flagrante por ter apresentado documentos falsos de identificação aos policiais no momento em que foi abordado.

O preso foi encaminhado para a Cadeia Pública de Campinas/SP, à disposição da Justiça.



PF combate disseminação de pornografia infantojuvenil pela internet

Operação foi deflagrada nesta terça-feira (18)

A Polícia Federal cumpriu nesta terça-feira, 18/06, nas cidades de Macau e Guamaré/RN, localizadas no Polo Costa Branca, 2 mandados judiciais de busca e apreensão expedidos pela 14ª Vara da Justiça Federal/RN, visando reprimir delito de armazenamento e/ou compartilhamento de arquivos, imagens e vídeos de conteúdo pornográfico envolvendo crianças e adolescentes.

A investigação, conduzida pela delegacia especializada em crimes virtuais, teve início em março deste ano através de informações obtidas por meio de cruzamentos de dados realizados no espaço virtual, ocasião em que os policiais encontraram indicativos de que um investigado baixava arquivos pornográficos infantojuvenis tanto em sua residência, quanto no seu local de trabalho, razão pela qual foi requerido o cumprimento de mandado de busca nesses dois locais, onde foram apreendidos: um tablet, dois HDs, um cartão de memória e um notebook.

A PF também constatou por meio de exame preliminar no local das buscas, a existência de diversos links e informações que remeteriam ao crime investigado.

Após a realização da perícia criminal e, comprovada a conduta criminosa, responderá o acusado pelos delitos capitulados nos artigos 241-A e 241-B do Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei 8.069/90), cujas penas somadas, em caso de condenação, poderão alcançar até 10 anos de reclusão.