“Colocar dinheiro no SUS sem transformar o sistema é jogar dinheiro fora”, diz consultor do Conass

“Colocar dinheiro no SUS sem transformar o sistema é jogar dinheiro fora”, diz consultor do Conass

O consultor do Conass (Conselho Nacional de Secretários de Saude), Eugênio Vilaça Mendes, diise hoje em Natal, que “colocar dinheiro no SUS sem transformar o sistema é jogar dinheiro fora”. Segundo ele a solução para os problemas do SUS passa por uma revolução no sistema.

De acordo com Mendes, o primeiro movimento para que isso ocorra é se prestar atenção para a transição demográfica que o país atravessa. “O Brasil tem hoje 28 milhões de idosos e logo logo esse número vai dobrar. Isso significa dizer que haverá o aumento de doenças crônicas. 78% das doenças no Brasil são doenças crônicas. É preciso o controle das doenças crônicas, como diabetes e hipertensão, por exemplo”.

Ele afirmou que na Inglaterra se tem programas de controle de prevenção e que isso possibilita que as pessoas se cuidem mais.  Ele disse também que é preciso olhar melhor para a atenção primária. “Uma atenção primária resolve 95% dos problemas e só 5% vão ao especialista. Portanto, o SUS tem que organizar transversalmente a logística”.

Eugênio Vilaça fez palestra no Encontro Estadual de Planejamento e Gestão do SUS: efetivando parceria Conass/Sesap, que acontece nesta segunda-feira, 26, até as 17 horas, no Praiamar Hotel, em Ponta Negra, com a participação do secretário de Saúde, George Antunes, além de gestores e técnicos da Sesap. O tema de sua palestra foi “As redes de atenção à Saúde”.


Sesap faz reunião sobre pagamento de profissionais do Hospital Regional de Caicó

Reunião na Sesap tratará sobre pagamentos de profissionais do Regional de Caicó

Os médicos e profissionais de saúde que trabalham no Hospital Regional de Caicó, tiveram o salário referente ao mês de abril deste ano, pago na última sexta-feira (23). Eles estavam ameaçando paralisar as atividades caso o pagamento não fosse realizado. Mas, a possibilidade ainda existe. É que o Município de Caicó está se recusando a fazer o repasse financeiro para a unidade hospitalar.

O Governo do Estado repassa cerca de 300 mil reais para a Prefeitura de Caicó para que o ente repasse para o Hospital Regional. Esse valor juntamente com o que é produzido pelo Hospital como AIHs e outros serviços, e, com uma pequena contrapartida do Município é feito o pagamento da folha da referida casa de saúde.

Diante da possibilidade de paralisação dos profissionais que atuam no Hospital, o secretário George Antunes, titular da Sesap, convocou uma reunião com a direção do Hospital, a Secretaria de Saúde de Caicó, representante dos médicos, do Município e outros técnicos para tratar sobre o repasse financeiro.


Ministério da Saúde amplia faixa etária de vacinação contra o HPV para meninos

Foi anunciado pelo Ministério da Saúde, na terça-feira (20), a ampliação da vacina contra HPV para o público alvo dos meninos. Antes, direcionada aos que estivessem na faixa etária de 12 a 13 anos, a vacinação será disponibilizada a partir de agora para os meninos de 11 a 15 anos incompletos (14 anos, 11 meses e 29 dias).

Conforme o Ministério da Saúde, esta ampliação fortalece as ações de saúde na população masculina e possibilita a prevenção da ocorrência dos cânceres de pênis, ânus, garganta e verrugas genitais. Além do mais, a vacinação dos meninos contribui para o aumento da proteção também nas meninas, impactando nas próximas décadas o perfil epidemiológico das infecções atribuíveis ao HPV em ambos os sexos.

No ano de 2016 o Estado do Rio Grande do Norte realizou a administração de 36.081 doses de vacina contra o HPV na população entre 9 a 14 anos e, até o momento, um total de 19.154 doses nesta mesma faixa etária em 2017. A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) vem intensificando suas atividades em parceria com as Regionais de Saúde e Secretarias Municipais de Saúde a fim de elevar ainda mais a sua cobertura vacinal.


Hospital construído pelo Brasil no Haiti recebe nome de Zilda Arns

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, juntamente com o ministro do Desenvolvimento Social do Brasil, Osmar Terra, participaram nesta sexta-feira (23) da cerimônia de batismo do Hospital Comunitário de Referência Dra. Zilda Arns, em Porto Príncipe, capital do Haiti. A unidade, localizada no bairro de Bon Repos, passa a levar o nome da médica brasileira que morreu vítima do terremoto ocorrido na capital haitiana em 2010. Zilda Arns foi três vezes indicada ao Prêmio Nobel da Paz.

O Hospital Zilda Arns é uma das três unidades de saúde construídas pelo Brasil no país, como parte do projeto internacional de reconstrução do Haiti. O hospital, que foi entregue ao governo haitiano em 2014, conta com aproximadamente 40 leitos e atende mais de 200 pessoas por dia em especialidades como Ortopedia, Ginecologia, Obstetrícia e Pediatria além de Clínica Geral.

Zila Arns, fundadora da Pastoral da Criança, é reconhecida mundialmente pelo trabalho humanitário voltado à redução da mortalidade infantil.

O Hospital Comunitário de Referência Dra. Zilda Arns é fruto da parceria do trabalho conjunto realizado pelas três nações – Brasil, Haiti e Cuba  – para o desenvolvimento do Haiti. O que norteia a cooperação entre os nossos países é a solidariedade e o compromisso com a saúde pública, valores refletidos no trabalho e no legado da Dra. Zilda Arns”, afirmou o ministro da Saúde, Ricardo Barros, durante a cerimônia de batismo da unidade de saúde em Porto Príncipe. O ministro ressaltou que a médica brasileira dedicou-se a salvar a vida de milhões de crianças, combatendo a mortalidade infantil, a desnutrição e a violência.


Regionalização da Saúde se inicia pelo Seridó

Reunião com equipe que trabalha a regionalização da Saúde

A Regionalização da Saúde no RN, retomada pelo secretário George Antunes, está sendo iniciada pela 4ª Região Sanitária do Estado, conforme orientação do Grupo de Trabalho criado especialmente para conduzir o processo.

A equipe iniciou trabalho de avaliação in loco da realidade,  subsidiada pelo levantamento de dados, a partir dos sistemas de informação do SUS, Planos de Ação de Redes Temáticas e outros meios.

Na semana passada, por solicitação do secretário, os técnicos visitaram a 4ª Região, em Caicó, nos dias 7 e 8, para avaliação da qualidade da Atenção Materno-infantil na atenção básica. A visita técnica contou com a participação da equipe da IV URSAP, tendo à frente a gerente Tatiana Dantas de Medeiros.

Foram selecionadas cerca de 5 Unidades Básicas de Saúde (UBS) do município para a visita com orientação de um instrumento norteador desenvolvido pela equipe de Atenção Básica e de Saúde da Mulher da SESAP.

Da Secretaria de Estado da Saúde do RN (Sesap), Núcleo Estadual da Estratégia de Saúde da Família (NEESF), participaram da visita os técnicos Hugo César Novais Mota (dentista sanitarista) e Uiacy Nascimento de Alencar (Assistente Social) e da Área Técnica de Saúde da Mulher, Chyrly Elidiane Moura Maciel (enfermeira sanitarista).

A equipe irá produzir um relatório que será apresentado ao secretário Dr. George Antunes para posterior retorno ao GT da regionalização, composto por técnicos de todas as áreas da SESAP, representantes do Ministério Público, COSEMS e Conselho Estadual de Saúde.


Sesap mantém campanha da Influenza a grupos prioritários até dia 09

A Subcoordenadora de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Estado da Saúde Pública(Sesap) divulgou nota sobre a distribuição da vacina contra a gripe (influenza) para todas as faixas etárias da população a partir desta segunda-feira(05), enquanto durarem os estoques, conforme orientação do Ministério da Saúde.

Considerando que as Secretarias Estaduais são autônomas para definir a liberação ou não da vacinação para todas as faixas etárias, a Sesap/RN decidiu orientar os gestores municipais a manter a campanha de vacinação contra a influenza apenas para os grupos prioritários já definidos, até o dia 09/06/2017. Após essa data, a ampliação para outros grupos dependerá de análise técnica da SESAP em consenso com os municípios, de forma a garantir o atendimento pleno dos grupos já definidos.

Continue lendo


Vacina contra a gripe será estendida para toda a população, a partir desta segunda

Ministério da Saúde expanda vacinação contra a gripe para toda a população

O Ministério da Saúde decidiu disponibilizar a vacina contra a gripe a toda a população. Estados e municípios serão orientados a ofertar a vacina para todas as faixas etárias, a partir da próxima segunda-feira (5), enquanto durarem os estoques. A medida só é válida neste ano e foi adotada porque ainda há um estoque disponível de 10 milhões.

Até esta sexta-feira (2), 41,3 milhões de pessoas do público-alvo se vacinou contra a gripe no país. O Amapá é o único estado que atingiu a meta até este momento, com 95,6% do público-alvo vacinado. A campanha foi prorrogada para até o dia 9 de junho com o intuito de alcançar a meta de vacinação que, neste ano, é de 90%.

A campanha publicitária, que tem como padrinho o sambista Martinho da Vila, continua sendo veiculada em TV aberta, rádio, nos meios impresso (jornais e revistas), mídia exterior (busdoor, placas em ruas e avenidas, abrigo de ônibus, metrô), no meio online (internet e com ações nas redes sociais). Até esta sexta-feira (2), foram vacinados 41,3 milhões de brasileiros. Esse total considera todos os grupos com indicação para a vacina, incluindo população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e pessoas com comorbidades. A população prioritária desta campanha, que não considera esses grupos, é de 54,2 milhões de pessoas. Desse total, 76,7% foram vacinados.

Continue lendo


Vivaldo pede celeridade na implantação de subestação elétrica no Hospital Regional de Caicó

Hospital Regional de Caicó deverá receber nova subestação para garantir funcionamento de novos equipamentos

O deputado Vivaldo Costa (PROS) pediu celeridade no Projeto de Implantação de uma subestação elétrica no Hospital Regional do Seridó, em Caicó. A ação servirá para recepcionar os equipamentos de alta tecnologia que serão implantados na unidade. A indicação do parlamentar foi encaminhada de forma urgente para o governador Robinson Faria (PSD) e ao secretário de saúde George Antunes.

A Subestação é uma instalação elétrica responsável por transmitir e distribuir a energia elétrica e pode ser localizada próxima ao centro de geração, transmissão ou distribuição, dependendo de suas características e conta com equipamentos capazes de realizar transformações em tensões e correntes para valores adequados de uso, manobras e proteção de linhas. Por isso, é considerada parte fundamental para o funcionamento do sistema elétrico, em especial, a recepção de um tomógrafo de alta tecnologia, um Raio-X Digital, autoclave e as novas instalações elétricas da referida instituição hospitalar“, disse.


Governo deve apresentar escalas de plantão para funcionamento de UTIs em Currais Novos

Decisão judicial determina que Governo deve apresentar escalas de plantão para funcionamento de UTIs em Currais Novos – (Foto: Sidney Silva)

O juiz Marcus Vinícius Pereira Júnior, da Vara Cível de Currais Novos, deferiu medida liminar pleiteada pelo Ministério Público do RN em sede de Execução Provisória de Sentença para determinar a intimação do governador do Estado para que apresente, até o dia 31 de maio, as escalas de plantão para atendimento dos oito leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), no Hospital Regional de Currais Novos, sendo quatro destinados ao público adulto (UTI Adulto) e quatro destinados ao público infantojuvenil (UTIN – Neonatal e UTI Pediátrica), entre os dias 1º de junho e 30 de junho.

O governador Robinson Faria também deverá comprovar que o hospital está dotado de estrutura física e de equipamentos para atender às determinações do Tribunal de Justiça do RN, por meio da Apelação Cível n° 2014.018567-9.

Também foi determinado o bloqueio imediato de R$ 500 mil das contas pessoais do governador do Estado. O montante ficará vinculado ao Fundo Estadual da Saúde e será aplicado diretamente em favor da saúde promovida no Hospital Regional de Currais Novos.

Continue lendo


Caicó terá a Primeira Caminhada de Combate ao Tabagismo

Caicó realiza caminhada que tentará conscientizar sobre não uso do tabaco

A secretaria municipal de Saúde e o Programa de Residência Multiprofissional em Atenção Básica da EMCM/UFRN estarão realizando na quarta-feira (31), às 7h30, a 1ª Caminhada de Combate ao Tabagismo pelo Centro de Caicó.

A concentração será na Praça Doutor José Augusto (Praça da Alimentação). Atualmente, o SUS dispõe de tratamento gratuito para pessoas que desejam parar de fumar. Basta procurar uma Unidade Básica de Saúde (UBS).

Desde 1987, a Organização Mundial de Saúde (OMS) determina o dia 31 de maio como Dia Mundial Sem Tabaco, matéria prima do cigarro.

O número de fumantes vem diminuindo no Brasil, entretanto o país é o segundo maior produtor de tabaco e o maior exportador. Estima-se que 1 bilhão de pessoas fumam em todo o mundo, fazendo a OMS considerar o tabagismo como uma doença de epidemia mundial.


Campanha de Vacinação contra Influenza é prorrogada até 09 de junho

Mesmo com os esforços pelos três níveis de Gestão para o alcance das coberturas adequadas na Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza, até o momento, o país atingiu a média de 64% de cobertura, no Nordeste apenas 63% e o Rio Grande do Norte 65,6%.

Diante dessa baixa cobertura faltando apenas 1 dia para encerrar a 19ª Campanha Nacional contra a Influenza, o Ministério da Saúde decidiu prorrogar a Campanha até o dia 09 de junho. Nesse período continua sendo recomendada a vacinação aos indivíduos com 60 anos ou mais, as crianças na faixa etária de 6 meses a menores de 5 anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias), as gestantes, as puérperas (até 45 dias após o parto), os trabalhadores da saúde, os povos indígenas, os grupos com doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, os adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, a população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e professores das escolas públicas e privadas que estejam atuando em sala de aula.

Contamos com a adesão da população, e o empenho que já vem sido oferecido pelas equipes de vacinação, para conseguirmos vacinar os 90% de nossos grupos prioritários. Reforçamos que esta vacinação contribui para a redução das complicações, internações e consequentemente da mortalidade decorrente das infecções pelo vírus da gripe nos grupos alvos definidos”, destaca Katiucia Roseli coordenadora do Programa Estadual de Imunização da Secretaria de Estado da Saúde Pública.


Medicamento como prevenção para HIV será incorporado no SUS

O Ministério da Saúde vai ofertar no Sistema Único de Saúde (SUS) medicamentos antirretrovirais para reduzir o risco da infecção pelo HIV antes da exposição ao vírus. A Profilaxia Pré-Exposição (PrEP) passará a ser distribuída no SUS em até 180 dias após a publicação do Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas (PCDT), prevista para a próxima segunda-feira (29). O anúncio foi feito pelo ministro da Saúde, Ricardo Barros, nesta quarta-feira (24), durante sua participação na Assembleia Mundial de Saúde realizada em Genebra (Suíça).

A PrEP consiste na utilização do antirretroviral (truvada) antes da exposição ao vírus, em pessoas não infectadas pelo HIV e que mantêm relações de risco com maior frequência. “O Brasil, mais uma vez, sai como um dos pioneiros na prevenção e tratamento do HIV”, afirmou o ministro Ricardo Barros, durante entrevista coletiva realizada nesta quarta-feira por videoconferência. Ele lembrou que a iniciativa é muito importante para as pessoas expostas ao vírus, mas ressaltou que a sua inclusão no SUS não dispensa o uso dos outros métodos preventivos.

A incorporação do truvada (tenofovir associado à entricitabina) foi recomendada pela Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS (CONITEC), após consulta pública realizada para obter informações, opiniões e críticas de pesquisadores e outros setores da sociedade. Com a nova medida, o Brasil se torna o primeiro país da América Latina a utilizar essa estratégia de prevenção como política de saúde pública.


Dr. Belisio Neto no quadro “Envelhecer com Saúde” (23/05) – Dislipidemia

O médico geriatra, Belísio Neto, participou nesta terça-feira (23), do quadro “Envelhecer com Saúde” na Rádio Caicó e falou sobre Dislipidemia que é caracterizada pela presença de níveis elevados de lipídios (gorduras) no sangue. Colesterol e triglicérides estão incluídos nessas gorduras, que são importantes para que o corpo funcione. No entanto, quando em excesso, colocam as pessoas em alto risco de infarto e derrame.

Assista:


Campanha de Vacinação contra a Gripe vai até a próxima sexta-feira

A campanha de vacinação contra a gripe, iniciada em 17 de abril, irá se encerrar na próxima sexta-feira (26). Com 57,78% de cobertura vacinal até o momento, o RN se encontra acima da média do Nordeste, que é de 55,40% e ainda um pouco abaixo da média nacional, de 58,62%. A meta a ser atingida é de 90% e Estado precisa vacinar ainda 1/3 da população alvo.

Nas quatro primeiras semanas o RN chegou a ocupar o 1º lugar em vacinação no Nordeste. No momento, Pernambuco (60,15%) e Paraíba (58,89%) seguem na liderança regional. “Estamos preocupados com essa baixa adesão da população, visto que a gripe até parece ser uma doença bem simples, mas suas complicações podem se tornar fatal e estudos tem demonstrado que a vacinação pode reduzir em até 45% o número de hospitalizações por pneumonias”, alerta a coordenadora do Programa Estadual de Imunização do RN, Katiucia Roseli.

De acordo com a coordenadora, a vacinação também pode reduzir até 50% da mortalidade relacionada à influenza.  A Secretaria de Estado da Saúde Pública do RN (Sesap) reforça que o público alvo é formado por toda a população acima de 60 anos ou mais de idade; crianças na faixa etária de 6 meses a menores de 5 anos (4 anos, 11 meses e 29 dias); gestantes; puérperas (até 45 dias após o parto); trabalhadores da saúde; os povos indígenas; grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais;adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas; população privada de liberdade; funcionários do sistema prisional e também os professores das escolas públicas e privadas que estejam atuando em sala de aula.


Aedes consegue transmitir zika, dengue e chikungunya na mesma picada, diz estudo

Mosquito pode transmitir três doenças com uma só picada

Do G1 – Um novo estudo da Universidade Estadual do Colorado (CSU, sigla em inglês) descobriu que o mosquito Aedes aegypti consegue transmitir múltiplos vírus em uma única picada, como os da dengue, zika e chikungunya. Os resultados foram publicados na revista “Nature Communications” nesta sexta-feira (19).

Os pesquisadores acreditam que os resultados jogam luz sobre como ocorre uma coinfecção – quando uma pessoa é atingida por duas ou mais doenças ao mesmo tempo. Eles dizem que o mecanismo ainda não é compreendido totalmente e que pode ser bastante comum em áreas afetadas por surtos, como o Brasil.

A equipe da CSU infectou os mosquitos em laboratório com os três tipos de vírus, depois realizaram testes para verificar qual a taxa de transmissão. De acordo com o estudo, ainda não há uma razão para acreditar que uma coinfecção possa ser mais grave do que ser atingido por um só vírus. As pesquisas sobre o assunto são escassas.

O primeiro relato de coinfecção por chikungunya e dengue ocorreu em 1967, segundo o estudo. Recentemente, há registros de pacientes que tenham contraído a zika, dengue e a chikungunya ao mesmo tempo na América do Norte e Sul.

A líder da pesquisa, Claudia Ruckert, pós-doutora do laboratório de doenças infecciosas e artrópodes da CSU, diz que a equipe chegou ao resultado de que é possível uma coinfecção, mas que a transmissão dos três vírus simultaneamente é mais raro. “Infecções de dois vírus, no entanto, são bastante comuns, ou mais comuns do que poderíamos imaginar”, disse.