Polícia Civil fecha fábrica clandestina que produzia álcool em gel com gel de cabelo no RN

Uma fábrica clandestina de álcool em gel foi fechada nesta quinta-feira (27) em Currais Novos, no Seridó Potiguar, pela Polícia Civil. O responsável pelo local, um professor de Química da rede estadual, usava gel de cabelo, álcool e outros produtos para a fabricação. A polícia chegou até o local após um chamado da vigilância sanitária municipal.

Continue lendo


Em meio a pandemia, Empresária de São Fernando mantém fábrica têxtil funcionando com decisão da Justiça

Em razão da pandemia do corona vírus (COVID-19), o Ministério Público Federal e o Estadual, expediram a recomendação conjunta determinando que o Cel. Walmary Costa, comandante do 6º Batalhão de Polícia Militar de Caicó, fiscalize o cumprimento das medidas restritivas de funcionamento de estabelecimentos comerciais estabelecidas pelo Decreto Estadual nº 29.541, de 20 de março de 2020.

Em razão da recomendação, determinou-se à Polícia Militar o fechamento das fábricas têxtis (facções) da cidade de São Fernando.

Uma empresária achou que a medida não lhe alcançava e buscou a justiça para questionar a ordem de fechamento. O escritório Síldilon Maia Sociedade de Advocacia impetrou ordem de habeas corpus perante o juiz plantonista na Comarca de Caicó.

A ordem de restrição de atividades comerciais e industriais não comporta interpretação ampliativa. O Decreto Estadual nº 29.541 lista todas as atividades que devem parar de funcionar ou ter seu funcionamento limitado, não cabendo restringir nenhuma atividade econômica além do que está ali estabelecido. Tão grave quanto o colapso do sistema de saúde que pode ocorrer em decorrência da pandemia é o colapso econômico que enfrentaremos, daí o necessário equilíbrio das decisões governamentais ao estabelecer o que deve funcionar e o que deve parar. Não cabe à Polícia Militar agir de forma diversa do que foi determinado pelo governo”, disse o advogado Síldilon Maia Thomaz do Nascimento, que assinou o habeas corpus.

O juiz André Melo, plantonista de hoje (22.03), acolheu os argumentos e determinou o regular funcionamento da fábrica, obedecidas as recomendações das autoridades sanitárias quanto à higiene do ambiente e dos funcionários.



Prefeitura de Jardim de Piranhas começa a corrigir problemas de infiltrações no Hospital

Teto do Hospital da cidade de Jardim de Piranhas começa a ser recuperado

A Prefeitura de Jardim de Piranhas, emitiu uma nota com informações sobre a recuperação do teto do Hospital Geral da cidade que esta semana durante chuva registrou infiltrações.

Nota de esclarecimento

A Prefeitura de Jardim de Piranhas vem, respeitosamente, explicar à sociedade jardinense o ocorrido na sexta-feira, 28 de fevereiro, quando parte do Hospital Geral Francisca Pereira Mariz foi tomado por infiltrações causadas pela chuva.

A Prefeitura lamenta o incidente e assegura que o problema já está sendo solucionado. Infelizmente, no dia do ocorrido, a estrutura antiga do prédio não suportou o grande volume de chuva, ocasionando essas infiltrações.

Imediatamente, a Prefeitura deu início à substituição de todo o teto danificado, interrompendo as infiltrações, mesmo com a continuidade das chuvas, devolvendo normalidade a este espaço público.



VÍDEO: Açude Dourado, em Currais Novos, atinge cota máxima e transborda

O açude Dourado, localizado na cidade de Currais Novos, atingiu a sua cota máxima e transbordou aos 46 minutos da madrugada desta terça-feira (03).

O reservatórios que tem capacidade para armazenar 10 milhões 321 mil metros cúbicos de água, estava seco há alguns anos, mas, com as chuvas registradas nas últimas semanas a realidade mudou.

Açude Dourado, em Currais Novos, transborda

O reservatório transbordou aos 46 minutos da madrugada desta terça-feira, dia 3 de março

Publicado por Sidney Silva em Terça-feira, 3 de março de 2020




General Girão nega ter feito ingerências para tirar EIT Encalso das obras da nova Barra de Santana

General Girão nega ter intervido para saída de empresa da obra da Nova Barra de Santana

Em entrevista ao Sistema Rural de Comunicação o deputado federal General Girão negou que tenha feito ingerências junto ao DNOCS, para substituir a empresa responsável pela construção das obras sociais do Complexo Barragem de Oiticica.

Girão, por sinal disse na entrevista ter sido defensor desde o início das obras da Barragem, que a EIT Encalso, responsável pela obra física também assumisse as obras sociais.

Ouça a entrevista do Deputado Gederal, General Girão:

*Blog de Marcos Dantas



Movimento dos Atingidos responsabiliza Deputado Girão por tentar tirar EIT Encalso das obras da nova Barra de Santana

Em reunião na noite desta quinta-feira (27) moradores de Barra de Santana, distrito rural de Jucurutu responsabilizaram o deputado federal General Girão, de estar articulando junto ao DNOCS a substituição do Consórcio EIT-Encalso por uma outra empresa que, segundo o Movimento dos Atingidos pela Barragem de Oiticica, não oferecem as mesmas condições técnicas da EIT.

Reunião aconteceu na Igreja de Barra de Santana

A reunião aconteceu na capela da comunidade e reuniu dezenas de moradores que demonstraram revolta com a postura adotada pelo deputado, que segundo os próprios moradores, esteve antes do Carnaval visitando a obra da Barragem de Oiticica, e apenas se reuniu com representantes das empresas, autoridades do Judiciário, prefeito de Jucurutu e o secretário de Recursos Hifricos do RN, deixando de lado qualquer diálogo com os moradores e a Comissão do Movimento.

De acordo com José Procópio de Lucena, técnico do Seapac e Assessor do Movimento dos Atingidos, na reunião de hoje ficou acertado que se o consórcio EIT/ENCALSO for afastado da construção da nova Barra de Santana o movimento vai parar o complexo Barragem de Oiticica por tempo indeterminado.

Será parado tudo. O movimento exige que o deputado Girão e o DNOCS expliquem as razões para o afastamento do consórcio EIT/ENCALSO. O movimento defende a permanência do Consórcio EIT/ENCALSO na construção da nova Barra de Santana“, explicou.

*Blog de Marcos Dantas



Alex Maia é o novo diretor da Rádio Independência FM em Catolé do Rocha/PB

Alex Maia é o novo diretor da Rádio Independência de Catolé Rocha

O radialista Alex Maia é o novo diretor da Rádio Independência FM de Catolé do Rocha –PB. O jovem comunicador tem 34 anos e quase 20 dedicados ao rádio.

O convite partiu do proprietário da emissora, o ex-deputado federal, Francisco Evangelista. “Para mim é um desafio enorme, mas estou feliz pelo convite e mais feliz ainda de poder fazer parte dessa emissora que foi inaugurada no mesmo em que nasci“, disse.

Alex se destacou em Catolé do Rocha pela realização do Festival de Prêmios, que em 2019, trouxe o cantor Leonardo e foi considerado o maior evento já realizado na cidade. Atualmente, Alex está concluindo o curso de Administração de Empresas na Faculdade Católica Santa Teresinha, em Caicó-RN.

O novo diretor garante que em breve a programação da rádio vai passar por mudanças que irão agradar o publico ouvinte. “O rádio passa por mudanças constantemente com o advento da internet. Temos que acompanhar essas inovações e transformar isso em diferencial para o ouvinte”, afirmou Alex Maia.

A nova programação será anunciada em breve, mas a administração já esta sob o controle do jovem comunicador.



Operação Cabresto: MPRN oferece mais três denúncias em caso de doação irregular de terrenos para eleitores em Jucurutu

Até agora a Promotoria de Justiça de Jucurutu já ofereceu nove denúncias contra os envolvidos no esquema criminoso

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) ajuizou hoje (12), mais três denúncias contra os envolvidos em crimes de peculato, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro no esquema de doação de terrenos públicos a eleitores no Município de Jucurutu. Dessa vez, foram denunciados três vereadores, incluindo o Presidente da Câmara de Vereadores do Município.

Continue lendo


Geoparque Seridó entra na lista de candidatos a geoparques mundiais junto à Unesco

O Geoparque Seridó entrou na lista de candidatos a Geoparques Mundiais da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) em 2020. Foram selecionados 20 geoparques em 16 países, além da ampliação de três já existentes.

O Geoparque Seridó, além de ser um projeto de extensão da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, é uma área de 2.800 quilômetros quadrados que inclui os municípios de Cerro Corá, Lagoa Nova, Currais Novos, Acari, Carnaúba dos Dantas e Parelhas, localizados no Seridó potiguar. A área foi investigada pelo professor Marcos Nascimento, responsável pelo projeto, e sua equipe, que reúne professores, alunos e moradores destes municípios, com o intuito de identificar um patrimônio único no mundo.

Continue lendo


Obras das 15 queijeiras ligadas à Capesa serão entregues em março

Queijeiras estão em construção no Seridó

Técnicos das secretarias de Estado da Agricultura, da Pecuária e da Pesca (Sape) e as assistências técnicas (ATER) estão supervisionando, durante toda esta semana, as obras das 15 queijeiras vinculadas à Cooperativa Agropecuária do Seridó (Capesa), situada no município de Parelhas, beneficiadas pelo Edital de Leite e Derivados lançado pelo Governo do RN via projeto Governo Cidadão e Sape.

Distribuídas pelos municípios de Parelhas, Santana do Seridó, Florânia, Acari, Carnaúba dos Dantas, Tenente Laurentino Cruz, Currais Novos, Jucurutu e Timbaúba dos Batistas, essas unidades de beneficiamento estão recebendo um investimento de R$ 6.6 milhões, a partir do empréstimo com o Banco Mundial, para a construção e aquisição de equipamentos. As obras serão entregues em março deste ano.

Continue lendo


Morre o ex-prefeito de Parelhas, Arnaud Macedo

Arnoud Macedo morreu em casa

Faleceu na noite deste domingo (19), em sua própria residência o ex-prefeito de Parelhas, Arnaud Macedo de Oliveira. Ele tinha 86 anos de idade e estava acometido de Alzheimer. A causa de sua morte teria sido infarto.

Além de ter sido prefeito de Parelhas por três vezes, ainda exerceu um mandato de vereador.

Familiares ainda não divulgaram os detalhes do sepultamento.

*Do Blog de Marcos Dantas



ANA, AESA e IGARN fazem balanço de campanha de fiscalização na bacia do Piranhas-Açu

Por meio de imagens de satélite de alta resolução e vistorias em campo, a Agência Nacional de Águas (ANA) tem acompanhado de perto os usos da água na bacia do rio Piranhas-Açu (PB/RN), especialmente no trecho paraibano entre o açude Curema (PB) e o município de Jardim de Piranhas (RN). Nesta região a ANA autuou 101 usuários de água que estava descumprindo o limite de 0,5 hectare para irrigação, conforme o termo de alocação de água dos açudes Curema e Mãe d’Água 2019/2020, vigente de julho de 2019 a julho de 2020. A Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (AESA) e o Instituto de Gestão das Águas do Rio Grande do Norte (IGARN) participaram, em conjunto com a ANA, de duas campanhas de fiscalização em outubro e novembro do último ano.

Deste total, 39 usuários foram multados no total de R$ 97,3 mil por não terem reduzido suas áreas irrigadas, sendo que as multas poderão passar a ser diárias e chegar a R$ 10 mil por dia em caso de continuação do descumprimento da regra. Outros 22 irrigantes da região ficaram isentos de multa por terem voltado a cumprir o limite de 0,5 hectare irrigado, enquanto outros 16 seguem sob o monitoramento da Agência Nacional de Águas por estarem reduzindo sua irrigação.

Continue lendo


Iniciada a supressão vegetal no entorno da Barragem de Oiticica

Começa a supressão vegetal realizada na obra da Barragem de Oiticica

A construção da Barragem de Oiticica chegou à fase conhecida como “Supressão Vegetal”. Nesta etapa é feita a retirada do material orgânico (vegetação nativa) da área que será inundada, visando garantir a qualidade da água a ser armazenada no novo reservatório. Para minimizar ao máximo os possíveis impactos ao meio ambiente durante esta fase, a Secretaria do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) realizou um trabalho integrado que atuou em várias frentes, dentre elas a de orientar a população local por meio de uma campanha educativa.

Continue lendo


Oiticica: Reunião em Barra de Santana discutirá sobre retirada da vegetação

O Movimento dos Atingidos pela construção da Barragem de Oiticica, a Secretaria Estadual de Recursos Hídricos e Meio Ambiente e o Movimento Sindical, realizam na próxima quarta-feira (20), às 09hs, na Igreja da comunidade de Barra de Santana, em Jucurutu/RN, o Dia “D” da campanha educativa sobre a supressão vegetal (que é a retirada de uma parcela de vegetação dentro de uma área, destinada a diversos usos), que está prevista para ser feita na obra.

Estão sendo convidados para o encontro, vereadores, secretárias municipais de educação, saúde e agricultura; associações rurais; entidades da sociedade civil; igrejas; professores/as; agentes de saúde; Emater; e a população rural residente na área da Barragem de Oiticica dos municípios de Jucurutu, Jardim de Piranhas e São Fernando.