Ministério da Saúde requisitou todas as vacinas que estão no Butantan

O Butantan questionou o Ministério da Saúde nesta sexta-feira (15) sobre quantas doses da CoronaVac serão destinadas ao estado de São Paulo no Plano Nacional de Imunização. A vacina contra a Covid-19 é produzida pelo instituto em parceria com o laboratório chinês Sinovac.

A pergunta foi enviada após a pasta ter emitido um ofício, na tarde desta sexta, solicitando a entrega “imediata” de todas as 6 milhões de doses prontas do imunizante que haviam sido importadas da China e estão em São Paulo.

A gestão João Doria (PSDB) estima que São Paulo tem direito a cerca de 1,5 milhão de doses – o cálculo é feito com base no tamanho da população do estado.

A CoronaVac foi adquirida do governo paulista pelo Ministério da Saúde, mas ainda é necessária a aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para que possa ser aplicada na população brasileira.

G1

Back To Top