Corpo de Gilimara Santos, foi sepultado em Caicó

O corpo da caicoense, Gilimara Santos, de 36 anos, assassinada em um apartamento localizado no Bairro do Valentina em João Pessoa/PB, na manhã de sábado (19), foi sepultado no Cemitério São Vicente de Paulo, em Caicó, neste domingo (21), às 10h30min. A mulher com quem a vítima convivia há cerca de 5 anos, identificada como Marilene da Silva Ramos, de 45 anos, é a principal suspeita, inclusive, está foragida.

A mãe de Gilimara, que estava à passeio em sua casa junto com um neto de 7 anos, começou a pedir por socorro por volta das 5h. Ela relatou a uma vizinha que estava passando mal e que alguém matava sua filha. Outro vizinho socorreu a criança que relatou fraqueza nas pernas e visão turva. O garoto tomou um suco de maracujá. A idosa, disse ter tomado um café com leite.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – Samu foi acionado e fez o atendimento das vítimas, conduzindo-as para o Hospital.

Marilene está foragida desde o dia do fato

Segundo relatos de familiares, Gilimara Santos, foi atingida por 96 facadas em várias partes do corpo. A Polícia Militar foi acionada e ao chegar, não encontrou a companheira da vítima. Câmeras de segurança do prédio captaram imagens de sua saída levando nas mãos, duas sacolas

No interior do apartamento, a polícia encontrou várias envelopes de medicamentos que pode ter sido usados para dopar a idosa e a criança. Ambos, já estão em casa, em cidade do Seridó.

Back To Top