Dias Toffoli autoriza abertura de inquérito para investigar Eduardo Cunha

Eduardo Cunha teria operado organização criminosa em Furnas - (FOTO: Eduardo Cruz/ Agência Brasil)
Eduardo Cunha será investigado – (FOTO: Eduardo Cruz/ Agência Brasil)

O ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal, determinou nesta quarta-feira (11) a instauração de inquérito contra o presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha, por supostas irregularidades em Furnas e autorizou o início da coleta de provas.

O pedido de investigação foi feito pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que afirmou que o objetivo da apuração é investigar uma grande organização criminosa, que tinha como um dos líderes Cunha.