Ex-recordista mundial da Maratona é tema de filme produzido em Currais Novos

Atleta é tema de documentário

A vida do ex-atleta, atual recordista brasileiro e sul-americano em maratonas de atletismo, Ronaldo da Costa, 48, virou roteiro para filme produzido em Currais Novos e contou com investimentos de penas pecuniárias arrecadadas pela Justiça estadual daquele município da região do Seridó. Instituições públicas e privadas também apoiaram a iniciativa.

Penas pecuniárias são medidas alternativas em que os condenados por crimes de menor potencial ofensivo podem substituir o cumprimento da sanção judicial pelo pagamento em dinheiro.

A obra já está disponível no Youtube

E muitas vezes, não é preciso ter vultosos recursos financeiros para que boas iniciativas sejam tiradas do papel. E a Justiça Estadual, além de apoiar órgãos públicos e não governamentais, também tem apoiado com essas quantias, projetos culturais.

Na comarca de Currais Novos, o valor de R$ 5 mil, arrecadado entre janeiro e março de 2018, serviu de base financeira para a produção do filme Ronaldo da Costa – A Maratona da Vida.

O curta-metragem apresenta a história de superação do corredor mineiro e como o esporte mudou sua vida. Contada a partir de um diálogo entre pai e filho, a trama resgata imagens documentais que recordam momentos históricos, como a vitória do atleta na Maratona de Berlim em 1998, quando bateu o recorde mundial correndo 42km em 2h06m5s.

Ronaldo, natural de Descoberto (MG), foi campeão da São Silvestre em 1994 e medalhista de bronze nos Jogos Pan-Americanos de 1995 na prova dos 10 mil metros.

O juiz Marcus Vinícius Pereira Júnior, da Vara Cível de Currais Novos, explicou que a ideia surgiu de conversas com desportistas do município, e que a Fundação Dr. José Bezerra Gomes apresentou o projeto no edital de disponibilização das prestações pecuniárias.

O filme contou ainda com o seu apoio e atuação como personagem coadjuvante, e a equipe de produção e direção do audiovisual foi composta por moradores da cidade, fortalecendo a produção cultural do local.

A obra, que já está disponível no YouTube, teve seu lançamento oficial em Currais Novos no dia 22 de novembro e em breve contará com apresentações em Natal e em outras cidades.