Fátima Bezerra diz que ATAQUE à presidente aproximam-se ‘perigosamente do golpismo’

FÁTIMA

A senadora Fátima Bezerra (PT-RN) criticou o baixo nível dos ataques ao governo da presidente Dilma Rousseff e avaliou que a disputa política aproxima-se perigosamente do que classificou de “golpismo”. Ela ressaltou a importância da pluralidade de ideias, mas condenou o “discurso do ódio” que ataca a dignidade humana da presidente e tenta desqualificar a escolha do eleitor.

A senadora ainda desafiou o PSDB a buscar a via democrática das urnas e apresentar um projeto mais “ousado e inovador” nas próximas eleições, em vez de trilhar o que chamou de “caminhos golpistas”.

– Apenas por ingenuidade ou má fé podem supor que não reagiremos a teses absurdas que se levantam, como de impeachment de uma presidenta que acaba de completar seis meses de governo – afirmou a senadora.

Fátima Bezerra citou recente pesquisa para salientar que a maioria do público é contra o financiamento empresarial de campanhas, prática que considera estimular a corrupção, e pediu diálogo do governo com movimentos sociais para a discussão desse e de outros pontos relevantes da reforma política.