Informações iniciais de prontuário foram insuficientes para identificar corpo carbonizado

Os peritos do Itep em Natal, aguardam por novas informações solicitadas à família de Irapuan Monteiro Saldanha, para dar continuidade ao processo de identificação do corpo que foi encontrado carbonizado no sítio Coelho, zona rural de São Fernando/RN.

Os procedimentos para fazer o reconhecimento do corpo estão sendo feitos através da arcada dentária. A informação foi confirmada ao Blog Sidney Silva pelo capitão Eudes Valério, coordenador de Medicina Legal do ITEP. Apenas um dos dentes encontrados está com possibilidade de ser usado.

Foi solicitado à família um prontuário com informações da arcada dentária, mas, tal documento não continha detalhes suficientes para que os odontólogos forenses seguissem com a identificação. As informações constantes no prontuário enviado estão desencontradas. Nós não conseguimos entender muito não, por isso, pedidos mais detalhes à família“, disse.

Os peritos fizeram um raio-x do corpo e identificaram que em algumas partes existia platina aplicada em alguma cirurgia. “Nós também temos a possibilidade de usar isso para ajudar na identificação e se for preciso, vamos tomar esse caminho“, comentou.