Julgamento de réu acusado de matar caicoense em Jardim de Piranhas é adiado

O paraibano Edilson Teixeira da Silva, teve o julgamento popular que ocorreria nesta quarta-feira (31), na cidade de Jardim de Piranhas, adiado. O pedido foi feito ao juiz presidente da sessão do júri, pelo advogado, José Geraldo Neves, que foi constituído pelo réu para fazer sua defesa. O juiz reaprazou a sessão para o dia 15 de março, às 09hs no Fórum Municipal.

Em contato com o Blog Sidney Silva, Neves disse que foi contratado por Edilson no final de semana passado e que por isso não teria tempo hábil para fazer sua defesa haja vista não conhecer o processo. “Nós pedimos um tempo ao magistrado que consentiu e agora vamos nos debruçar sobre o processo para atuar”, disse.

O réu não compareceu ao julgamento, mas, isso não impediria que a realização do evento.