Kelps sugere criação de comissão para investigar reprovação de concursados da PM

Deputado Kelps Lima
Deputado Kelps Lima

Em pronunciamento na sessão plenária desta terça-feira (9), o deputado Kelps Lima (SDD) cobrou ações do Governo do Estado para resolver o impasse acerca dos 489 candidatos reprovados nos exames clínicos do concurso da Polícia Militar. O parlamentar propôs a formação de uma comissão na Assembleia Legislativa para investigar a reprovação dos concursados.

Me estranha muito essa situação. Recebi uma informação, que precisa ser averiguada, de que o médico que aplicou os exames nos candidatos, Dr. Ricardo Oliveira, teria dito que reprovou apenas 24 candidatos. Acho que a Assembleia deve convidar esse médico para nos explicar essa situação”, disse Kelps.

Para o parlamentar, o Governo precisa ser mais claro quanto às questões que culminaram com a reprovação dos 489 candidatos. “Não é plausível que, de um volume de 824 concursados, quase 500 tenham sido considerados mentalmente inaptos para ingressarem na Polícia Militar”, afirmou o deputado.

Em aparte, a deputada Márcia Maia (PSB) também se mostrou surpresa com a situação e ressaltou que o exame de psicoteste, responsável pela reprovação da maior parte dos candidatos, não estava previsto no edital original do concurso.