Operação Dom Bosco: MPF denuncia ex-prefeito de Malta (PB)

Operação Dom Bosco na Paraíba
Operação Dom Bosco na Paraíba

Foi denunciado nesta segunda-feira, 13 de junho, pelo Ministério Público Federal (MPF) em Patos (PB), o primeiro ex-prefeito envolvido na Operação Dom Bosco, que desarticulou, em outubro de 2015, organização criminosa responsável pelo desvio de recursos públicos e fraudes em dezenas de licitações de várias prefeituras no sertão da Paraíba. Ajácio Gomes Wanderley, ex-prefeito de Malta (PB), é acusado de contratar diretamente empresas e, em seguida, simular licitações para justificar as contratações ilegais.

Nas fraudes, o então prefeito contou com a colaboração de José Ivan Rodrigues, ex-secretário municipal de Administração e presidente da comissão permanente de licitação do município.

Confira íntegra da denúncia: