Caso Isaac Torres: Audiência de instrução do processo acontecerá em maio

No próximo dia 06 de maio, às 08hs30min, acontece no Fórum Amaro Cavalcante em Caicó, a audiência de instrução e julgamento do processo da morte de Isaac Soares de Oliveira Torres, assassinado no sítio Cavalcante, na zona rural de São Fernando, no dia 19 de maio de 2013.

Na audiência, serão tomados os depoimentos das testemunhas arroladas pelas partes que residam ou, no caso de policiais, que se encontram lotadas nesta comarca. Às pessoas arroladas que residam em outras comarcas, foram expedidas cartas precatórias para serem inquiridas.

As audiências de instrução e julgamento servem para que as partes possam produzir no processo as denominadas provas orais.




Sem categoria

Emparn convida Adese para integrar projeto “Profetas do Tempo do Seridó”

Diretor Executivo da Adese em reunião com o Gerente da Emparn em Caicó
Diretor Executivo da Adese em reunião com o Gerente da Emparn em Caicó

O gerente da Emparn em Caicó, José Augusto Filho, esteve reunido esta semana com o diretor Executivo da Agência de Desenvolvimento do Seridó – ADESE, José Vanderli de Araújo, e lhe fez o convite informal para que a instituição possa se inserir na comissão que trabalha em prol dos “Profetas do Tempo do Seridó”.

A receptividade foi muito boa. O atual gestor da Adese, disse que vai repassar à futura Diretoria, a nova missão.

O trabalho de promoção dessa cultura seridoense é importante porém incipiente. São grandes às expectativas e possibilidades de ações nessa área, e os desdobramentos exigirão o envolvimento de voluntários e abnegados. Como diz Helder Cortez, organizador do Encontro Anual dos Profetas do Quixadá, reunir os profetas não significa apenas a curiosidade pelas suas “previsões”, mas, antes de tudo, a sua promoção social e cultural. Para a cidade, a sua promoção turística“, comentou José Augusto.




Sem categoria

Centro de estudos e debates discutiu revisão do Plano Diretor de Caicó‏

Reunião na Câmara de Caicó, sobre o Plano Diretor da cidade
Reunião na Câmara de Caicó, sobre o Plano Diretor da cidade

Representantes de quinze instituições se reuniram nesta sexta-feira (17), na Câmara Municipal, através do Centro de Estudo e Debates, para discutir a revisão do Plano Diretor de Caicó. A propositura foi do vereador José Rangel (PDT) que, após ouvir atentamente vários seguimentos da sociedade, resolveu debater o assunto.

A palestrante nessa primeira audiência foi a arquiteta e urbanista caicoense Josenita Dantas, que é estudiosa dessa temática.  “O Plano Diretor, depois da Constituição de 1988, passou a ser o instrumento que o Poder Público teria para orientar o crescimento e a expansão do município. Já o Estatuto da Cidade, de 2001, traz a obrigatoriedade de implantação do Plano Diretor nos municípios com mais de 22 mil habitantes, área com potenciais empreendimentos e polo de turismo. E Caicó se enquadra nessas características”, destacou Josenita.

A audiência foi muito representativa, mostrando que o caminho é discutir com o público. Decidimos pela formação de uma comissão, que vai levar os primeiros encaminhamentos ao prefeito municipal, Roberto Germano, e esse vai trabalhar na contratação de uma consultoria. A formatação do Plano Diretor é um trabalho técnico, que exige a participação da sociedade, para se construir uma pauta coletiva e o Poder Executivo colocar em prática”, avaliou José Rangel.




Sem categoria

Caicó sediará Mutirão Estadual de Comunicação no próximo final de semana

Muticom será realizado em Caicó, pela Diocese
Muticom será realizado em Caicó, pela Diocese

Será aberta na próxima sexta-feira (26), em Caicó, a terceira edição do Mutirão Estadual de Comunicação, evento promovido pela Pastoral de Comunicação do Rio Grande do Norte. O Muticom RN marca a programação dos 75 anos da Diocese de Caicó e terá como tema “Comunicação Interpessoal na Era Digital”.

Os palestrantes de abertura serão o Padre Manoel Filho, da Pascom da Arquidiocese de Salvador-BA, e o jornalista Sávio Hackradt. A programação também contará com oito oficinas de temas específicos, noite cultural e dois painéis de encerramento.

O evento é voltado para agentes de pastoral, estudantes e profissionais da comunicação. Com vagas limitadas, o 3° Muticom será realizado no Centro Pastoral Dom Wagner. As inscrições podem ser efetuadas no local ou pelo site: www.diocesedecaico.com.br




Sem categoria

MPF quer condenação de ex-prefeito de Extremoz (RN) por improbidade administrativa

O Ministério Público Federal (MPF), por meio da Procuradoria Regional da República da 5.a Região (PRR5), emitiu parecer em que opina pela condenação de Enilton Batista da Trindade, ex-prefeito de Extremoz (RN), por improbidade administrativa. Ele foi absolvido pela 4.ª Vara da Justiça Federal no Rio Grande do Norte, e caberá à Segunda Turma do Tribunal Regional Federal da 5.ª Região (TRF5) julgar o recurso interposto pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e o próprio MPF.

Enilton Trindade foi acusado pelo MPF, em ação civil pública proposta pela Procuradoria da República no Rio Grande do Norte, de ocultar documentos públicos relativos a licitações realizadas pelo município para executar convênios firmados com o FNDE em 2002. Segundo o MPF, o ex-prefeito (que exerceu dois mandatos, entre 200 e 2008) forneceu documentação genérica, tendo deixado de apresentar documentos essenciais para a apuração de irregularidades nos procedimentos licitatórios. Posteriormente, a Prefeitura de Extremoz, sob a gestão do prefeito Klauss Francisco Torquato Rêgo, declarou ter dificuldade em encontrar os documentos solicitados pelo MPF.

O MPF ressalta que o gestor público tem o dever de prestar dos contratos realizados, disponibilizando, para isso, os documentos necessários à verificação de regularidade do procedimento adotado. “Enilton Batista da Trindade, ao ocultar documentação referente aos convênios celebrados entre o município e o FNDE, agiu com má-fé, sendo patente o dolo em sua conduta”, diz o parecer.

N.º do processo no TRF5: 0003607-11.2013.4.05.8400 (AC 578675 RN)

http://www.trf5.jus.br/processo/0003607-11.2013.4.05.8400

Íntegra da manifestação da PRR5:

http://www.prr5.mpf.mp.br/prr5/conteudo/biblioteca/noticias/2015/2015_022_04_20.pdf




Sem categoria

Militares estaduais serão promovidos até o dia 22 de maio com efeito retroativo‏

Reunião definiu sobre promoções de policiais
Reunião definiu sobre promoções de policiais

A secretária chefe da Casa Civil do Governo do Estado do RN, Tatiana Mendes Cunha, e a secretária estadual da Segurança Pública e da Defesa Social, Kalina Leite, reuniram-se, na tarde desta segunda-feira (20), na sede da Governadoria, no Centro Administrativo, em Natal, com os Comandantes da Polícia Militar, Coronel Ângelo Dantas, e do Corpo de Bombeiros Militar, Coronel Otto Ricardo Saraiva, e com os representantes das associações dos militares estaduais para debater o processo de acessão profissional, garantida legalmente à categoria, no segundo semestre de 2014, por meio da Lei de Promoção de Praças.

Durante o encontro, ficou acertado o prazo de 30 dias, a contar a partir desta terça-feira (21), para que o Poder Executivo Estadual e os Comandos das Corporações efetivem as promoções previstas na LPP com base no nas recomendações do Ministério Público (MPRN) e do Tribunal de Contas do Estado do RN (TCE-RN).

Conforme acordado entre os participantes na reunião, o Governo se comprometeu a apresentar, na próxima segunda-feira (27), o quantitativo exato de militares estaduais e suas respectivas graduações, a serem beneficiados com a promoção, que ocorrerá até o dia 22 de maio, com efeito retroativo a partir do dia determinado em lei.

A ampliação do prazo para efetivação das promoções, segundo os Comandos das Corporações, visa cumprir prazos regulamentares referentes aos recursos do quadro de acesso já publicados pelas instituições, bem como para publicação de outros documentos essenciais que ainda encontram-se pendentes. Essa medida foi necessária em relação ao grande volume de policiais aptos à promoção e o reduzido número de profissionais administrativos existentes, além dos diversos militares que estavam habilitados a concorrer a promoção que atrasaram a entrega de alguns documentos exigidos, retardando ainda mais o processo.

De acordo com Tatiana Mendes Cunha, secretária chefe da Casa Civil, o governador Robinson Faria tem acompanhado pessoalmente todo o processo e reconhece o direito dos abnegados militares estaduais. “O governador Robinson Faria tem empenhado todos os esforços possíveis para garantir uma melhor organização nos processos de promoção da categoria, cobrado celeridade na execução das etapas previstas em lei, pois entende que esta é a hora de corrigir um déficit histórico existente nestas Corporações, resgatando vagas de promoções represadas há mais de 30 anos e a auto estima dos militares estaduais”, disse.

Entenda a lei

Em julho do ano passado, o Governo do Estado, sancionou a Lei Complementar nº 515/2014 que trata do regime de promoção de praças da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros do Rio Grande do Norte. De acordo com a nova lei de promoções, os Praças “terão acesso e a evolução na hierarquia militar, mediante promoção de forma seletiva, gradual e sucessiva, que se dará através de ato administrativo vinculado”. Os critérios de promoção, a partir de agora, são antiguidade, merecimento, post mortem, bravura e ressarcimento de preterição.

O último regime de promoção válido para soldados, cabos e sargentos das corporações era regulamentado pelo Decreto 7070, de 7 de fevereiro de 1977. As associações de classe cobravam uma nova lei e o cumprimento da mesma.

Dentre as providências descritas na lei estão o período para que ocorram as promoções, os prazos para o Estado concedê-las, os cursos de formações e a instituições das comissões que analisarão os pedidos.




Sem categoria

Caicó: Falta de estrutura materno-infantil fere dignidade de famílias

Por Sidney Silva – A cidade de Caicó continua necessitando de estrutura para atender crianças recém-nascidas, em situação de prematuridade ou que nasçam “de tempo”, mas, precisando de serviços específicos. Lamentavelmente, sempre eles, (os bebês), tem que ser encaminhados para outros “centros”, Currais Novos, Santa Cruz, Natal, Parnamirim, entre outros, porque nossa cidade, (Caicó), não tem o serviço adequado para atendê-lo. Muitos, morrem no caminho, outros não. Esse tempo é precioso. Os procedimentos deveriam ser feitos na unidade onde nasceram.

O número de crianças sequeladas existentes em Caicó, por causa da falta de estrutura adequada para atendê-las no pré e pós parto, é grande. A mãe, o filho, o pai, toda a família é vilipendiada nos seus direitos.

Aqui, o compromisso dos gestores não é com a vida. Tudo esbarra nos interesses pessoais. Nada é para a coletividade, e quando é, não é suficiente, é pouco. Chega a ser vergonhoso.

Quantas crianças mais teremos que ver morrer? Por quanto tempo mais vamos ter que assistir quem de direito não fazer nada para melhorar os serviços para atender mães e crianças.

Minha indignação é a mesma de todos os pais vítimas do descaso com a saúde.

Ainda estão encaixotados, os equipamentos que foram adquiridos para montar uma Unidade de Terapia Intensiva – UTI ou uma Unidade de Cuidados Intermediários – UCI, seja lá, o que for. Uma sala no interior do Hospital do Seridó, é onde estão as máquinas.




Sem categoria

Assembleia Legislativa do RN lança aplicativo para smartphones e tablets

Aplicativo da ALRN
Aplicativo da ALRN

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte lança nesta segunda-feira (20) o aplicativo para smartphones e tablets, onde o internauta terá acesso a informações das atividades e perfis dos deputados estaduais, as notícias, fotos e poderá acompanhar ao vivo as sessões ordinárias, especiais e solenes.

O lançamento do aplicativo faz parte da programação de comemoração dos 180 anos da Assembleia Legislativa. “Nosso objetivo é aproximar mais as pessoas dos projetos, ações e trabalho da Assembleia no Rio Grande do Norte”, destaca o presidente da Casa, Ezequiel Ferreira (PMDB).

Através do aplicativo, o internauta terá acesso à informações das atividades da Assembleia Legislativa, notícias do setor de comunicação, com cobertura diária das sessões ordinárias, especiais e solenes, além das audiências públicas.

A ferramenta permite acessar o perfil dos parlamentares, com as últimas notícias relacionadas, assim como informações sobre comissões e a Mesa Diretora, além de acompanhar ao vivo a transmissão da rádio e da TV Assembleia.

Para baixar gratuitamente o aplicativo da ALRN, basta acessar o Google Play, no sistema operacional Android e o IOS, da Apple.




Sem categoria

Empresas incubadas do Metrópole Digital obtêm faturamento de R$ 11 milhões em 2014

Rogério Marinho e o Matrópole Digital
Rogério Marinho e o Matrópole Digital

As empresas incubadas na Inova Metrópole, incubadora de empresas vinculada ao Instituto Metrópole Digital (IMD/UFRN) obtiveram um faturamento bruto de quase R$ 11 milhões em 2014. O valor arrecadado é superior ao faturamento da melhor incubadora do Brasil, segundo a Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (ANPROTEC).

O deputado federal Rogério Marinho (PSDB), criador do Metrópole Digital, celebrou a notícia. Para o parlamentar, o projeto está confirmando a expectativa gerada, incluindo Natal no mapa da tecnologia da informação e contribuindo de forma decisiva para uma revolução na economia potiguar. “E o melhor é saber que tudo isso ainda é apenas o começo. O Metrópole ainda tem muito a conquistar e sempre contará com nosso total apoio“, disse o parlamentar.

De acordo com o professor Anderson Cruz, gerente da Inova Metrópole, esse faturamento é o resultado do trabalho desenvolvido pela incubadora junto ao esforço das empresas incubadas, que estão transformando o mercado de Tecnologia da Informação (TI) no Rio Grande do Norte. “Nossa incubadora ainda não tem nem dois anos e conseguiu chegar a resultados bem impressionantes para a nossa região e mesmo para o Brasil”, comenta Anderson. Ele ressaltou ainda o fato da Inova Metrópole já ter graduado uma empresa, a SIG Software, que utiliza tecnologia desenvolvida na UFRN e está se consolidando como a maior empresa de TI do estado.




Sem categoria

Dupla troca tiros com a polícia durante perseguição em Mossoró

Polícia troca tiros com dupla armada na cidade de Mossoró
Polícia troca tiros com dupla armada na cidade de Mossoró – (Ismael Souza via Mossoró HOJE)

Do Mossoró HOJE – Uma perseguição seguida de troca de tiros entre suspeitos e policiais militares aconteceu na manhã deste sábado (18), na Estrada da Raiz, na região Norte de Mossoró. Dois homens participaram da ação.

De acordo com a Polícia, a perseguição aconteceu depois que a dupla, que estava em um veículo do tipo Onyx, fugiu após avistar a viatura do Grupamento Tático Operacional Rodoviário (GTOR), do 2º DPRE. A guarnição solicitou, através do Ciosp, reforço para auxiliar na caçada aos dois elementos.

Segundo informações do Sargento Almeida, que comandou a operação, os elementos empreenderam fuga pela estrada carroçável e trocaram tiros com os policiais. “Um dos bandidos efetuou disparos de revolver contra a viatura, e em seguida revidamos. Os criminosos abandonaram o carro e fugiram adentrando o matagal”, disse o militar.

O veículo, um Chevrolet Onyx com placas FRS-8379 de São Paulo, foi roubado na capital paulista. Segundo as características repassadas pelos policiais, os suspeitos tratavam-se de um gordo e outro magro, com estatura mediana. O carro, com várias marcas de tiros, foi removido para a Delegacia de Plantão, no Alto de São Manoel para realização dos procedimentos.

Segundo o PM Clementino, do GTOR, uma quadrilha especializada em adulteração de placas e documentos de veículos roubados pode estar agindo na região de Mossoró. Durante a procura pelos elementos, um quadro de uma motocicleta do tipo Honda Titan foi encontrado pelos policiais.

Acreditamos que o local onde os criminosos estavam, pode ser usado pela quadrilha para desova de veículos roubados. Possa ser que exista uma quadrilha especializada em veículos roubados que adultera placas e a documentação dos veículos”, explicou.

Ainda segundo o policial, os criminosos utilizaram características e modelo de um veículo semelhante para clonar a placa e tentar despistar os policiais durante fiscalização.




Sem categoria

PRF e 3º DPRE realizaram fiscalização em Serra Negra do Norte

CPRE e PRF realizam ação de fiscalização na cidade de Serra Negra do Norte
CPRE e PRF realizam ação de fiscalização na cidade de Serra Negra do Norte

Policiais do Comando de Polícia Rodoviário Estadual (CPRE), por meio do 3º Distrito de Polícia (3º DPRE), em parceria com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e de militares do município de Serra Negra do Norte, realizaram nesta sexta-feira (17), naquela cidade, distante a 319 quilômetros da capital, uma ação de fiscalização e orientação contra infrações de trânsito.

Na ação foi detido um condutor por embriagues ao volante e apreendido um ciclomotor em condição irregular. A proposta do 3º DPRE é intensificar as ações preventivas visando reduzir, cada vez mais, os índices de acidentes nas rodovias do RN.




Sem categoria

Pernambucanos são abordados por policiais da Deicor e Bope em Lajes/RN

Policiais da Divisão Especial de Investigação e Combate ao Crime Organizado – DEICOR, juntamente com policiais militares do BOPE, realizaram abordagem em residência na cidade de Lajes/RN, neste sábado (18), por volta das 05hs.

De acordo com o que o Blog Sidney Silva apurou, os policiais receberam informação da movimentação estranha de homens na cidade, que se diziam vendedores de livros. Pessoas teriam adquirido os materiais, mas, não receberam.

Desconfiados da ação do grupo e pensando tratar-se na verdade de pessoas levantando informações de bancos da região, decidiram abordar. Todos eram pernambucanos e alguns tinham passagem pela polícia. Não houve confronto com disparos de arma de fogo no local da ocorrência.

No primeiro momento, não foi encontrado nada que os incriminassem.




Sem categoria

Segundo MPF, grupo preso em Mossoró integrava organização criminosa

Polícia Federal coordenou às ações em mais uma etapa da Operação Salt em Mossoró
Polícia Federal coordenou às ações em mais uma etapa da Operação Salt em Mossoró

Os mandados de prisão cumpridos nesta sexta-feira (17) pela Polícia Federal em Mossoró, dentro da terceira etapa da chamada Operação Salt, resultaram de ações ajuizadas pelo Ministério Público Federal (MPF), que apresentou quatro denúncias por lavagem de dinheiro, uma denúncia por organização criminosa, uma denúncia por falsidade ideológica e um pedido de prisão preventiva, envolvendo um total de 20 pessoas (ver lista abaixo). O grupo é acusado de integrar uma organização criminosa que, desde 1990, especializou-se em praticar os crimes de sonegação fiscal, apropriação indébita previdenciária, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro.

Por meio de um grande emaranhado de empresas, muitas delas de “fachada”, o chamado Grupo Líder conseguiu sonegar mais de R$ 500 milhões. As ilegalidades já haviam levado a Polícia Federal a deflagrar outras duas operações, sendo uma delas em dezembro de 2013 (Operação Salt I) e a segunda em 26 de março deste ano (Operação Salt II).

Muito embora algumas das empresas do grupo (ver lista abaixo) ostentem patrimônio e receita para saldar suas obrigações tributárias, a organização se utiliza do artifício de criar empresas que só existem no papel, inclusive constituídas a partir da utilização de ‘laranja’, para garantir o livre ingresso de receitas nos caixas do grupo, assim como o branqueamento de bens, mediante complexo esquema de blindagem patrimonial contra as ações da Receita Federal do Brasil”, destacam as ações, de autoria dos procuradores da República Aécio Tarouco e Emanuel Ferreira.

De acordo com as investigações, o Grupo Líder teria como “matriz” a empresa Tecidos Líder Indústria e Comércio Ltda., autuada pela Receita Federal pela primeira vez em 2004. Tal grupo protegeria o seu patrimônio dos órgãos ficais e de todos os seus credores, mediante sobreposição de empresas, sucessão empresarial, confusão e transferência patrimonial, dissolução irregular de diversas sociedades e interposição de pessoas como sócias das empresas.

O grupo desenvolve atividades na indústria de plástico, tecidos, resinas, extração de sal, revenda de combustível, de veículos, construção civil, transportes, maricultura, nos mesmos estabelecimentos simultânea e, por vezes, sucessivamente sob uma mesma unidade de comando e direção.

Funcionamento – Investigações da Fazenda Nacional concluíram que os valores monetários e bens não permaneciam nas empresas ditas “sujas”, com muitas dívidas com o Fisco e credores em geral. Eles eram continuamente transferidos a novas pessoas jurídicas, com a constituição formal de diversos CNPJs, vinculados aos mesmos CPFs ou aos CPFs de “laranjas”, geralmente familiares e empregados de Edvaldo Fagundes de Albuquerque, figura central da organização.

Das cinco denúncias apresentadas até agora, uma delas diz respeitos ao crime de falsidade ideológica, três a lavagem de dinheiro e uma quinta está relacionada ao crime de organização criminosa. As investigações envolvendo o Grupo Líder continuam em andamento, especialmente em relação ao crime de sonegação fiscal.

Em relação ao crime de apropriação indébita previdenciária, o MPF em Mossoró já ajuizou 11 denúncias, envolvendo diversas das empresas que integram o Grupo Líder, em momento anterior à operação denominada Salt.

Envolvidos:

Núcleo Administrativo (detinha o poder de mando)

1. Edvaldo Fagundes de Albuquerque

2. Ana Catarina Fagundes de Albuquerque

3. Edvaldo Fagundes de Albuquerque Filho

4. Eduardo Fagundes de Albuquerque

5. Rodolfo Leonardo Soares Fagundes de Albuquerque

6. Zulaide de Freitas Gadelha

Núcleo Contábil (responsável por instrumentalizar formalmente a constituição de diversas empresas fantasmas do grupo, contribuindo decisivamente para os delitos cometidos)

1. Tupinambá de Paiva Carvalho

Núcleo Operacional (composto pelas interpostas pessoas aliciadas pelos líderes da organização, compondo os popularmente chamados “laranjas”

1. Antônia Martins de Araújo

2. Antônio Fagundes de Albuquerque Neto

3. Carla Lígia Leite Barra

4. Denise de Souza Borges

5. Felipe Vieira Pinto

6. Genival Silvino de Sousa

7. Ivan Freitas da Silva

8. Jerônimo Antônio Ferreira Neo

9. Jose Bonifácio Dantas de Almeida

10. Manoel Inovilton de Paiva

11. Marcos Reigracion Borges

12. Miguel Ângelo Barra e Silva

13. Sebastião Aécio Borges

Empresas envolvidas:

1. ESS Empresa de Serviços Salineiros

2. EBS – Empresa de Sal LTDA

3. Diamante Cristal Indústria e Comércio de Sal LTDA – ME

4. Refinassal Indústria e Refinação de Sal LTDA

5. Líder Comércio e Indústria de Alimentos LTDA

6. West Import´s e Comércio LTDA

7. CBC Indpustria de Termoplástico Amazônia LTDA

8. Locmaquip Locadora & Construtora LTDA

9. Premolds Indústria & Comércio LTDA

10. EFA Gestão de Negócio LTDA

11. Revendedora de Combustível Portalegre LTDA

12. Realplast Indústria e Comércio LTDA

13. Comércio de Produtos de Petróleo Líder LTDA

14. Líder Comércio de Combustível de Lubrificantes LTDA

15. Revendedora de Combustíveis Portalegre LTDA

16. Ciemarsal Comércio e Indústria e Exportação de Sal LTDA

17. Ilha Refinaria de Sal LTDA

18. Dmarket Indústria e Comércio de Artefatos Plásticos LTDA

19. Tecidos Líder Indústria e Comércio LTDA

20. Rafitex Rafia têxtil LTDA

21. F.A. Veículos, Peças e Agenciamento LTDA

*Assessoria de Comunicação – Procuradoria da República no RN




Sem categoria

TIM passa a oferecer WhatsApp ilimitado a todos os planos

Watsapp será ofericido pela TIM aos usuários
Watsapp será ofericido pela TIM aos usuários

Da Reuters via Exame – operadora de telecomunicações TIM ampliará na próxima terça-feira sua parceria com o aplicativo de comunicação WhatsApp, do Facebook, informou à Reuters o diretor de marketing da TIM, Roger Solé.

A partir da semana que vem, todos os planos pré-pagos e pós-pagos da operadora que incluam dados terão WhatsApp ilimitado, ou seja, o uso do aplicativo de troca de mensagens não será descontado da franquia de dados contratada pelo cliente.

Desde o fim do ano passado, a oferta de WhatsApp ilimitado estava restrita a dois planos específicos, o Controle WhatsApp (que incluía dados e SMS) e o Liberty Express (pós-pago que incluía dados, voz e SMS).

Segundo Solé, o acordo com o WhatsApp não é financeiro, mas o executivo recusou-se a dar detalhes da parceria.

O uso de WhatsApp é fenômeno no Brasil. Esperamos fidelizar nossa base de clientes (…) e trazer clientes conectados da concorrência“, declarou. A TIM não informou quantos clientes de sua base utilizam WhatsApp.

Na quarta-feira, a concorrente Claro anunciou iniciativa que vai no sentido contrário, encerrando a parceria que tinha até então com as redes sociais Twitter e Facebook, mas ampliando a franquia de dados dos clientes sem pagamento adicional.

As parcerias entre operadoras e redes sociais é criticada por alguns especialistas por ferir a chamada neutralidade da rede, princípio do Marco Civil da Internet, espécie de constituição da Web em fase de regulamentação no país.

O princípio prevê que as operadoras ofereçam acesso igualitário aos sites, sem privilégios a determinados aplicativos.

Para Solé, esse tipo de parceria não viola a neutralidade.

Sem dúvida a Internet tem que ser completa, tanto é assim que nós não oferecemos o benefício do WhatsApp a não ser que o cliente já esteja comprando o pacote de dados“, declarou.




Sem categoria

Nomeação de Juliska Azevedo para a Assecom do Governo Estado foi publica no DOE

Juslika Azevedo assume a ASSECOM do Governo do Estado
Juslika Azevedo assume a ASSECOM do Governo do Estado

Foi publicada neste sábado (18), no Diário Oficial do Estado, a mudança no comando da Secretaria de Comunicação do Governo do Estado. A jornalista Juliska Azevedo Barnabé da Costa, foi nomeada para a pasta deixada por Georgia Luana dos Santos Nery.

Juliska, era assessora de Comunicação do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte.




Sem categoria