Potiguares podem receber alertas de riscos de desastre a partir desta segunda-feira

Os potiguares já podem se cadastrar para receber no celular alertas de riscos e desastres naturais. É que o Rio Grande do Norte aderiu ao programa de emissão de SMS gratuito à população com informações da Defesa Civil. Transmitidas aos telefones celulares por SMS, as mensagens informam previamente sobre a ocorrência de chuvas intensas, vendavais, riscos de inundação, deslizamentos e outros fenômenos naturais com potencial de risco à população.

“Trata-se de mais uma ferramenta para propiciar ações efetivas da Defesa Civil do Estado trazendo, dessa forma, uma tranquilidade a mais para a população”, ressaltou o coordenador Estadual da Defesa Civil, tenente-coronel BM Marcos de Carvalho. A iniciativa é uma parceria entre o Ministério do Desenvolvimento Regional, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e os governos estaduais. Os alertas são divulgados pelo Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad) e pelos órgãos de Defesa Civil nos estados.

Os interessados em receber as mensagens devem enviar um SMS para o número 40199 com o Código de Endereçamento Postal (CEP) do município em que mora. O usuário receberá então uma mensagem informando que o celular está apto a receber os alertas. Também será possível cancelar o serviço por mensagem de celular. Não há custo para receber os alertas.



Vivaldo pede com urgência que obra do Saneamento Básico de Caicó anunciada em 2014 seja retomada

Deputado Vivaldo Costa cobrou que obra do saneamento básico de Caicó seja retomada

Anunciada em 2014 com previsão de conclusão para 2015 a obra de Saneamento Básico para a cidade de Caicó foi comemorada pela população. Cinco anos depois o serviço ainda não foi concluído. Nesta terça-feira (14) o deputado Vivaldo Costa (PSD) protocolou na Assembleia Legislativa requerimento, em regime de urgência, solicitando o retorno da obra. O pedido será encaminhada para a governadora Fátima Bezerra, ao Secretário do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos João Maria Cavalcanti, além do Diretor-presidente da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte – CAERN, Roberto Sérgio Linhares.

Na época o projeto, após sua finalização, seria possível a coleta, transporte e tratamento de esgoto de 77% da população da cidade. Inicialmente o projeto foi orçado na ordem de mais de R$59 milhões, sendo R$19,28 milhões da CAERN, R$24,40 milhões da OGU e R$15,42 milhões de financiamento do FGTS pelo Governo do Estado.

Um dos projetos previa a construção de uma rede coletora com ramais domiciliares, estações elevatórias e emissários de recalque, além de um emissário final e Sistema de Tratamento (Lagoas Facultativas e de Maturação e Filtro de Areia). Já o segundo empreendimento consistia em um sistema de Rede Coletora (Sub-bacias 1, 2 e 3), ramais convencionais, Estações Elevatórias e Emissários de Recalque, conclusão do Sistema de Tratamento (Lagoas Anaeróbias, Facultativa e de Maturação) e Emissário Final. Na oportunidade, seriam contempladas as Zonas Centrais e norte da cidade de Caicó.

“Essa obra foi considerada como o maior investimento financeiro a ser realizado no município e não saiu. Peço que o governo veja esta solicitação e retome o serviço. Saneamento é saúde”, disse Vivaldo.



PF e Receita Federal fazem nova apreensão de cocaína no porto de Natal

Mais uma vez, a Polícia Federal junto com a Receita fazem apreensão no Porto de Natal

A Polícia Federal em conjunto com a Receita Federal realizou na tarde desta segunda-feira, 13/05, uma nova apreensão de cocaína no Porto de Natal. Cerca de 1.038 quilos foram encontrados em meio a um carregamento de
mangas que seguiria para os Países Baixos (Holanda).

A descoberta dos 951 tabletes da droga se deu em decorrência de uma análise de situações suspeitas naquele terminal portuário onde a fiscalização vem sendo intensificada nos últimos meses.

Esta foi a 3ª apreensão de cocaína no Porto de Natal no ano de 2019. O total já apreendido ultrapassa 4,4 toneladas. As investigações prosseguirão visando identificar os donos da carga ilícita.

Além das ações de polícia judiciária, a Polícia Federal está reforçando suas demandas de incremento na segurança do porto, nas reuniões da Comissão Estadual de Segurança Pública nos Portos, Terminais e Vias Navegáveis – Cesportos/RN.



Esquema tinha núcleos empresarial e administrativo

Devido à complexidade da forma como os envolvidos cometeram os crimes, o MPRN sistematizou as condutas atribuídas a cada um dos investigados. A Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público de Caicó desvendou a existência de “clara corrupção e fraude no processo de contratação de caçambas, por intermédio da Secretaria de Infraestrutura e Serviços Urbanos de Caicó”. A investigação aponta que, inicialmente, Clélio José de Sena Filho atuou de forma isolada para corromper Abdon Maynard. Posteriormente, houve a atuação de um núcleo empresarial integrado por Luiz Guilherme Salzano Leite, que ostenta a posição de controlador da empresa Viacon; e outras cinco pessoas, todas investigadas pelo MPRN.

Na Secretaria de Infraestrutura e Serviços Urbanos de Caicó, foi detectada a corrupção de agente público, que passou a ser denominada como núcleo administrativo. Esse núcleo promoveu a fraude do procedimento licitatório de contratação de serviços envolvendo o fornecimento de caçambas para Caicó; o compartilhamento de informações sigilosas ou restritas com particular; e o direcionamento da contratação em favor da empresa Viacon. O núcleo administrativo era composto unicamente por Abdon Augusto Maynard Júnior.

Para o MPRN, os investigados são membros de uma “complexa e bem estruturada organização criminosa, cujos líderes são empresários (núcleo empresarial) responsáveis por um grupo de empresas que, agindo em típica atividade de cartel, acertando e superfaturando preços, e pagando vantagens econômicas indevidas (propina) a funcionários públicos (núcleo administrativo), lograram contratar indevidamente com o Poder Público Municipal, às custas de licitações indevidamente dispensadas e/ou fraudadas”.

As investigações apontam que “a contratação da empresa Viacon Construções e Montagens Ltda para realizar o serviço de coleta de lixo na cidade de Caicó, pelo período emergencial de 3 meses, está repleta de ilicitudes, que precisam ser apuradas mais a fundo, com a finalidade de averiguar o tamanho real do prejuízo aos cofres públicos, bem como o grau de participação e culpabilidade de cada um dos agentes envolvidos, sejam eles agentes públicos ou particulares”.



MPRN deflagra operação para investigar fraudes na coleta de lixo em Caicó; ex-secretário e empresários são presos

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) deflagrou nesta terça-feira (14) a operação Máfia Capital. A ação apura fraudes na contratação de veículos, maquinário e pessoal para coleta de lixo na cidade de Caicó com o cometimento dos crimes de organização criminosa, fraude a licitações, peculato e corrupção ativa e passiva. Além do RN, a operação cumpriu mandados de prisão e de busca e apreensão nos Estados de São Paulo e Pernambuco. Um ex-secretário de Infraestrutura e Serviços Urbanos de Caicó e dois empresários foram presos. Para esclarecer a ação, será realizada uma entrevista coletiva de imprensa às 10h, na sede das Promotorias de Justiça de Caicó, localizada na Rua Advogado Dr. Manoel Dias, nº 99, Cidade Judiciária, bairro Maynard.

A operação Máfia Capital é desdobramento de três outras operações do MPRN: a Cidade Luz, deflagrada pelo MPRN em 2017 para investigar irregularidades no contrato de iluminação pública da Prefeitura de Natal, e as operações Blackout e Tubérculo, realizadas com os objetivos de apurar fraudes no contrato de iluminação pública da Prefeitura de Caicó.

Além das provas obtidas através do material apreendido nessas operações, a Máfia Capital também é embasada em acordos de colaboração premiada firmados com o MPRN e homologados pela Justiça potiguar. Entre as provas, estão extensas conversas entre os investigados em aplicativo de comunicação que apontam para as fraudes. A ação foi batizada com esse nome em referência à operação Mafia Capitale, que desvendou diversos crimes cometidos na prefeitura de Roma, capital da Itália.

Pelo que foi apurado, a fraude na contratação de veículos, maquinário e pessoal para coleta de lixo em Caicó foi encabeçada pelo ex-secretário municipal de Infraestrutura e Serviços Urbanos Abdon Augusto Maynard Júnior. Ele direcionou licitações e contratos, solicitou e recebeu propina por isso. Abdon Maynard foi preso preventivamente nesta terça-feira. Além dele, também foram presos dois empresários. Clélio José de Sena Filho, segundo o que já foi levantado, pagou propina a Abdon Maynard para tentar vencer um contrato emergencial para a prestação de serviço de coleta de lixo, embora não tenha fechado contrato. A negociação entre os dois visava fraudar licitações, gerar recursos ilícitos e desviar dinheiro público. Clélio Sena Filho foi preso preventivamente na cidade de Mossoró.

O outro empresário preso é Luiz Guilherme Salzano Leite, um dos sócios da empresa Viacon Construções e Montagens Ltda, com sede no Recife. A Viacon foi a vencedora do contrato emergencial para coleta de lixo em Caicó e, ainda de acordo com o que já foi investigado, pagava propina por cada nota fiscal emitida pela Secretaria de Infraestrutura e Serviços Urbanos de Caicó, que tinha à frente Abdon Maynard. Para o MPRN, Luiz Salzano se associou à organização criminosa para dilapidar o patrimônio público e se enriquecer ilicitamente. Contra ele, foi decretada prisão temporária de 5 dias.

A operação Máfia Capital foi deflagrada com o apoio da Polícia Militar potiguar e do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) dos Ministérios Públicos de São Paulo e de Pernambuco. Ao todo, 15 promotores de Justiça, 16 servidores do MPRN e 60 policiais militares cumpriram os mandados de prisão e de busca e apreensão nas cidades de Caicó, Mossoró, Recife, Jaboatão dos Guararapes e São Paulo.



Empresário preso em Mossoró já responde por crimes de estelionato

Policiais do BPChoque abriram portão no apartamento de Abdon Maynard

Um dos presos na Operação Farra Capital, deflagrada pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte, nesta terça-feira (14), foi Clélio José de Sena Filho, residente no Bairro Nova Betânia em Mossoró/RN.

Em Caicó, foi preso, o ex-secretário de infraestrutura da gestão do prefeito Batata, Abdon Maynard.

As duas prisões são preventivas.

Uma terceira prisão aconteceu no estado de pernambuco.



MPRN deflagra operação para investigar fraudes na coleta de lixo em Caicó; ex-secretário e empresários são presos

Policiais do BP Choque na frente do apartamento de Abdon Maynard em Caicó – (Foto: Sidney Silva)

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) deflagrou nesta terça-feira (14) a operação Máfia Capital. A ação apura fraudes na contratação de veículos, maquinário e pessoal para coleta de lixo na cidade de Caicó com o cometimento dos crimes de organização criminosa, fraude a licitações, peculato e corrupção ativa e passiva. Além do RN, a operação cumpre mandados de prisão e de busca e apreensão nos Estados de São Paulo e Pernambuco. Um ex-secretário municipal de Caicó e dois empresários foram presos.

A operação Máfia Capital é desdobramento de três outras operações do MPRN: a Cidade Luz, deflagrada pelo MPRN em 2017 para investigar irregularidades no contrato de iluminação pública da Prefeitura de Natal, e as operações Blackout e Tubérculo, realizadas com os objetivos de apurar fraudes no contrato de iluminação pública da Prefeitura de Caicó.

A operação Máfia Capital foi deflagrada com o apoio da Polícia Militar potiguar e do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) dos Ministérios Públicos do Rio Grande do Norte, de São Paulo e de Pernambuco. Promotores de Justiça e policiais militares cumprem os mandados de prisão e de busca e apreensão nas cidades de Caicó, Mossoró, Recife, Jaboatão dos Guararapes e São Paulo.



Em Jucurutu, homem é baleado dentro de casa e morre

Valtair foi baleado dentro de casa

A Polícia Militar da cidade de Jucurutu/RN, registrou no início da noite desta segunda-feira (13), um homicídio. O ex-presidiário, identificado por Valtair Paulino Nery, foi morto com disparos de de arma de fogo dentro de sua casa, localizada no centro da cidade.

A irmã da vítima, identificada como Gerlania, também foi atingida pelos tiros.

A informação é que Valtair que também era conhecido como Coelho, caiu no chão dentro da casa e os homens fugiram. Eles chegaram e saíram em uma caminhonete.

As vítimas ainda foram socorridas, mas, Valtair, não resistiu aos ferimentos, enquanto sua irmã é levada para Natal.

A Polícia está em diligência na região na tentativa de prender os atiradores.

Valtair esteve envolvido em crimes.



Pesquisa desenvolvida no ITEP ajudará no combate ao tráfico de cocaína no RN

Uma pesquisa que está sendo desenvolvida no Núcleo de Laboratório Central de Perícias Forenses, do Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP-RN), poderá ser uma grande aliada no combate ao tráfico de drogas no estado. De autoria da perita criminal Karine Coradini e do estagiário em Biomedicina da UFRN, Daniel Almeida, o estudo busca identificar adulterantes presentes na cocaína apreendida no Rio Grande do Norte, caracterizando padrões encontrados nos entorpecentes que fornecerão informações às autoridades policiais na investigação da rota do tráfico.

Segundo a perita criminal do ITEP-RN, o conteúdo das drogas comercializadas ilegalmente é muito diversificado. “A cocaína não é comercializada nem traficada na forma pura (100% cocaína). A ela são adicionadas substâncias adulterantes ou diluentes, que diminuem a concentração de cocaína, tais como cafeína, lidocaína, bicarbonato de sódio, entre outros”, explicou Karine.

Adulterantes são definidos como aditivos que promovem uma potencialização dos efeitos, aumento do volume ou aumento da toxicidade da droga. Já os diluentes são materiais inativos adicionados que reduzem o efeito desejado ou o custo financeiro de produção.

Conexões químicas podem ser estabelecidas e materiais de diferentes apreensões alocados em grupos de características similares. Além disso, associações podem ser estabelecidas entre usuários e fornecedores, um padrão de distribuição de drogas pode ser identificado, e as diferentes rotas usadas pelo tráfico de drogas e as fontes de produção, incluindo a origem geográfica, podem se tornar claras”, enfatizou Karine.

A análise está sendo feita em amostras apreendidas no período de janeiro a julho deste ano no RN. O trabalho científico será utilizado na conclusão do Curso de Biomedicina da UFRN e inscrito em periódicos científicos para publicação.  “O tráfico de drogas possui um caráter internacional, logo, a realização de intercâmbio de dados entre as autoridades responsáveis em nível nacional, regional e internacional torna-se fundamental”, concluiu a perita do ITEP-RN.



Governo cria a Secretaria de Administração Penitenciária e extingui a Sejuc

A governadora, Fátima Bezerra, realizou reforma administrativa extinguindo e criando secretarias. Uma das pastas novas era esperada há vários anos. É a Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Seap). Já a Secretaria de Estado da Justiça e da Cidadania (Sejuc), foi extinta.

Saindo da Sejuc, ainda foi criada a Secretaria de Estado das Mulheres, da Juventude, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos (Semjidh).

Por meio de decretos, o governo vai distribuir os cargos, equipamentos e acervos entre as pastas extintas, criadas e alteradas.



Corpo de Lúcio Mauro é velado no Theatro Municipal em cerimônia aberta ao público

Lúcio Mauro estava internado há 4 meses e morreu no sábado – (Foto: Acervo TV Globo)

O velório de Lúcio Mauro será aberto ao público no Theatro Municipal a partir das 9h desta segunda-feira (13). A cerimônia está prevista para ir até as 14h.

O ator e humorista morreu no fim da noite de sábado (11) aos 92 anos. Ele estava internado na Clínica São Vicente, na Zona Sul do Rio, por problemas respiratórios.

No domingo (12), Lúcio Mauro Filho, em entrevista à GloboNews, exaltou a vida e o legado artístico do pai.

“É um legado muito lindo, muito especial de um homem que viveu uma vida plena. A gente comenta muito que não teve tragédia aqui, um homem de 92 anos que trabalhou até os 89, até ter o AVC. Então, que vida maravilhosa foi essa!”, relembrou.

*G1



Guerrero marca contra o Cruzeiro e faz seu 100º gol no futebol brasileiro

Guerreiro marca e Internacional vence o Cruzeiro – (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)

Paolo Guerrero tem se consolidado, cada vez mais, como um dos grandes atacantes do futebol brasileiro. No último domingo, diante do Cruzeiro, o peruano atingiu a marca de 100 gols desde que passou a defender clubes do país. E o gol veio em boa hora para o atacante do Internacional. O jogo estava empatado por 1 a 1 no Beira Rio quando Guerrero entrou em ação e desempatou para o Colorado. Ao fim da partida, o Inter venceu por 3 a 1.

– Me sinto muito honrado em buscar essa marca dentro de um futebol tão competitivo como o Brasileiro e estar numa lista tão seleta de atletas. É um motivo de bastante orgulho, poder ter jogado em grandes clubes e contribuir com gols e deixar meu nome marcado na história – destacou o peruano.



Palmeiras derrota o Atlético-MG e assume a liderança do Brasileirão

Palmeiras vence o Atlético e avança à liderança do campeonato – (FOTO: Thomás Santos/AGIF)

O Brasileirão tem um novo-velho líder! Na tarde deste domingo (12), o Palmeiras foi até o Independência, em Belo Horizonte, foi efetivo contra o Atlético-MG e bateu o rival por 2 a 0, com dois gols de Bruno Henrique. O triunfo pela quarta rodada coloca o Verdão na liderança da Série A. Mais que isso, o time do técnico Felipão não perde na competição desde o dia 25 de julho de 2018.

O Palmeiras segue invicto na Série A do Brasileirão, somando agora em primeiro 10 pontos. Já o Galo perdeu o posto que era justamente seu, e agora figura em terceiro, com nove somados. Confira a classificação geral do Brasileirão!

O Galo teve maior posse de bola na primeira etapa, mas quem foi para o intervalo vencendo foi o Porco. Após algumas chances claras de gols para os dois lados, Bruno Henrique soltou uma bomba de fora da área e abriu o placar ao 43 minutos da primeira etapa. O Verdão largou em vantagem diante do Atlético-MG.

Mal o árbitro apitou o início da etapa final, o Palmeiras ampliou. E de novo com Bruno Henrique. Aos sete minutos, o volante alviverde tabelou com Dudu, recebeu a bola na entrada da área e bateu colocado, no cantinho do goleiro Victor, sem chances. Daí em diante, o jogo se transformou em um verdadeiro ataque contra defesa. O Atlético-MG tentava a todo custo fazer o gol, enquanto o Palmeiras se fechava la atrás. No fim, mais um triunfo paulista e liderança alviverde no Brasileirão.

*Veja o resultados dos demais jogos da roda e a classificação aqui

*CBF



STJ nega pedido para suspender contingenciamento de verbas de universidades federais

O ministro Sérgio Kukina, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), negou um pedido de liminar apresentado por entidades estudantis que pretendiam suspender o contingenciamento de verbas destinadas às universidades federais.

O mandado de segurança foi impetrado pela União Nacional dos Estudantes (UNE), pela Associação Nacional dos Pós-Graduandos (ANPG) e pela União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes).

Em sua decisão, o ministro Kukina afirmou que as entidades apresentaram argumentos baseados em entrevistas concedidas pelo ministro da Educação, “restando enfraquecida, nessa medida, a plausibilidade das alegações veiculadas na exordial, tornando-se inócua, em consequência, a perquirição em torno da alegada presença do perigo da demora”.

Segundo o ministro, em análise preliminar com base nas informações prestadas, não é possível constatar os três requisitos.



MPF investiga construção de barragens no Rio Piancó

Bacia do Piancó-Piranhas-Assu

O procurador da República, Djalma Gusmão Feitosa, determinou a abertura de inquérito civil para investigar a construção de barragens ao longo do Rio Piancó, no Sertão paraibano.

De acordo com informações da Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa), a competência sobre o rio é uma atribuição dos órgãos federais.

Segundo o procurador, o inquérito tem como objetivo a coleta de elementos destinados a auxiliar a formação de convicção ministerial acerca dos fatos. Ele também determinou a comunicação à 5ª Câmara de Coordenação e Revisão, conforme resolução do Conselho Superior do Ministério Público Federal (MPF).