PM apreende notas falsas e prende cinco pessoas envolvidas em crimes em Parnamirim e São Paulo do Potengi

Notas falsas foram apreendidas pela Polícia
Notas falsas foram apreendidas pela Polícia

Policiais Militares do 3º Batalhão de Polícia Militar (3ºBPM) prenderam na manhã deste sábado (20) quatro pessoas por tráfico de drogas, na Rua da Vitória, no Bairro Jockey Club, em Parnamirim. A PM patrulhava a área e ao suspeitar do quarteto realizou a abordagem e encontrou cinco tablets de entorpecentes. Duas mulheres e dois homens foram conduzidos à Delegacia de Plantão da Polícia Civil para os procedimentos legais.

Em São Paulo do Potengi, policiais militares da cidade prenderam também nesta manhã um motorista com cerca de R$ 9 mil em notas falsas. A PM contou a colaboração da população que percebendo a fraude passou as características do veículo e do suspeito aos agentes de segurança. O veículo foi encontrado e o condutor conduzido à sede da Polícia Federal, em Natal, onde ficou à disposição da justiça.




Sem categoria

PM apreende notas falsas e prende cinco pessoas envolvidas em crimes em Parnamirim e São Paulo do Potengi

Notas falsas foram apreendidas pela Polícia
Notas falsas foram apreendidas pela Polícia

Policiais Militares do 3º Batalhão de Polícia Militar (3ºBPM) prenderam na manhã deste sábado (20) quatro pessoas por tráfico de drogas, na Rua da Vitória, no Bairro Jockey Club, em Parnamirim. A PM patrulhava a área e ao suspeitar do quarteto realizou a abordagem e encontrou cinco tablets de entorpecentes. Duas mulheres e dois homens foram conduzidos à Delegacia de Plantão da Polícia Civil para os procedimentos legais.

Em São Paulo do Potengi, policiais militares da cidade prenderam também nesta manhã um motorista com cerca de R$ 9 mil em notas falsas. A PM contou a colaboração da população que percebendo a fraude passou as características do veículo e do suspeito aos agentes de segurança. O veículo foi encontrado e o condutor conduzido à sede da Polícia Federal, em Natal, onde ficou à disposição da justiça.




Sem categoria

Operação Motociclo apreende 50 veículos e notifica 64 condutores na zona Norte de Natal neste sábado

Ação da Polícia tirou de circulação dezenas de motos irregulares em Natal
Ação da Polícia tirou de circulação dezenas de motos irregulares em Natal

O Comando de Polícia Rodoviária Estadual (CPRE) realizou, neste sábado, na zona Norte de Natal, mais uma ação da Operação Motociclo. Ao todo 94 motocicletas foram abordadas, o que resultou na apreensão de cinquenta delas por apresentarem irregularidades diversas.

Além disso, quatro carteiras de habilitação foram apreendidas e 64 Autos de Infrações de Trânsito foram aplicados. A maioria das notificações foram por falta de habilitação.

A operação desenvolvida pela Polícia Militar, por meio do CPRE, visa aumentar a segurança da população, coibindo crimes e prevenindo infrações de trânsito.




Sem categoria

Polícias Militar e Civil realizam ação integrada seguindo o plano das Áreas Integradas de Segurança

Ação integrada realizada neste final de semana
Ação integrada realizada neste final de semana

Com o objetivo de reduzir ainda mais os índices de criminalidade em Natal, a Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) está pondo em prática, desde o mês passado, o projeto que estabeleceu a criação de 17 Áreas Integradas de Segurança Pública (AISPs). Apesar do pouco tempo em execução, já é possível ver nas operações da capital o que de fato motivou a elaboração do projeto, que é a integração das forças policiais.

Exemplo dessa integração pode ser vista neste sábado (20) pela população que trafegou na Área Integrada de Segurança número 11, que incluiu, entre outros, o Conjunto Cidade Satélite e o Bairro Planalto, na zona Oeste de Natal. Policiais do 9º Batalhão de Polícia Militar (9º BPM) e da 11º Delegacia de Polícia Civil participaram de uma ação conjunta que saturou as principais entradas da AISP 11, abordando 129 veículos, sendo 67 motos e motonetas, 52 automóveis e 10 ônibus, além de 180 pessoas com a intenção de prender criminosos e apreender armas e entorpecentes.

Inicialmente, as Áreas de Segurança estão distribuídas entre Natal e Parnamirim, sendo 15 na capital e duas no município vizinho. As AISPs definem as áreas geográficas onde as Polícias Militar e Civil devem atuar de forma conjunta. O objetivo das operações é permitir a convergência dos trabalhos das duas polícias na prevenção e investigação dos casos de violência e oferecer à administração um diagnóstico específico de cada área para as intervenções necessárias à melhoria da qualidade de vida.




Sem categoria

Polícias Militar e Civil realizam ação integrada seguindo o plano das Áreas Integradas de Segurança

Ação integrada realizada neste final de semana
Ação integrada realizada neste final de semana

Com o objetivo de reduzir ainda mais os índices de criminalidade em Natal, a Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) está pondo em prática, desde o mês passado, o projeto que estabeleceu a criação de 17 Áreas Integradas de Segurança Pública (AISPs). Apesar do pouco tempo em execução, já é possível ver nas operações da capital o que de fato motivou a elaboração do projeto, que é a integração das forças policiais.

Exemplo dessa integração pode ser vista neste sábado (20) pela população que trafegou na Área Integrada de Segurança número 11, que incluiu, entre outros, o Conjunto Cidade Satélite e o Bairro Planalto, na zona Oeste de Natal. Policiais do 9º Batalhão de Polícia Militar (9º BPM) e da 11º Delegacia de Polícia Civil participaram de uma ação conjunta que saturou as principais entradas da AISP 11, abordando 129 veículos, sendo 67 motos e motonetas, 52 automóveis e 10 ônibus, além de 180 pessoas com a intenção de prender criminosos e apreender armas e entorpecentes.

Inicialmente, as Áreas de Segurança estão distribuídas entre Natal e Parnamirim, sendo 15 na capital e duas no município vizinho. As AISPs definem as áreas geográficas onde as Polícias Militar e Civil devem atuar de forma conjunta. O objetivo das operações é permitir a convergência dos trabalhos das duas polícias na prevenção e investigação dos casos de violência e oferecer à administração um diagnóstico específico de cada área para as intervenções necessárias à melhoria da qualidade de vida.




Sem categoria

Jardim de Piranhas: Polícia prende homem tentando instalar chupa-cabra em agência bancária

Rodrigo Batista foi preso e ainda tentou subornar os policiais
Rodrigo Batista foi preso e ainda tentou subornar os policiais

Em Jardim de Piranhas, os Policiais Militares da 5ª Companhia Independente da Polícia Militar (5ª CIPM), desconfiaram de um homem identificado por Rodrigo Batista Porto, paranaense, ao vê-lo em atitude suspeita dentro de uma agência bancária da cidade.

Ao ser abordado, os policiais encontraram com ele, em um dos caixas eletrônicos da agência, um artefato conhecido como “chupa-cabra”.

Após ser dada voz de prisão, os policiais acusaram Rodrigo Batista de tentar subornar a equipe. Diante dos fatos, o suspeito foi conduzido à delegacia com o agravante de tentativa de suborno.




Sem categoria

PM recupera veículo tomado de assalto

Carro roubado é recuperado pela Polícia
Carro roubado é recuperado pela Polícia

Policiais Militares do 3º Batalhão da Polícia Militar (3ºBPM) encontraram na manhã deste sábado (20) um veículo tipo Gol de placas HFR 1277 dentro de um matagal na zona Rural da cidade de Macaíba.

A PM informou que esse veículo teria sido tomado de assalto na noite de sexta-feira (19) por uma dupla armada na cidade de Parnamirim.

Após os policiais serem acionados, entraram em diligências e encontraram o carro no distrito de Japecanga. A PM continua nas buscas para identificar os suspeitos.




Sem categoria

Açude Mundo Novo completa 100 anos e receberá como presente o seu desassoreamento

Construído em 1915, o Açude Mundo Novo completa, portanto, 100 anos em 2015. Sua capacidade original era de 3.600.000 m3, constituindo uma bacia hidráulica de 100 ha, tem como afluentes principais o Rio Mundo Novo e o Riacho do Fechado.

Durante esse período passou por situações difíceis chegando a secar algumas vezes, principalmente a partir dos anos 80. “Antes disso, nunca vimos esse açude seco. Pelo contrário, ele sangrava todos os anos”, afirma José Aprígio, morador do Mundo Novo desde que nasceu.

O período atual, portanto, constitui o mais difícil de sua existência, pois secou em dezembro de 2014 e não captou nenhum volume d`água em 2015, pelo menos até o dia 20 de junho.

O programa de Vazanteiros hoje é o seu marco principal. Mais de 200 pequenos agricultores fazem plantios diversos numa parceria com a Emparn, produzindo principalmente forragens para os seus rebanhos. Essa parceria já resultou inclusive num trabalho de mestrado da UFRN, no Curso de Geografia.

“Enfim, no seu centenário, o Açude Mundo novo receberá um grande benefício. O seu desassoreamento a ser iniciado em breve. Os procedimentos jurídicos estão em fase final, já temos em mãos boa parte das licenças dos órgão competentes, e esperamos ainda em junho começarmos os trabalhos.Estamos conversando também com todos os vazanteiros, a quem não devemos e nem pretendemos prejudicar. Na verdade, os benefícios do desassoreamento são claros, e podemos citar dentre eles, a recuperação do volume original, a limpeza após anos de sedimentação de materiais diversos e a melhoria da área de plantio”, disse José Augusto – Diretor Regional da EMPARN/Caicó.




Sem categoria

Piloto pousa helicóptero no Centro de cidade da PB para que empresário “falasse com amigos”

Helicóptero pousou no Centro da cidade
Helicóptero pousou no Centro da cidade

O piloto de um helicóptero, que realiza passeios turísticos durante o São João realizado na cidade de Patos, no Sertão paraibano, a 317 km de João Pessoa, realizou um pouso em meio a fios de eletricidade, casas e a população em uma rua do Centro da cidade de São José de Caiana, também no Sertão. O caso aconteceu na tarde deste sábado (20) e o piloto teria parado a aeronave para que um empresário, que teria locado o passeio, pudesse falar com amigos.

De acordo com testemunhas, o helicóptero desceu no meio da rua e passou cerca de cinco minutos esperando o empresário falar com amigos e retornar. Durante todo o tempo, a aeronave teria permanecido com os motores ligados.

O Portal Correio tentou contato com a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para saber sobre possíveis irregularidades cometidas pelo piloto da aeronave ao pousar com o helicóptero, sem justificativa, próximo a fios de alta tensão e casas.

A Anac informou que o Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea), com sede no Rio de Janeiro, seria o órgão responsável sobre algum posicionamento. O Portal Correio tentou contato com o Decea, mas até às 17h20 deste sábado não teve as ligações atendidas.




Sem categoria

Piloto pousa helicóptero no Centro de cidade da PB para que empresário “falasse com amigos”

Helicóptero pousou no Centro da cidade
Helicóptero pousou no Centro da cidade

O piloto de um helicóptero, que realiza passeios turísticos durante o São João realizado na cidade de Patos, no Sertão paraibano, a 317 km de João Pessoa, realizou um pouso em meio a fios de eletricidade, casas e a população em uma rua do Centro da cidade de São José de Caiana, também no Sertão. O caso aconteceu na tarde deste sábado (20) e o piloto teria parado a aeronave para que um empresário, que teria locado o passeio, pudesse falar com amigos.

De acordo com testemunhas, o helicóptero desceu no meio da rua e passou cerca de cinco minutos esperando o empresário falar com amigos e retornar. Durante todo o tempo, a aeronave teria permanecido com os motores ligados.

O Portal Correio tentou contato com a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para saber sobre possíveis irregularidades cometidas pelo piloto da aeronave ao pousar com o helicóptero, sem justificativa, próximo a fios de alta tensão e casas.

A Anac informou que o Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea), com sede no Rio de Janeiro, seria o órgão responsável sobre algum posicionamento. O Portal Correio tentou contato com o Decea, mas até às 17h20 deste sábado não teve as ligações atendidas.




Sem categoria

MPRN ajuíza ação para conclusão de adutora para Carnaúba dos Dantas; obra está 90% concluída

O Ministério Público Estadual, por intermédio da Promotoria de Justiça da Comarca de Acari, ajuizou ação civil pública para que o Judiciário determine ao Estado a conclusão das obras de implantação do sistema adutor Parelhas/Carnaúba dos Dantas, que se encontra com mais de 90% de sua execução concluída. A ação também pede a instalação de 23 poços que a Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh) apontou como medida emergencial para o abastecimento hídrico de Carnaúba dos Dantas, cujo serviço de abastecimento foi desativado pela CAERN desde janeiro de 2013 e o açude que abastece a cidade secou há mais de dois anos.

O sistema adutor Parelhas/Carnaúba dos Dantas foi planejado para captar água no Açude Boqueirão, situado no município de Parelhas, para abastecer a zona urbana de Carnaúba dos Dantas e os povoados de Juazeiro e Santo Antônio da Cobra, levando água tratada para aproximadamente nove mil pessoas, mas o contrato com a empresa A.Gaspar S/A no valor de R$ 9.921,429,26 foi aditivado várias vezes e quase cinco anos do início das obras se encontra com percentual físico executado de 93,83%.

É alarmante e espantoso que a conclusão de uma adutora com mais de 90%de sua execução concluída venha sendo indefinidamente adiada, obra esta considerada pelo próprio Estado como a única solução de médio e longo prazo para a segurança hídricade Carnaúba dos Dantas”, traz trecho da ação.

Como as obras foram paralisadas várias vezes sob a justificativa de ausência de recursos financeiros, o representante ministerial solicitou também como medida liminar o bloqueio de verba pública para o sequestro do valor de R$ 1.050.000,00 a fim de viabilizar a conclusão das obras do sistema adutor.

Na tutela antecipada solicitada ao Judiciário, o MPRN pede a estipulação do prazo de 90 dias para que o Estado deixe completamente apto ao funcionamento o sistema adutor Parelhas-Carnaúba dos Dantas. E seja determinado o prazo de 60 dias para instalar 23 poços de abastecimento de água em Carmaúba dos Dantas, inclusive com dessalinizadores, se necessário.

Na ação, o MPRN pede, em caso de descumprimento de eventual decisão, multas pessoais ao Governador do Estado, ao Secretário Estadual de Planejamento, e da Semarh, bem como ao Presidente da CAERN.

A ação ajuizada pela Promotoria de Justiça de Acari foi uma atuação com suporte do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça do Meio Ambiente (CAOP-MA) através do projeto institucional Asa Branca – Convivendo com a seca.




Sem categoria

Câmara aprova amarra ao TSE e exigência de impressão do voto

Plenário da Câmara dos Deputados durante votações de artigos relativos à reforma política
Plenário da Câmara dos Deputados durante votações de artigos relativos à reforma política – (FOTO: Pedro Ladeira – Folhapress)

Da Folha de São Paulo – Ao praticamente concluir a primeira fase de votação de seu pacote de reforma política, o plenário da Câmara dos Deputados aprovou a exigência da impressão do voto de cada brasileiro e uma regra que retira poder do Tribunal Superior Eleitoral.

Também reduziu o número de assinaturas para a apresentação de projetos de iniciativa popular e incluiu na Constituição as regras de fidelidade partidária.

Assim como todas as outras propostas de reforma política aprovadas até agora pela Câmara, há a necessidade de uma segunda votação pelos deputados –emendas à Constituição passam por esse rito– e da análise do Senado.

Uma proposta do PR também foi aprovada permitindo a policiais militares e bombeiros retornarem à ativa caso não sejam eleitos ou após o término do mandato. Hoje eles vão para a reserva.

As medidas desta foram aprovadas em bloco. Houve 433 votos a favor e 7 contra.

Os deputados rejeitaram o estabelecimento de uma cota para mulheres no Congresso, Assembleias Legislativas e Câmaras. Seriam reservadas até 15% das cadeiras para elas. Eram necessários um mínimo de 308 votos favoráveis, mas faltaram 15.

PAPEL

A proposta de impressão do voto foi apresentada pelo deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ). Caso entre em vigor, a medida levará à necessidade de impressão de cerca de 220 milhões de comprovantes, levando-se em conta o comparecimento nas eleições de 2014 e os dois turnos de votação.

O texto prevê que, assegurado o sigilo, o voto impresso será depositado de forma automática em uma urna lacrada após a confirmação do eleitor de que o papel corresponde às suas escolhas na urna eletrônica.

Os defensores da medida argumentam que a impressão do voto é necessária para dar mais segurança a eventual conferência do resultado das eleições. O Tribunal Superior Eleitoral afirma que o sistema de votação por meio das urnas eletrônicas é 100% seguro, mas essa confiabilidade é frequentemente questionada por políticos e nas redes sociais.

Já a medida que restringe o raio de ação do TSE prevê uma “quarentena” de um ano e meio para que resoluções editadas pelo tribunal tenham efeito prático. Há no mundo político uma antiga reclamação de que o tribunal muda regras em cima das eleições mediante novas interpretações da lei.

PROJETO POPULAR

O plenário também aprovou a redução do número de assinaturas necessárias para apresentação de um projeto de iniciativa popular. Hoje é preciso cerca de 1,4 milhão. Com o projeto, passa-se para 500 mil.

Na prática, porém, o Congresso não confere a validade das assinaturas apresentadas sob o argumento de não ter condições materiais de fazer isso. Nesses casos, deputados assumem a iniciativa e assinam os projetos.

O último ponto aprovado foi a inclusão na Constituição das regras de fidelidade partidária. Detentores de mandatos eletivos só podem mudar de sigla caso haja comprovação de que foram discriminados pessoalmente ou de que o partido se desviou de seu programa original. Há permissão para a o troca-troca também em caso de criação, fusão ou incorporação de partidos.

Além da cota para mulheres, a Câmara rejeitou outras propostas, entre elas a possibilidade das federações partidárias e a criação da figura do senador vitalício. Esses cargos seriam ocupados automaticamente para ex-presidentes da República, que teriam direito a fala, mas não a voto. Nesse ponto, a rejeição se deu por 404 votos a zero.




Sem categoria

Câmara aprova amarra ao TSE e exigência de impressão do voto

Plenário da Câmara dos Deputados durante votações de artigos relativos à reforma política
Plenário da Câmara dos Deputados durante votações de artigos relativos à reforma política – (FOTO: Pedro Ladeira – Folhapress)

Da Folha de São Paulo – Ao praticamente concluir a primeira fase de votação de seu pacote de reforma política, o plenário da Câmara dos Deputados aprovou a exigência da impressão do voto de cada brasileiro e uma regra que retira poder do Tribunal Superior Eleitoral.

Também reduziu o número de assinaturas para a apresentação de projetos de iniciativa popular e incluiu na Constituição as regras de fidelidade partidária.

Assim como todas as outras propostas de reforma política aprovadas até agora pela Câmara, há a necessidade de uma segunda votação pelos deputados –emendas à Constituição passam por esse rito– e da análise do Senado.

Uma proposta do PR também foi aprovada permitindo a policiais militares e bombeiros retornarem à ativa caso não sejam eleitos ou após o término do mandato. Hoje eles vão para a reserva.

As medidas desta foram aprovadas em bloco. Houve 433 votos a favor e 7 contra.

Os deputados rejeitaram o estabelecimento de uma cota para mulheres no Congresso, Assembleias Legislativas e Câmaras. Seriam reservadas até 15% das cadeiras para elas. Eram necessários um mínimo de 308 votos favoráveis, mas faltaram 15.

PAPEL

A proposta de impressão do voto foi apresentada pelo deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ). Caso entre em vigor, a medida levará à necessidade de impressão de cerca de 220 milhões de comprovantes, levando-se em conta o comparecimento nas eleições de 2014 e os dois turnos de votação.

O texto prevê que, assegurado o sigilo, o voto impresso será depositado de forma automática em uma urna lacrada após a confirmação do eleitor de que o papel corresponde às suas escolhas na urna eletrônica.

Os defensores da medida argumentam que a impressão do voto é necessária para dar mais segurança a eventual conferência do resultado das eleições. O Tribunal Superior Eleitoral afirma que o sistema de votação por meio das urnas eletrônicas é 100% seguro, mas essa confiabilidade é frequentemente questionada por políticos e nas redes sociais.

Já a medida que restringe o raio de ação do TSE prevê uma “quarentena” de um ano e meio para que resoluções editadas pelo tribunal tenham efeito prático. Há no mundo político uma antiga reclamação de que o tribunal muda regras em cima das eleições mediante novas interpretações da lei.

PROJETO POPULAR

O plenário também aprovou a redução do número de assinaturas necessárias para apresentação de um projeto de iniciativa popular. Hoje é preciso cerca de 1,4 milhão. Com o projeto, passa-se para 500 mil.

Na prática, porém, o Congresso não confere a validade das assinaturas apresentadas sob o argumento de não ter condições materiais de fazer isso. Nesses casos, deputados assumem a iniciativa e assinam os projetos.

O último ponto aprovado foi a inclusão na Constituição das regras de fidelidade partidária. Detentores de mandatos eletivos só podem mudar de sigla caso haja comprovação de que foram discriminados pessoalmente ou de que o partido se desviou de seu programa original. Há permissão para a o troca-troca também em caso de criação, fusão ou incorporação de partidos.

Além da cota para mulheres, a Câmara rejeitou outras propostas, entre elas a possibilidade das federações partidárias e a criação da figura do senador vitalício. Esses cargos seriam ocupados automaticamente para ex-presidentes da República, que teriam direito a fala, mas não a voto. Nesse ponto, a rejeição se deu por 404 votos a zero.




Sem categoria

Morreu em São Paulo, o “Velho Chico da Casa Copacabana” de Caicó

Velho Chico morreu em São Paulo
Velho Chico morreu em São Paulo

Anna Jailma – Faleceu ontem em São Paulo, o Sr. Francisco das Chagas de Figueiredo, conhecido como “Velho Chico da Casa Copacabana”.

O Sr. Francisco, “Velho Chico”, era natural de São João do Sabugi, RN, nascido no dia 01 de maio de 1930, de forma que faleceu, de causas naturais, aos 85 anos de idade. Ele foi comerciante, proprietário da Casa Copacabana em Caicó, até que passou a residir com sua esposa e filhos, no Estado de São Paulo.

No ano passado, Velho Chico esteve nos festejos do padroeiro em São João do Sabugi, RN, com familiares; estando na ocasião hospedado em Caicó, onde permanecia com sólidas amizades e esteve revendo amigos.

Lúcido, relembrava com alegria das vivência de outrora, ao reencontrar as amizades construídas ao longo da vida.




Sem categoria

Veja como ficam regras do seguro desemprego e abono salarial após vetos de Dilma

Dois pontos importantes das novas regras para o abono salarial e o seguro desemprego foram vetados pela presidente Dilma Rousseff e agora esses vetos devem passar pela análise do Senado Federal. Veja abaixo.

Dilma não concordou com o item que diz respeito à carência de três meses para o pagamento do abono salarial (Pis/Pasep) e portanto volta a valer os 30 dias.

Já o outro veto diz respeito às regras do seguro desemprego para o trabalhador rural que volta a ter os mesmos direitos que o trabalhador urbano.

No entanto, as outras mudanças aprovadas pelo Congresso Nacional estão valendo como a exigência de 12 meses de trabalho nos 18 meses anteriores à decisão para o primeiro acesso ao seguro desemprego.

Antes das mudanças, o trabalhador demitido poderia solicitar o seguro se tivesse pelo menos seis meses trabalhados nos últimos 36 meses, com carência de 16 meses entre os dois pedidos.

Agora, o trabalhador precisa ter trabalhado pelo menos nove meses nos últimos 12 meses anteriores à demissão.

A presidente sancionou as novas regras que fazem parte da A Lei 13.134/2015 em ato publicado no Diário Oficial da União da quarta-feira (17).

As mudanças fazem parte do ajuste fiscal do governo para diminuir os gastos públicos e ajudar na retomada do crescimento da economia.




Sem categoria