PF prende foragido da Justiça quando saía de um velório em Natal

Cabaré foi preso pela Polícia Federal
“Cabaré” foi preso pela Polícia Federal

A Polícia Federal prendeu no final da manhã desta quinta-feira (11), na Zona Norte da capital, Ítalo Barros da Trindade, 30 anos, vulgo “Cabaré”, condenado por tráfico de drogas e foragido da Penitenciária Agrícola Mário Negócio, de Mossoró/RN. Ele tinha um mandado de prisão em aberto expedido pela Vara de Execuções daquela cidade e foi flagrado desta vez, na saída de um velório, usando documentos falsos.

O foragido vinha sendo investigado como suspeito de participar desde dezembro de 2014, de vários assaltos contra agências dos Correios de cidades do interior do estado, dentre elas, João Câmara, Ceará-Mirim, São Gonçalo do Amarante, Taipu e Japi.

Hoje, por volta das 11h, uma equipe da Delegacia de Repressão a Crimes Contra o Patrimônio e ao tráfico de Armas-DELEPAT, da PF, diligenciava em um conjunto residencial em busca do paradeiro do fugitivo quando recebeu a informação de que ele estaria no velório de um detento, seu comparsa, assassinado no dia de ontem, na Penitenciária Estadual de Alcaçuz. Ao chegarem nas proximidades do local indicado, na Av. João Medeiros Filho, o procurado foi visto no momento em que deixava a funenária e adentrava em um ônibus. O homem recebeu voz de prisão e não reagiu.

Ele foi levado para autuação na sede da PF, onde permanecerá sob custódia, aguardando o pronunciamento da Justiça.

Nos últimos 20 dias, este já é o 3º assaltante de agências dos Correios foragido da Justiça preso pela PF no Rio grande do Norte.

Cabaré foi preso pela PF quando saía de um velório
“Cabaré” foi preso pela PF quando saía de um velório