Presos ‘querem regalias de volta’, diz secretário da Segurança sobre ataques no Ceará

A onda de ataques no Ceará que incendiou dezenas de veículos e prédios públicos no estado é motivada pelo corte de “regalias” no sistema prisional, de acordo com o secretário da Segurança Pública, André Costa. Desde janeiro deste ano, foram cortadas as visitas íntimas e foram retiradas as tomadas elétricas nas celas, que eram usadas pelos internos para carregar celulares que entravam de forma clandestina nas unidades prisionais.

Tem um pequeno grupo de detentos trabalhando pra um grupo criminoso especificamente e eles estão revoltados, querem o retorno das regalias, querem que volte a ter visita íntima, querem que volte a ter tomada em cela. Por conta disso, eles estão incomodados, estão fazendo essas ações nas ruas, pessoas ligadas a eles. Essa é a motivação“, disse o secretário.

*Do G1/CE – Veja a matéria completa aqui