PRF/RN anuncia dados estatísticos da Operação Semana Santa 2015

Durante a operação foram fiscalizados mais de quatro mil veículos nas BRs NATAL/RN, 07/04/2015 – A Polícia Rodoviária Federal encerrou a meia noite de ontem (06/04), a Operação Semana Santa 2015.

Durante o período da páscoa a fiscalização nas rodovias federais, contou com um reforço de cerca de 30/% no efetivo. Policiais que trabalham administrativamente e policiais que trabalham em outras unidades operacionais foram remanejados para compor equipes extras, contribuindo para esse reforço. Antes mesmo do início da operação, a PRF realizou várias ações voltadas para o  combate das infrações que geralmente resultam em acidentes graves, como dirigir sob efeito de bebida alcoólica, exceder na velocidade e fazer ultrapassagens proibidas.

Foram realizadas também ações educativas, com o objetivo de sensibilizar as pessoas que fossem viajar durante o feriadão, para os cuidados com a segurança do trânsito.

Acidente grave marcou o início da Operação

Eram cinco horas da manhã de sexta-feira(3), quando a PRF recebeu a informação pelo telefone 191 que ocorrera um acidente no km 38,7 da BR-427, em Acari. Tão violenta fora acolisão frontal que um dos carros estava em chamas. O atendimento, que mobilizou PRF, Samu e o Centro Integrado de Operações Aéreas (CEIOPAER) do Governo do Estado, resultou em cinco mortes e três feridos graves. Além do alto número de vítimas e do incêndio no veículo uma coisa chamou a atenção: um dos carros, o Fiat Palio, estava com sete pessoas, quando seu limite é de cinco.

Apesar de todo esforço na fiscalização e na divulgação de campanhas mostrando as condutas perigosas no trânsito, muitos ainda arriscam suas vidas e as dos outros em atitudes como não usar o cinto de segurança, dirigir acima do limite de velocidade, ultrapassar em locais proibidos, dirigir após ingerir bebida alcoólica e não usar capacete. Concluída a operação, pode-se destacar o empenho da PRF na fiscalização e, em especial, no combate ao uso de bebidas alcoólicas.

Durante o feriado, 1.459 motoristas foram submetidos ao teste de bafômetro, isso corresponde a uma média diária de 292 condutores que passaram pelo etilômetro. Desse total, 45 condutores foram autuados e 15 presos. No item fiscalização, 4.207 veículos e 4.401 pessoas foram fiscalizadas. Desse total, 1.017 pessoas foram autuados por infrações de trânsito e 42 pessoas foram detidas por crimes diversos. No item excesso de velocidade, 4.686 veículos foram fotografados pelos radares móveis instalados pela PRF, ao longo das rodovias.

A seguir, tabelas e gráficos com os dados de acidentes com números absolutos e relativos a frota de veículos em circulação. Os resultados mostram em números absolutos, aumento no número de acidentes e de mortes, porém uma redução significativa no número de feridos e de acidentes graves. Já em números relativos, o índice de acidentes nas BRs no Rio Grande do Norte passou de 0,59 em 2014, para 0,61 por milhão de veículos, em 2015.

Estatísticas
Estatísticas

O índice de feridos caiu de 0,41 para 0,24. Já o índice de mortes passou de 0,05 em 2014, para 0,08 em 2015. Para os acidentes graves o índice caiu de 0,12 em 2014, para 0,05 em 2015. Isso significa que nas estradas federais potiguares ocorreu um acidente grave a cada 20 milhões de veículos. Índice melhor que o do ano passado, em que ocorreu aproximadamente um acidente a cada 8 milhões.

Estatísticas 2015 e 2014
Estatísticas 2015 e 2014