Professores da UERN aderem à paralisação estadual para o dia 2 de junho

Greve na Uern é aprovada - (FOTO: Josemário Alve/MH)
Greve na Uern é aprovada para o dia 2 – (FOTO: Josemário Alve/MH)

Do Mossoró Hoje – Os professores da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) decidiram aderir à paralisação geral do funcionalismo público estadual para o dia 2 de junho – proposta pelo Fórum dos Servidores Estaduais. Reunião foi realizada na manhã desta sexta-feira (20).

A informação foi confirmada pela assessoria da Associação dos Docentes da UERN (ADUERN).

De acordo com a Aduern, a manifestação é pelos atrasos de salário por parte do Governo do Estado.

Também no dia 2 de junho, o Fórum dos Servidores realizará marcha pelas ruas de Natal.

Na pauta, estão inclusos o pagamento do salário em dia, garantia do 13º salário, rejeição do PL 257 e da proposta de implementação do regime de previdência complementar do Estado, informou a Aduern.

O Fórum dos Servidores Potiguares é composto pelo Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Indireta do RN (Sinai), Sindicato dos Policiais Civis do Rio Grande do Norte (Sinpol RN), Sindicato dos Servidores da Saúde (Sindsaúde RN), Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público da Administração Direta do Estado do Rio Grande do Norte (Sinsp RN) além da ADUERN.