REFLEXÃO: “Afastai os olhos das más ocasiões e logo a alma se volta para Deus”

Desistir?
Desistir?

Desisto! Talvez esta tenha sido a palavra que você mais disse nos últimos dias. Vamos lembrar o significado dela. Desistir: Renunciar; abster-se; abandonar; deixar; não continuar; não insistir; não querer continuar; abster-se; renegar; renunciar. Será que é isso mesmo que você deseja? Apesar de tantas tentativas fracassadas, desistir não é o melhor caminho.

A Palavra de Deus é muito clara quando diz que não seria fácil a nossa caminhada. Além disso, ela também nos orienta a termos bom ânimo, pois Jesus venceu, e, conosco não será diferente. Também venceremos em todas as situações. No entanto, para que alcancemos a vitória, é necessário crer.

Temos um grande problema em querer que as coisas aconteçam do nosso jeito e no nosso tempo. Mas, graças a Deus, Ele intervém nas situações, nos livra do mal e nos mostra que ainda não chegou o seu “Kairós” (tempo de Deus) para nós. Pode ser que você esteja enfrentando o término de um namoro, de um emprego, de uma sociedade. E, para completar, Deus respondeu o que você não queria ouvir.

Porém, lembre-se que, mesmo diante de tantas situações desfavoráveis, Deus não o abandonou. Até mesmo, por que isso não faz parte do Seu Ser, e sim do nosso. Constantemente o abandonamos, mas Ele jamais fará o mesmo conosco.

Saiba que Deus está lhe dando o livramento, e com essa circunstância deseja mostrar que Ele é o seu Deus. Ele cuida de você e como um Pai perfeito deseja lhe ver feliz.

Nada é impossível para Deus. Ele foi capaz de nos presentear com a salvação, de entregar seu único Filho. Acaso seria muito para Ele lhe conduzir à felicidade na vida sentimental? Certamente não.

Chegou o momento de parar de falar que “desistiu”. Chegou o momento de olhar para Jesus e acreditar em suas promessas.