Roberto Germano aguarda advogados para recorrer de decisão que o deixou inelegível

Roberto Germano aguarda que advogados decidam a hora de recorrer - (Foto: Sidney Silva)
Roberto Germano aguarda que advogados decidam a hora de recorrer – (Foto: Sidney Silva)

O prefeito de Caicó, Roberto Germano (PMDB), concedeu entrevista a Sidney Silva, no programa Comando Geral da Rádio Caicó, nesta quinta-feira (14), e, o assunto em pauta foi, política. Inicialmente, falando sobre a pré-candidatura “natural” por ser o atual gestor da cidade, Germano disse que no seu partido (PMDB) esse é uma decisão irreversível, ou seja, ele é o candidato da legenda e as discussões que existem são para a escolha do vice da chapa.

Sobre o recurso da decisão na Câmara de Vereadores, confirmando o parecer do Tribunal de Contas do Estado, de rejeição suas contas, o que o deixou inelegível, Roberto Germano, disse que ainda aguarda para recorrer. “Nossos advogados estão analisando o melhor momento para fazer isso, ou seja, para recorrer. Quem sabe a hora certa de fazer isso são os advogados, eles estão cuidando disso. Nós temos convicção que vamos poder disputar a eleição“, afirma. Ele também disse que a rejeição a sessão na Câmara que rejeitou suas contas, foi um momento político. “Na época nós tínhamos 9 vereadores e precisávamos conquistar mais um voto e, o vereador Alex, votou ao nosso favor, analisando como advogado, como ele é, mas, infelizmente nós tivemos um vereador (Leleu) que era da sabe e saiu para votar contra a gente, mas, ali tudo foi uma questão meramente política“, disse.

Atualmente Roberto Germano tem na Câmara Municipal, três vereadores filiados ao PMDB (Rubens Germano, Lobão Filho e Djalma Mota) e que portanto, lhe dão sustentação. Os outros apoios que completam a sua base na casa legislativa são de Odair Alves, do PSDC, Mancuso, do PHS. Ele afirma que Zé Maria, mesmo sendo do PR, apoia a gestão na votação dos projetos. Com isso, são seis os parlamentares. Recentemente, o vereador Robson Araújo “Batata”, que dava apoio à Germano, deixou o partido e filiou-se ao PSDB. Além disso, anunciou a pré-candidatura a prefeito. “Até hoje, mesmo nesta situação, Batata, não trouxe dificuldade para a nossa gestão. O vereador Alex, do PT do B, sempre tem votado a favor dos projetos, porque, ele sabe que são os melhores para Caicó, ele não é da base, mas, tem votado a favor dos projetos“, disse.