Roma faz história, elimina Barça e avança para semi da Liga dos Campeões

Time da Roma bate o Barcelona na Liga

Reviravolta inacreditável na decisão da vaga para a semifinal da Liga dos Campeões. Jogando no Estádio Olímpico, a Roma reviveu o espírito dos gladiadores dos tempos do império e conquistou um resultado que muitos julgavam impossível. Depois de perder a partida de ida por quatro a um para o Barcelona, a equipe da capital italiana bateu o time catalão por três a zero. Com gols de Dzeko, De Rossi e Manolas, a Roma voltará a disputar as semifinais após 34 anos.

Na Inglaterra, gols brasileiros e festa na terra dos Beatles. O Manchester City precisava vencer o Liverpool por quatro gols de diferença para avançar, e começou dando esperanças ao torcedor. Logo no primeiro minuto de partida, após jogada de Sterling, o atacante brasileiro Gabriel Jesus abriu o placar para os donos da casa. O time de Manchester foi para o intervalo com a vantagem, mas aos dez da etapa final, o egípcio Salah deixou tudo igual. Aos 36, foi a vez do brasileiro Roberto Firmino aparecer e decretar a vitória e a classificação do Liverpool. Placar final, Manchester City um, Liverpool dois. Os Reds disputaram a semi da Liga pela última vez em 2005, quando foram campeões.

E nesta quarta-feira (11), outros dois semifinalistas da Liga dos Campeões serão conhecidos. Depois de um verdadeiro espetáculo em Turim, o Real Madrid, do craque Cristiano Ronaldo, vai fazer o jogo de volta contra a Juventus. Os merengues atropelaram a Juventus na partida de ida por três a zero, com gol antológico de Cristiano Ronaldo de bicicleta. Com o resultado, o time italiano precisará fazer quatro gols de diferença no atual bicampeão do torneio. Em caso de um três a zero para a Juve, a decisão da vaga será decidida nos pênaltis.

Na Alemanha, o Bayern de Munique recebe o Sevilla, também em vantagem no duelo. A equipe alemã venceu a primeira partida por dois a um. Com isso, o time espanhol terá que bater a equipe bávara por dois gols de vantagem.

As duas partidas começam no mesmo horário, às quinze para as quatro da tarde, horário de Brasília.