Senado aprova flexibilização das regras de PRÉ-CAMPANHA

O plenário do Senado aprovou nesta quinta, 16, uma proposta que flexibiliza as regras durante a pré-campanha. A ideia é que o futuro candidato possa dizer que vai disputar as eleições sem ser punido pela Justiça Eleitoral.

Segundo a Agência Senado, o texto, que seguirá para a Câmara, prevê que não é propaganda antecipada a divulgação de posicionamento pessoal sobre questões políticas, seja em entrevistas a veículos de imprensa ou nas redes sociais.

O projeto, entretanto, proíbe que uma pessoa possa usar um veículo para manifestar que é candidato, por exemplo, um jornalista que tenha um programa de TV. O relator da comissão especial da reforma política do Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), exemplificou que um profissional de comunicação não pode ter um programa e dizer todo dia que é candidato. “Isso desequilibra”, disse.