Seridó: MPF e MPRN recomendam que PM fiscalize quem descumpre decretos, inclusive com prisão, se for necessário

O comandante do 6º Batalhão da Polícia Militar, tenente-coronel, Walmary Costa, recebeu duas recomendações do Ministério Público Federal e do Ministério Público Estadual, para adotar providências imediatas de fiscalização ostensiva no MUNICÍPIO DE CAICÓ, quanto ao descumprimento dos decretos governamentais que visam o isolamento social por causa do Coronavírus, utilizando-se dos meios legais que lhes são inerentes, incluindo medidas de natureza criminal, como a prisão em flagrante por quem resistir ou desobedecer à ordem dirigida pela autoridade militar.

Os lugares que precisam estar fechados são:

Shopping centers, restaurantes, lanchonetes, praças de alimentação, praças de food trucks, bares e similares, boates, casas de eventos e de recepções, salões de festas, inclusive privados, clubes sociais, parques públicos, parques de diversões, academias de ginástica e estabelecimentos similares, centros de artesanato, museus, bibliotecas, teatros, cinemas e demais equipamentos culturais, igrejas, templos religiosos, lojas maçônicas e estabelecimentos similares.

As recomendações chegam, principalmente, depois que um carro do Corpo de Bombeiros, na manhã deste sábado (21), teve que fazer o uso de serviço de som pedindo às pessoas que evitassem aglomerações e voltassem para suas casas.

As fiscalizações ostensivas ocorrerão ainda nos MUNICÍPIOS DE ACARI, CAICÓ, CARNAÚBA DOS DANTAS, CERRO CORÁ, CRUZETA, CURRAIS NOVOS, EQUADOR, FLORÂNIA, IPUEIRA, JARDIM DE PIRANHAS, JARDIM DO SERIDÓ, JUCURUTU, LAGOA NOVA, OURO BRANCO, PARELHAS, SANTANA DO SERIDÓ, SÃO FERNANDO, SÃO JOÃO DO SABUGI, SÃO JOSÉ DO SERIDÓ, SÃO VICENTE, SERRA NEGRA DO NORTE, TENENTE LAURENTINO CRUZ E TIMBAÚBA DOS BATISTAS.

Confira as recomendações: