Passagem das Traíras tomou 3 metros e 30 centímetros de água até esta quinta (12)

Barragem Passagem das Traíras nesta quinta-feira (12)

A barragem Passagem das Traíras, em São José do Seridó, tomou até às 07hs da manhã desta quinta-feira (12), 3 metros e 30 centímetros de água. O reservatório estava completamente seco, mas, as chuvas registradas nas últimas semanas, encheram os rios e mudaram a situação.

O Barragem tem capacidade de armazenar, 49 milhões de metros cúbicos.



Barragem Passagem das Traíras toma 2 metros e 50 centímetros de água

Barragem Passagem das Traíras recebe água com chuvas dos últimos dias – (Foto: Sidney Silva)

A Barragem Passagem das Traíras, em São José do Seridó, voltou a receber água em sua bacia. A informação confirmada pelo Blog com moradores da localidade, dá conta que até às 10hs da manhã desta terça-feira (10), o reservatório tomou 2 metros e 50 centímetros de água. Ele estava completamente seco.

As chuvas registradas nos últimos dias na região de Jardim do Seridó e Parelhas, possibilitaram a retomada d’água da Passagem das Traíras.

O açude quando está cheio acumula, 49 milhões, 702 mil e 393 metros cúbicos de água.



Água de barragem invade BR 230 e impede trânsito entre Juazeirinho e Junco na Paraíba

Uma barragem se rompeu no estado da Paraíba com as chuvas dos últimos dias e a água atingiu a BR 230 entre as cidades de Juazeirinho e Junco. A informação que chega dá conta que a barragem danificada é em Taperoá.

Os motoristas que trafegavam no referido trecho não tiveram como passar. Pelo menos um carro teria se envolvido em acidente, aquaplanando ao tentar passar e saiu da pista.

Um popular gravou o vídeo que exibimos em nosso site, confira:




Cerca de 80% da água consumida nas cidades vira esgoto

No Brasil, as políticas e os investimentos em recursos hídricos precisam ser eficientes para defender as bacias, preservar as florestas, os rios, os mananciais e, ainda, promover o tratamento do esgoto em todas a cidades.

De acordo com dados da Agência Nacional de Águas, a ANA, as cidades têm os maiores desafios na defesa dos recursos hídricos. As áreas urbanas brasileiras consumiram cerca de 500 mil litros de água por segundo, dos mais de dois milhões de litros retirados na natureza para o abastecimento do país em 2016.

Quanto ao descarte da água, após o uso pela população, os números da ANA revelam um cenário preocupante: dos 500 mil litros de água retirados da natureza por segundo ao ano, quase 400 mil são descartados como esgoto nas cidades. Destes, menos de 40% são coletados e tratados.



Dia Mundial da Água: Caicó realiza exposição na Ilha de Sant’Ana

Caicó realiza exposição na Ilha de Sant’Ana

O Dia Mundial da Água é comemorado nesta quinta-feira (22). Em Caicó, acontece uma exposição sobre conscientização e sensibilização do uso responsável da água, na Ilha de Sant’Ana, hoje e amanhã (23), das 7 às 17 horas.

A exposição está sendo organizada pelo Município de Caicó, através das secretarias municipais do Meio Ambiente, de Educação, Trabalho, Habitação e Assistência Social e Defesa Civil Municipal com o apoio da CAERN, UFRN, IFRN e outras instituições parceiras.

Continue lendo



Açude Coremas está com mais de 26 milhões de metros cúbicos d’água

Reservatório aumentou aumentou 68 cm de lâmina d’água nas últimas 24 horas

De acordo com informações da AESA, o atual volume do Açude Estevam Marinho, na cidade de Coremas é de 26 milhões, 027 mil e 276 metros cúbicos d’água, o equivalente a 4,40% de sua capacidade total, que é de 591 milhões, 646 mil, 222 m3. O reservatório aumentou 68 cm de lamina d’água nas últimas 24 horas, significando quase 03 milhões de metros cúbicos. Os dados são desta terça (20).

Com relação a Mãe D’água, também localizado e Coremas, o atual volume é de 15 milhões, 399 mil e 930 metros cúbicos, o que corresponde a 2,71% de sua capacidade total, que é de 567 milhões, 999 mil, 13 metros cúbicos. Os dois açudes estão na Bacia Hidrográfica do Piancó-Piranhas-Açu.



Itans tomou 227 mil metros cúbicos de água

Itans tomou bom volume de água com chuvas de fevereiro – (Foto: Sidney Silva)

O açude Itans de Caicó, tomou com as chuvas registradas nos últimos dias, 71 centímetros, o equivalente a 227 mil metros cúbicos de água.

O reservatório estava completamente seco, mas, choveu no período do carnaval em comunidades rurais e no leito do rio.

O Itans tem capacidade de armazenar 81 milhões, 750 mil metros cúbicos de água.

As informações foram confirmadas ao Blog Sidney Silva pela direção do Departamento Nacional Obras Contras as Secas – Dnocs de Caicó.




Abastecimento de água de Messias Targino e Patu entra em colapso

As cidades de Messias Targino e Patu estão em colapso de abastecimento. A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) está operando a adutora Médio Oeste com 50% de sua capacidade e a redução no volume da barragem Armando Ribeiro não permite mais o atendimento destas duas cidades, que são as mais distantes em relação ao ponto de captação de água.

Com a redução de volume na barragem, a cidade de Patu atualmente estava recebendo água em apenas 10% dos imóveis usuários da Caern. Já na cidade de Messias Targino, apenas 50% dos imóveis vinham sendo atendidos. Os demais imóveis não estavam sendo cobrados porque a Caern não enviava o produto. A partir da entrada em colapso, a conta será suspensa para todos os imóveis.

Após seis anos de seca, a área anteriormente alagada onde ficava a captação da Médio Oeste teve que avançar seis quilômetros dentro da barragem, para chegar ao local em que é possível operacionalizar a captação do produto. A retirada de água está sendo feita direta no canal do Rio Piranhas-Açu. As cidades de Paraú, Triunfo Potiguar, Janduís e Campo Grande vão continuar sendo abastecidas no sistema de rodízio pela captação atual. O abastecimento de Messias Targino e Patu será entregue à Defesa Civil e às prefeituras.

Ao todo 16 cidades potiguares estão em colapso de abastecimento, são elas: Almino Afonso; Francisco Dantas; João Dias; José da Penha; Luiz Gomes; Marcelino Vieira; Paraná; Pilões;  Rafael Fernandes; São Miguel; Tenente Ananias; Patu; Messias Targino; Cruzeta; Jardim do Seridó e Santana do Matos. Outras 82 cidades estão sendo abastecidas por meio de rodízio.



Saiba os setores que primeiro recebem água em Caicó

A adutora de Serra de Santana foi religada nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira (08), com isso o abastecimento da cidade de Caicó e das demais cidades volta ao normal em sistema de rodízio.

Inicialmente, a água faz o percurso da adutora até a sede da Caern em Caicó, enche os reservatórios da companhia e depois segue para as residências.

A previsão é que o centro, acampamento, parte do barra nova e zona norte recebam a água primeiro, isso porque na semana passada quando aconteceu a parada, haja vista ser esses os bairros que iriam começar no rodízio.

Ouça entrevista com Rosi Gurgel, explicando detalhes:



Santana do Matos entra na lista de cidades em colapso de água

Santana do Matos entra em colapso da água e Caern suspende cobrança de faturas

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) informa que a partir desta sexta-feira (24) será suspenso o abastecimento de água na cidade de Santana do Matos, na região de Serra de Santana.

O motivo é o baixo volume do Açude da Pedra, de onde é captada a água. O faturamento da cidade será suspenso enquanto perdurar a situação, a partir desta data, e o abastecimento passará a ser realizado através das Defesas Civis estadual e municipal. Atualmente, 18 cidades no Rio Grande do Norte se encontram na situação de colapso.



Caern continua testes para melhorar tratamento de água em São Fernando

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) estendeu para até a próxima sexta-feira (27) o período de testes no novo processo de tratamento de água do açude público da cidade de São Fernando/RN. A operação que está sendo realizada esta semana tem por objetivo de melhorar a qualidade da água.

Por se tratar de um teste, a Caern reforça a orientação à população de que não utilize a água que chegará até sexta para beber ou cozinhar, ou seja, não fazer a ingestão do líquido. A água pode ser utilizada normalmente para outros fins.

A Companhia ressalta ainda que durante o próximo final de semana a população de São Fernando receberá água oriunda da Barragem Armando Ribeiro Gonçalves através da adutora emergencial.



Continua impasse quanto ao uso da água do açude de São Fernando; Novo laudo atesta boa qualidade

Água do açude de São Fernando é boa para o consumo aponta novo laudo

Continua o impasse sobre o uso da água do açude público para o abastecimento da população da cidade de São Fernando/RN. Na semana passada, a Caern, proibiu que a água fosse distribuída porque foi identificada (em estudo técnico) a existência de ferro em percentual quatro vezes maior do que o tolerável pela Organização Mundial de Saúde.

Nesta segunda-feira (16), no final da manhã, o Prefeito Polion Maia (PR), quando estava concedendo entrevista sobre o assunto na Rádio Caicó, recebeu informação de um laudo feito por um laboratório contratado pelo Governo do Estado, que a água era de boa qualidade.

Também nesta segunda-feira, o prefeito Polion Maia, encaminhou para a direção regional da Caern, o laudo, acompanhado de ofício, solicitando a volta do abastecimento da cidade com a água do açude. O gestor ainda não foi atendido pelo órgão distribuidor de água. Nesta terça-feira (17), a direção regional estará em Natal com uma nova amostra da água para uma nova análise. Somente depois desse resultado é que poderá tomar uma decisão, ou seja, se libera ou não o uso.

Por outro lado, a gestão municipal de São Fernando, ingressou com uma ação judicial (liminar) para que a Justiça determine (diante do laudo atestando a boa qualidade da água) o seu uso pela população sendo distribuída pela Caern.



Quantidade de ferro na água do açude de São Fernando é quatro vezes maior que o tolerável

Água do açude de São Fernando tem quantidade 4 vezes mais que o tolerável

A água do açude público da cidade de São Fernando/RN, está com a quantidade de ferro quatro vezes maior do que o que é tolerado pela Organização Mundial de Saúde. A descoberta foi da Caern depois de estudo técnico realizado por determinação judicial a pedido da Prefeitura Municipal.

Depois que foi feita a identificação do problema, a direção regional da Caern, decidiu não mais liberar água para o consumo por parte da população. O abastecimento se dará pela adutora emergencial de Caicó que capta água na Barragem Engenheiro Armando Ribeiro Gonçalves.

A previsão é que aos sábados e domingos, seja encaminhada água pra São Fernando. A população receberá 20 metros cúbicos por hora pela adutora.

O prefeito Polion Maia, disse que vai tentar uma terceira opinião de análise da água do açude público local. “O Governo do Estado contratou um laboratório e fez uma análise em maio deste ano de 2017. A Caern fez a análise agora e nós vamos entrar com uma ação judicial para o Governo do Estado faça uma outra análise através de outra empresa ou órgão“, disse.