Governo nomeia presidente e dois diretores da ANA e exonera dirigente da EPE

O governo federal nomeou Christianne Dias Ferreira para exercer o cargo de diretora-presidente da Agência Nacional de Águas (ANA), vinculada ao Ministério de Meio Ambiente. Ainda foram nomeados nesta terça-feira, 16, para a agência mais dois diretores, Marcelo Cruz e Oscar de Moraes Cordeiro Netto. Eles substituem três dos cinco diretores da agência cujos mandatos se encerraram agora em janeiro.

Os integrantes da diretoria da ANA são sabatinados pelo Senado Federal e nomeados pelo presidente da República. O mandato de cada um é de quatro anos. As três nomeações estão publicadas no Diário Oficial da União (DOU).

Continue lendo



Projeto Palmas para Santana desenvolvido no Seridó vence prêmio da ANA

O Projeto Palmas para Santana, desenvolvido pela prefeitura de Santana do Seridó (RN) foi um dos vencedores do Troféu Prêmio ANA 2017, de iniciativa da Agência Nacional de Águas. O projeto da cidade seridoense tem como  objetivo, estimular o reuso da água de esgoto para irrigação. Ele venceu na categoria governo.

Ao todo, nove projetos foram contemplados no evento realizado na noite desta quarta-feira (6). O prêmio contempla iniciativas que contribuam para a gestão e o uso sustentável dos recursos hídricos no Brasil, promovendo o combate à poluição e ao desperdício de água. Os vencedores ganharam uma viagem para participar do 8º Fórum Mundial da Água, de 18 e 23 de março de 2018, em Brasília.

Continue lendo




Com apoio do CBH PPA, ANA realiza diálogo político sobre recursos hídricos em Caicó

Comitiva internacional com membros da ANA e o CBH PPA

A Agencia Nacional de Água – ANA realiza nestes dias 13 e 14 de Fevereiro, na Bacia do Piancó-Piranhas-Açu, um Diálogo Político sobre Recursos Hídricos. O evento acontece em Caicó e integra a 2ª Missão da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico). Essa ação tem o apoio organizacional do CBH PPA e vai reunir membros do Comitê, usuários, sociedade civil e o Governo.

O objetivo desta 2ª missão e discutir o estabelecimento e governança de instrumentos econômicos para a política de recursos hídrico. Este diálogo com os membros do Comitê busca entender como seria a cobrança pelo uso da água na bacia hidrográfica do rio Piancó-Piranhas-Açu.

A programação é a seguinte:

Dia 13:

  1. a) Às 7hs entrevista a imprensa;
  2. b) Às 8hs visitas técnicas de campo no açude Itans e na captação da CAERN em Jardins de Piranhas;
  3. c) À tarde diálogo com agentes de governo no SENAI.

Dia 14:

Diálogo com usuários e sociedade civil.