Em jogo sofrido, Messi marca e ressuscita a Argentina na Copa

Como todos os jogos da Argentina na Copa do Mundo da Rússia até agora, foi sofrido. A seleção liderada por Messi passou sufoco, fez o gol da vitória no final da partida e venceu a Nigéria por 2 x 1. O camisa 10 não jogou bem, mas fez o necessário. Começou a partida assumindo a responsabilidade e marcou o primeiro gol do jogo. Ficou sumido durante todo o segundo tempo, mas assumiu a responsabilidade no final, quando o time precisava segurar a vitória.

A Argentina avança às oitavas jogando com vontade, raça, mas sem organização tática, além de uma defesa insegura. Enfrentam a França no próximo sábado (30) e este será o maior desafio até agora para as duas seleções. A França, que passou de fase sem sustos, não foi testada até agora.

*Da Agência Brasil



Messi perde pênalti; Argentina e Islândia empatam

Messi perdeu pênalti e Argentina empata – (Foto: Site da Fifa)

A Argentina dependia de Messi e saiu frustrada. O camisa 10 teve a chance da vitória em uma cobrança de pênalti, mas a bola parou nas mãos do goleiro Halldorsson. Do outro lado, a Islândia estreava em Copas do Mundo com um empate heroico contra os vice-campeões do mundo.

Foi um primeiro tempo com mais volume de jogo da Argentina e muita posse de bola, 74%. Mas a Islândia não abria mão de jogar. Com marcação firme, mas leal, os vikings assustaram em várias oportunidades, diante de uma defesa argentina afobada.

Continue lendo