Polícia prende grupo que estava com armas e munições em Parelhas

Armas apreendidas na cidade de Parelhas

Policiais militares da cidade de Parelhas prenderam em flagrante Josenildo de Souza Filho, 22 anos; Francilene Araujo Silva, 36 anos; Bruno Silva da Costa, 18 anos e apreenderam um adolescente de 17 anos que estavam portando dois revólveres e munições, na manhã deste sábado (04).

O grupo foi conduzido para a Delegacia de Plantão de Polícia Civil de Caicó onde foi autuado em flagrante pelas práticas criminosas.

Josenildo e Francilene foram autuados pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo de uso permitido, corrupção de menor e associação criminosa. Bruno foi autuado pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo de uso permitido, disparo de arma de fogo, corrupção de menor e associação criminosa. O adolescente foi autuado pelos atos infracionais análogos aos crimes de posse ou porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e associação criminosa”, detalhou o delegado da DP de Caicó, Bruno Ferraz.

Polícia Civil apreendeu quase 90 munições e realizou prisões em Caraúbas

Armas apreendidas em Caraúbas pela Polícia

A Delegacia de Polícia Civil de Caraúbas apreendeu 87 munições, prendeu um foragido da Justiça e um suspeito pela prática de receptação nesta quarta (22) e quinta-feira (23). Na quarta-feira (22), uma ação coordenada pela DP de Caraúbas, com apoio da Delegacia Especializada em Furtos (Defur) e da Divisão de Polícia do Oeste (DIVPOE) apreendeu 87 munições e três armas de fogo, sendo uma pistola calibre 380, um revólver 38 e uma espingarda calibre 36.

As armas e munições estavam escondidas na casa de Paulo Rodolfo de Brito, 22 anos, que foi preso em flagrante pelo crime de posse ilegal de arma de fogo. O material apreendido foi encontrado em uma residência localizada no Sítio Riacho da Serra, na zona rural de Janduís.

Outras prisões – José Roberto Pereira, conhecido como “Roberto Pereira”, que estava foragido da Justiça, foi recapturado, na tarde de quinta-feira (23). Ele é acusado do latrocínio de “Luizinho irmão de João Maria”, crime ocorrido em 2011, perto da rodoviária de Caraúbas. De acordo com o delegado de Caraúbas, Erick Gomes, o crime também foi praticado Rita de Cássia Santos da Silva. Na tarde de quinta-feira (23), também foi preso em flagrante Fabrício Max Azevedo de Sousa Farias, 21 anos, pelo crime de receptação por manter um desmanche de motocicletas. Ele foi preso com motores desmontados.