Família enterra corpo de garoto de 8 anos assassinado em Natal

Corpo do garoto José Carlos foi sepultado – (FOTO: José Aldenir)

O corpo do menino José Carlos da Silva, de 8 anos, será sepultado no final da manhã desta quinta-feira 19 no Cemitério Público de Igapó, na Zona Norte de Natal. O garoto foi encontrado morto no dia 12 deste mês, enterrado em um terreno baldio no bairro Pajuçara, também na Zona Norte da cidade.

Parentes, amigos da família e a polícia passaram mais de 20 dias procurando pela criança, que foi vista pela última vez com vida no dia 21 de outubro.

Foi através de um exame de DNA que se identificou o corpo, que já estava em avançado estado de decomposição. Segundo o Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep), as pernas do menino estavam amarradas, mas ainda não foi possível atestar a causa da morte.

Marcos Brandão, diretor-geral do Itep, disse ao Agora RN que após a confirmação da identificação do cadáver, o corpo do menino foi liberado para a família fazer o sepultamento, mas a causa da morte foi dada como indeterminada. “Os ossos não tinham nenhuma fratura que indicasse uma causa provável. Assim, somente a investigação policial vai dar esta resposta”, afirmou.

A Polícia Civil ainda investiga o que aconteceu com José Carlos, e trata o caso como homicídio.

Agora RN


Ex-jogador do Cap é assassinado em Jardim de Piranhas nesta segunda

Lázaro de Tiquinha foi assassinado em Jardim de Piranhas

A Polícia registrou na cidade de Jardim de Piranhas/RN, por volta das 20hs, um homicídio. A vítima foi identificada inicialmente, como “Lázaro de Tiquinha”. Ele foi assassinado com cinco disparos de arma de fogo no Bairro São José, nas imediações do prédio da antiga Delegacia de Polícia.

A Polícia Militar foi acionada e realiza diligências para tentar prender os suspeitos do crime. A Polícia Civil e o ITEP, foram acionados. O corpo será removido para Caicó aonde passará pode necropsia.

De acordo com informações apuradas pelo Blog Sidney Silva, Lázaro, chegou a jogar futebol pelo time do Cap, inclusive, a diretoria do clube emitiu nota de pesar lamentando a sua morte e decretou luto por 7 dias.

Atualmente, Lázaro, tinha uma pequena tecelagem aonde trabalhava.