Associação de juristas pede decretação de lockdown nas Regiões Metropolitanas de Natal e Mossoró

Associação pede na Justiça LockDown

A Associação de Juristas Potiguares pela Democracia e Cidadania, ingressou nesta segunda-feira (01) com Ação Civil Pública pedindo que a Justiça decrete lockdown nas regiões metropolitanas de Natal e Mossoró.

A ação foi distribuída para a 6ª Vara da Fazenda Pública de Natal e será julgada pelo juiz Francisco Seráphico.

A Associação pede que seja decretado o lockdown de pelo menos 15 dias e embasa os argumentos em consultas feitas ao Secretário Adjunto de Saúde, Petrônio Spinelli e o cientista Ricardo Valentim, do Comitê Cientifico da UFRN.

Justiça Potiguar


Funcionários do Hospital do Seridó pedem ajuda para criar associação voltada para defesa de seus direitos

Os funcionários do Hospital do Seridó, em movimento encabeçado pelos técnicos de enfermagem Iris de Assis Nogueira e Marinho Xavier da Silva, estão realizando mobilização para constituir associação sem fins lucrativos voltada para a defesa dos seus direitos e que lutará pela organização do próprio Hospital do Seridó.

A Associação dos Prestadores de Serviços do Seridó em Saúde (APRESSE Saúde) terá como pautas iniciais:

1ª) A manutenção dos postos de trabalho dos funcionários do Hospital do Seridó, cujos contratos se encerrarão no próximo dia 31.03.2020;

2ª) A luta pela organização do formato jurídico do Hospital do Seridó, o que não foi definido desde que a sua administração deixou de ser realizada pela extinta Fundação Dr. Carlindo de Souza Dantas;

3ª) A luta por condições dignas de trabalho, já que nem sequer o FGTS dos funcionários vem sendo depositado pelo Município de Caicó; e

4ª) A garantida de que o Hospital do Seridó possa realizar cirurgias eletivas, sem que seja necessário submeter o povo mais simples do Seridó à humilhação de ter que se deslocar até a Capital do Estado para ter acesso a serviços médico-hospitalares de média complexidade.

Além disso, a associação funcionará como entidade terceirizadora de mão-de-obra na área da saúde, o que é raro na região do Seridó na atualidade.

Precisamos arrecadar fundos para custear a constituição da associação e executar as suas metas iniciais. Os funcionários do Hospital do Seridó são pessoas muito humildes e que, na sua grande maioria, não dispõe do valor de R$ 200,00 (duzentos reais) que foi a taxa inicial estabelecida para cada funcionário pagar para custear a formalização da associação e arcar com as despesas das primeiras ações a serem realizadas. Nossa meta é filiar 70 (setenta) pessoas inicialmente, o que equivaleria a R$ 14.000,00 (quatorze mil reais) de despesas a serem realizadas. PRECISAMOS DE AJUDA E TODA DOAÇÃO SERÁ BEM VINDA”, disse Iris.

Não podemos deixar o Hospital do Seridó morrer. Tivemos várias iniciativas de organização da nossa situação jurídica no ano passado por parte do Município de Caicó, chegando até a haver mobilização na Câmara de Vereadores, mas que, por alguma razão, não foram levadas adiante pelo poder público municipal. Não podemos ficar calados, apenas recebendo ordens do Ministério Público de forma aleatória. A proibição das cirurgias eletivas foi um grande erro. A demissão dos funcionários, que está prestes a ocorrer, será outro. Quem já passou por aqui sabe a importância que este hospital tem para a nossa região e para todos nós”, disse Marinho.

Quem quiser fazer doações, basta entrar em contato com Iris (84 99812-8637) ou Marinho (84 99969-5218), ou fazer depósito de qualquer valor com os seguintes dados bancários: Bradesco, agência 1038, conta corrente 2853-3, em favor de Iris de Assis Nogueira (CPF nº 011.675.174-66).


Começam nesta segunda as inscrições para seleção de bolsas de estudo no CDS

Diretoria da Associação dos Ex-Alunos do CDS, coordena a ação

A Associação dos Ex-alunos do CDS lançou no início do mês o edital para a seleção dos seus novos bolsistas para o Colégio Diocesano Seridoense. As inscrições acontecem nessas segunda e terça, 11 e 12 de novembro, na secretaria do Colégio.

Apenas alunos que estão concluindo o 9º ano em escola pública ou como bolsistas em escolas privadas podem participar da seleção. Os inscritos farão uma prova no dia 06 de dezembro e os três melhores desempenhos ganharão bolsas integrais para estudar o Ensino Médio no CDS.

Aplicamos todo o resultado financeiro da Festa dos Ex-alunos do CDS nessa ação social. Mantemos nove bolsistas no ensino médio, com a entrada de três novos comtemplados a cada ano. A Associação faz um investimento médio anual de R$ 65 mil para pagar a mensalidade integral dos bolsistas”, explica Diego Vale, presidente da Associação dos Ex-alunos.

Jovens de qualquer município podem participar da seleção. A inscrição é gratuita.


Associação dos Bombeiros Militares do RN cobra código de ética e regulamento humanizado

Legislações que datam de 1982 – ou até mesmo de 1976 – e que o governo do estado insiste em não atualizar. A queixa é da Associação dos Bombeiros Militares do Rio Grande do Norte, ao revelar promessas feitas pelo governador Robinson Faria ainda no início de sua gestão e que ainda não saíram do discurso.

Estamos falando do nosso Estatuto, do Código de Ética e da Lei de Organização Básica, tão importantes para o nosso avanço, mas que estão sendo absolutamente ignorados“, destacou o cabo Dalchem Viana, presidente da ABM, ao lembrar que o envio destes projetos para a Assembleia Legislativa foram pontos do discurso de posse de Robinson, em janeiro de 2014.

Continue lendo


Associação dos Oficiais da PM emite nota dizendo que participa do movimento de paralisação

A Associação dos Oficiais Militares Estaduais do Rio Grande do Norte, em assembleia geral realizada na tarde desta segunda-feira, (06), na qual compareceram aproximadamente 150 Oficiais, dentre os quais 16 Coronéis, deliberaram que, caso o Governo do Estado não atualize o calendário de pagamento dos militares da ativa, reserva e pensionistas, no próximo dia (13), praticamente todo o policiamento ostensivo será suspenso.

Nós, Oficiais Militares, não iremos autorizar que viaturas em condições precárias e sem documentação obrigatória saiam para o policiamento, como também verificaremos validade de coletes balísticos, munições de todos os calibres e os demais equipamentos de proteção individual dos Policiais e Bombeiros Militares“, destaca a nota.

Estamos cansados de, há décadas, operarmos num sistema em ruínas e, em virtude disso, enterrarmos, precocemente, irmãos de farda. Enfatizamos, também, que, além de termos o pior salário do sistema de segurança pública, ainda temos que tentar sobreviver com dois meses de atrasos nos salários, sem legalmente poder exercer qualquer outra função para complementação de renda“, finalizam.