Cruzeiro empatou em 2 a 2 com o Avaí

Cruzeiro empatou com o Avaí

No outro duelo, Cruzeiro-MG e Avaí-SC fizeram uma partida eletrizante e empataram em 2 a 2. No Mineirão, em Belo Horizonte (MG), o Cruzeiro entrou na partida partindo para cima do Avaí com tudo.

A Raposa chegou três vezes bem, mas não conseguiu marcar. No melhor estilo “quem não faz, leva”, o time mineiro viu o Leão catarinense sair na frente do placar aos 20 minutos. Júnior Dutra cobrou pênalti no mesmo canto do goleiro Fábio, mas a bola entrou mesmo assim. Na etapa final, o ímpeto mineiro continuou. Só que, desta vez, Thiago Neves conseguiu marcar. Na marca dos 13, o meia pegou a sobra na área após cruzamento de Diogo Barbosa, dominou na coxa e bateu firme para deixar tudo igual. Aos 33 minutos, veio a virada. Judivan cobrou pênalti com categoria para deixar o Cruzeiro na frente. Quando o triunfo celeste parecia encaminhado, já no apagar das luzes, aos 47, Júnior Dutra aproveitou cruzamento de Caio César e evitou a derrota catarinense.

O Cruzeiro tem agora 55 pontos e ocupa a quinta colocação. O Avaí tem 36 e está no 19º lugar.



Vasco supera Avaí e alcança quarta vitória no Rio; Veja vídeo do gol

Nenê comemora passe que culminou com gol de Yago Pikahu – (Foto: Paulo Fernandes/Vasco)

CBF – O Vasco fez mais uma vítima em São Januário. Neste sábado (17), a equipe carioca fez o dever de casa, superou o Avaí no Rio de Janeiro e alcançou a quarta vitória em seus domínios no Brasileirão 2017. Em duelo válido pela oitava rodada, o Cruzmaltino venceu o Leão da Ressacada por 1 a 0 e chegou a 12 pontos conquistados. Já a equipe catarinense amargou a segunda derrota consecutiva e segue na lanterna da competição com cinco.

As duas equipes iniciaram a partida sem se expor. Após a queda de energia que interrompeu o jogo aos 13 minutos, o Vasco voltou atento e abriu o placar aos 19 minutos. Nenê fez grande jogada individual pela esquerda e cruzou para Yago Pikachu balançar as redes, 1 a 0. O Avaí assimilou o golpe e tentou reagir com Romulo e Juan, mas Martín Silva fez grandes defesas e afastou o perigo.

Na etapa final, foi a vez do goleiro Kozlinski se destacar aos 25 minutos e salvar chute de Henrique. O Avaí tentou responder aos 32 com Marquinhos, mas a cobrança de falta subiu demais e passou por cima do gol vascaíno. Com a proximidade do final do jogo, os visitantes começaram a se lançar ao ataque e o mandantes apostavam nos contra-ataques. Nos acréscimos, Leandro Silva ficou perto de empatar, mas Martín usou o pé para garantir o triunfo vascaíno.