Potiguar preso em São João do Sabugi em 2016 morre em confronto com a PM de Pernambuco

Polícia prendeu três dos envolvidos na ação contra os bancos em Cabo de Santo Agostinho no Pernambuco – (Foto: Divulgação: PM/PE)

Da Folha PE – Pelo menos três assaltantes foram presos e dois morreram ao trocar tiros com a polícia na manhã desta quinta-feira (2) após uma investida contra bancos no Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife (RMR). Um dos mortos, foi identificado como José Ivanilson Dias Gomes, de 33 anos, que foi preso em fevereiro de 2016, na cidade de São João do Sabugi/RN, por policiais da Deicor e GTO de Parelhas.

José Ivanilson foi preso em São João do Sabugi em 2016
José Ivanilson foi preso em São João do Sabugi em 2016 e pode ter sido morto no confronto com a Polícia em Pernambucana

De acordo com informações iniciais, o grupo atirou contra os policiais que estavam no helicóptero da Secretaria de Defesa Social (SDS). Eles estavam em um assentamento em Moreno/RN quando foram alcançados pelos policiais.

Durante a madrugada eles chegaram a invadir uma residência e fazer reféns durante uma investiga contra a agência do banco Itaú da cidade. Um mototaxista que passava pelo local e se recusou a parar foi baleado na perna.

Para dificultar a ação da polícia, os assaltantes chegaram a deixar um ônibus atravessado na antiga BR-101, paralela a Avenida Getúlio Vargas, onde ficam as agências. As agências do Itaú, Banco do Brasil e Caixa Econômica amanheceram com as vidraças quebradas. Em frente ao banco Itaú, foram encontrados blocos que podem ser explosivos.



Assaltante de banco acusado do assassinato de Promotor de Justiça é preso em São João do Sabugi/RN

Policiais da Divisão Especial de Investigação e Combate ao Crime Organizado – Deicor com apoio do Grupo Tático Operacional da cidade de Parelhas, prenderam na cidade de São João do Sabugi/RN, o potiguar, José Ivanilson Dias Gomes, de 32 anos, também conhecido como Baixinho. Ele é suspeito de ter participado de pelo menos 10 assaltos à banco no Estado, além da morte de um promotor de Justiça, no Estado do Pernambuco.

A equipe de policiais comandada pelo delegado, Emerson Valente, agiu na madrugada deste domingo (07).

As informações apuradas pelo site Sidney Silva, dão conta que desde ontem os policiais estavam na região. O preso estava escondido na casa da namorada. Com José Ivanilson, os policias apreenderam cinco espoletas para explosão de caixas eletrônicos, 720 reais e 6 celulares.

O preso tinha 3 mandados de prisão em aberto.