Indústria do Boné mostrará empreendedorismo do Seridó na FENECITI

Feira terá a participação dos fabricantes de bonés da região Seridó

A região do Seridó tem ganhado cada dia mais espaço por sua capacidade produtiva e por seu potencial empreendedor. A FENECITI – Feira Regional de Negócios, Ciência, Tecnologia e Inovação estreará sua primeira edição em Caicó-RN como parte de um calendário trimestral que se estenderá por outras regiões do estado. O objetivo é gerar um ambiente favorável aos negócios em todo o Rio Grande do Norte, bem como disseminar o que há de mais moderno em pesquisas e novas tecnologias.

Para o presidente da SINDBONÉS-RN, Jaedson Dantas, um dos destaques da feira é que ela permite potencializar o empreendedorismo já bem presente na região, principalmente na indústria, o que justifica o apoio da FIERN ao evento. Ainda sobre destacar potencialidades que podem ser divulgadas na FENECITI, ele confirmou a participação de fábricas de bonés entre os expositores do evento.

“O Seridó é uma região empreendedora. Somos o segundo polo produtor de bonés do Brasil, com 80 empresas atuantes, gerando emprego, renda e desenvolvimento”, enfatizou Jaedson. Ele complementa que a proposta da FENECITI é importante ao envolver outros setores trazendo conhecimento e redes de contato aos empreendedores da região.

A estrutura da FENECITI contará com mais de 80 estandes, além de palco cultural, auditório e palco de shows. Toda a programação é gratuita e acontecerá no Complexo Turístico Ilha de Sant’Ana durante os dias 14 e 15 de junho.

A FENECITI é uma realização do Governo do Estado, através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, FCDL RN e CDL-Caicó. A Feira de Negócios conta com o apoio do Sebrae, IFRN, UERN, UnP e ITEP; patrocínio do Governo Federal, Banco do Nordeste, Município de Caicó, Sistema FIERN, Fecomércio RN, Potigás, IPEM, CAERN, JUCERN, Cimentos Mizu, Coca Cola e Café Santa Clara.



PRF apreende cerca de três mil bonés irregulares na BR 427 em Caicó

Bonés falsificados foram apreendidos pela PRF

Durante fiscalização de rotina no km 105 da BR 427, em Caicó/RN, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu no final da manhã desta quarta-feira (3), cerca de três mil bonés irregulares que estavam sendo transportados em um furgão Ducato, que havia saído de uma estrada carroçável.

No detalhamento da fiscalização, foi constatado que os bonés ostentavam diversas marcas conhecidas como: Adidas, Nike, Calvin Klein, Colcci, Maresia, entre outras. O responsável pela mercadoria, um senhor de 43 anos, afirmou que não possuía documento fiscal e que teria adquirido o produto, na cidade de Fortaleza/CE. Afirmou também que estava se dirigindo para a cidade de Caruaru/PE, onde pretendia vender a mercadoria.

Nas etiquetas internas dos bonés, foi verificado um CNPJ, como sendo o da empresa fabricante, porém após consultas, verificou-se que não existia empresa cadastrada para o número do CNPJ apresentado.

Diante dos fatos, ficou evidenciado que o proprietário dos bonés praticou o crime de violação de patente de invenção ou de modelo de utilidade, previsto no artigo 184, inciso I da lei 9.279/96, além de crime de sonegação fiscal, pois os bonés estavam sem documento fiscal.

Após o flagrante, os bonés foram apreendidos e encaminhados à Justiça, e o responsável, submetido a Termo Circunstanciado de Ocorrência – TCO. Uma cópia do TCO será enviada à Secretaria de Tributação do Estado, para as providências cabíveis.