Feirante envolvido em acidente que deixou mototaxista morto se apresenta na Delegacia e fica em liberdade

Teté mototaxista morreu no final de semana depois de acidente

O feirante, Edson Farias dos Santos, de 28 anos, que se envolveu no acidente de moto ocorrido na manhã de domingo (05), se apresentou na Delegacia de Polícia Civil, acompanhado do advogado Ariolan Fernandes, que faz a sua defesa, foi ouvido e ficou em liberdade.

O acidente (colisão) deixou o motociclista Idenildo Oliveira, mais conhecido como Teté, em estado grave, inclusive, vindo a óbito na noite do mesmo dia em hospital de Natal.

O feirante, Edson dos Santos, disse que estava trafegando em velocidade baixa e que o Teté fez conversão a esquerda no mesmo momento que ele. Foi aí que aconteceu a colisão.

Ele disse ainda que não ficou no local por medo e porque estava próximo do Hospital Regional. Disse, também, que viu quando um popular ligou para o Samu que viria fazer atendimento à Teté. Ele não disse que foi para casa ou se foi para o Hospital, haja vista estar com ferimentos.


ERRATA: Bandidos assaltam sítio na zona rural de Caicó

O Blog errou ao divulgar na notícia sobre um roubo em um sítio na zona rural de Caicó, que o fato se deu na localidade conhecida como “Sobradinho” próximo do parque de vaquejada Lunino Dantas, quando na verdade, foi no Sítio Salgadinho, localizado na estrada do contorno, próximo da ponte sobre o Rio Seridó.

Por volta de 1hs40min, 4 homens armados com pistolas, e revólveres, usando capuzes na cabeça, assaltaram o referido sítio e de lá levaram 400 reais em dinheiro, joias e celulares das vítimas.

A informação repassada pela Central de Operações do 6º BP de Caicó, os bandidos quebraram vários objetos no interior da casa antes de fugir levando também a caminhonete Hilux de cor prata ano 2015 placas KGA1H55 com inscrição em Jucurutu.

Do Blog

Nós pedimos desculpas pelo erro e reforçamos que é imperioso que se faça um trabalho com maior checagem das informações.

Continuem ledo nosso site.

Um forte abraço,

Sidney Silva


Suspenso efeito de lei que concedia isenção de IPTU a servidores municipais de Caicó

Os desembargadores que integram o Pleno do Tribunal de Justiça do RN, à unanimidade de votos, suspenderam a eficácia do inciso VI do artigo 225 da Lei Complementar nº 4.620/2013 (Código Tributário do Município de Caicó – RN), que concede isenção de IPTU sobre os imóveis pertencentes aos servidores do Município, quando utilizados como residência própria.

A suspensão se dará até o julgamento definitivo da Ação Direta de Inconstitucionalidade movida pelo Município de Caicó. O ente alega que o dispositivo violaria o artigo 95, inciso II da Constituição Estadual do RN, o que foi acatado pelo colegiado da Corte potiguar.

Continue lendo

Motorista de Macaíba é preso em blitz do 3º DPRE em Caicó portando maconha

Droga apreendida foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil

Policiais do 3º Distrito de Polícia Rodoviária Estadual, prenderam na tarde de sábado (04), em uma blitz na RN-118, nas imediações da Emparn em Caicó, João Marcelo da Silva Dias, de 21 anos, natural da cidade de Macaíba. Com ele os policiais encontraram 22 papelotes de maconha.

O homem foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil, onde foi autuado em flagrante.

Os policiais ainda realizaram blitz no acesso a cidade de Ipueira (RN118).

Os números das duas blitze, foram:

Veículos fiscalizados09
Autos de Infrações09
Abordagens à pessoas49
Veículo recolhido ao pátio00
Acidentes com danos materiais01
Vítimas lesionadas03
Embriaguez ao volante00
CNHs recolhidas02
Papelotes de maconha22

Fonte: Jair Sampaio


Covid-19: Sem novos casos neste domingo (05) Caicó registrou 5ª morte pela doença

Ronaldo morreu neste domingo no Hospital Regional com Covid-19

No boletim epidemiológico divulgado neste domingo (05), a Secretaria de Saúde de Caicó, informa que ninguém testou positivo para Covid-19 nas 24hs que antecederam o repasse dos dados. Por outro lado, o órgão diz que foi registrada mais uma morte por Covid-19. É o 5º óbito por causa da doença na cidade.

Trata-se de Ronaldo de Medeiros Félix, de 51 anos, que residia no Bairro Barra Nova. Ele tinha comorbidades e procurou o Hospital com os sintomas e confirmado com a doença. Foi internado, levado para a UTI, teve leves melhoras no período em que permaneceu na unidade, mas, houve o agravamento do quadro de saúde.

Familiares de Ronaldo contaram ao Blog Sidney Silva que ele morreu por volta das 12hs e foi sepultado às 17hs no Cemitério Campo Jorge. Ele estava internado na UTI do Regional há duas semanas.


“Erramos tentando acertar!”, diz padre Alcivan sobre falhas no Almoço de Sant’Ana

Almoço de Sant’Ana aconteceu neste domingo

O Padre Alcivan Tadeus Gomes Pereira, pároco da Catedral de Sant’Ana em Caicó, emitiu nota no final da tarde deste domingo (05), explicando o que provocou, por exemplo, o fato de a feijoada ter acabado antes que todas as pessoas que compraram, recebessem.

O evento, neste ano, foi realizado no formado Drive-Thru com as pessoas recebendo o alimento sem descer do veículo, tudo por causa da pandemia do novo coronavírus.

O padre pediu desculpas a todos e disse que os erros ocorreram na tentativa de acertar. Ele relatou ainda que as pessoas que não receberam a feijoada, devem passar na sede da Paróquia para serem ressarcidas.

*Confira a nota:

Com muita alegria realizamos hoje o primeiro evento social da nossa Festa, o Almoço de Sant’Ana. Foi em um formato diferente, devido o momento de pandemia, sendo servido “drive thru”, com as pessoas buscando sem descer do veículo, respeitando o distanciamento.

Agradeço a todos os doadores e voluntários que se dedicaram a esse evento. Às equipe da cozinha, da entrega do almoço, da distribuição do álcool, da organização do trânsito, da live com Rodolfo Lopes, da venda de senhas.

Infelizmente, tentando acertar, alteramos o formato da embalagem de última hora, para garantir mais segurança. Erramos nas porções e o que tínhamos preparado não foi suficiente para todos. Desculpem pela fila, pela espera e pela nossa falha. Todas as pessoas que não receberam o almoço podem ir à Secretaria Paroquial que serão ressarcidas.

Seguiremos tentando acertar confiantes que faremos uma grande Festa de Sant’Ana. Minha gratidão a todos e todas!

Padre Alcivan Tadeus – pároco de Sant’Ana de Caicó


Cinzas de Wanderley Mariz serão depositadas no túmulo do pai, Dinarte Mariz, em Caicó

Wanderley Mariz faleceu no dia 2 de Natal acometido com Covid-19

Falecido na quinta-feira (2) em Natal, na Casa de Saúde São Lucas, em decorrência da Covid-19, o ex-deputado federal Wanderley Mariz, de 79 anos, terá sua cinzas depositadas no túmulo em que estão os restos mortais do seu pai, o senador e ex-governador, Dinarte de Medeiros Mariz, falecido em 1984.

A família vai guardar as cinzas para que esse procedimento ocorra no dia 2 de novembro em Caicó, no Cemitério São Vicente de Paulo. A data marcaria seu aniversário de 80 anos.

A viúva Bete Mariz e os filhos Vítor, Wanderley Júnior e Rubens, também deverão estar presentes.

Advogado, Wanderley foi deputado federal por três mandatos consecutivos, em 1974, 1978 e 1982 e ainda foi candidato ao Senado em 1986, sem sucesso, além de ter concorrido à Prefeitura de Caicó em 2008, também sem êxito.

Blog do Carlos Santos


Caicó teve mais 17 casos confirmados de Covid-19; Até agora, já são 489

A Secretaria de Saúde de Caicó, confirmou na noite de sexta-feira (03), mais 17 casos de Covid-19. Além desses, o órgão também informo 8 casos recuperados.

Confira as informações do Boletim divulgado:

  • Homem de 41 anos, residente no Bairro João Paulo II, que fez teste de PCR e está em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 24 anos, residente no Bairro Paulo VI que fez exame de PCR e está em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 39 anos, residente no Bairro Centro que fez exame de PCR e está em isolamento domiciliar.
  • Homem de 49 anos, residente no Bairro Maynard que fez exame de PCR particular e está em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 48 anos, residente no Bairro Penedo que fez exame de PCR Particular e está em isolamento.
  • Mulher de 65 anos, residente no Bairro João XXIII que fez exame de PCR e está em isolamento domiciliar.
  • Homem de 20 anos, residente no Bairro Centro que fez exame de PCR particular e está em isolamento.
  • Homem de 38 anos, residente no Bairro Boa Passagem que fez exama de PCR particular e está em isolamento domiciliar.
  • Homem de 10 anos, residente no Bairro Boa Passagem que fez exame de PCR particular e está recuperado.
  • Mulher de 25 anos, residente no Bairro Recreio que fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 26 anos, residente no Bairro Vila Altiva que fez teste rápido particular e está recuperada.
  • Homem de 63 anos, residente no Bairro Paraíba que fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
  • Homem de 46 anos, residente no Bairro Paraíba que fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 38 anos, residente na Zona Rural (Sítio Barra da Espingarda) que fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 34 anos, residente no Bairro Itans que fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 44 anos, residente no Bairro Samanaú que fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
  • Homem de 20 anos, residente no Bairro João XXIII que fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.

Covid-19: Decreto da Prefeitura de Caicó permite abertura de estabelecimentos comerciais

O Município de Caicó publicou o decreto Nº 792 de 03 de julho de 2020, onde destaca a abertura gradual e responsável de determinadas atividades comerciais, visando a recuperação da economia municipal com o devido controle de avanço da pandemia de COVID-19.

Pelo decreto, fica autorizada a abertura de lojas, estabelecimentos comerciais e espaços de prestação de serviços enquadrados (as) nos seguintes incisos:
I- Atividades de informação, comunicação, agências de Publicidade, design e afins;
II- Salão de Beleza, barbearias e afins;
III- Papelarias, Bancas de Revistas;
IV- Lojas de produtos de climatização;
V- Lojas de bicicletas e acessórios;
VI- Lojas de vestuário;
VII- Armarinho;
VIII- Lojas de móveis, eletrodomésticos e colchões;
IX- Lojas de departamento e magazines (que não funcionem em Shoppings ou Centros Comerciais), com exceção do Mercado público;
X- Agências de Turismo;
XI- Calçados;
XII- Lojas de brinquedos, artigos esportivos e de caça e pesca;
XIII- Instrumentos musicais e acessórios; equipamentos de áudio e vídeo e Lojas de eletrônicos/informática e equipamentos de telefonia e comunicação;
XIV- Joalherias, relojoarias, bijuterias e artesanatos;
XV- Lojas de cosméticos e perfumaria.
XVI- Restaurantes; Lanchonetes e Food-Parks, inclusas as desenvolvidas em Praças de Alimentação e os quiosques localizados na ilha de Santana;
XVII-Academias de ginástica, box de crossfit, estúdios de pilates e afins.

Os responsáveis pelos estabelecimentos citados no artigo anterior, tais como dono de loja, gerente e servidores/funcionários, têm o dever de:
I- orientar seus clientes sobre as medidas de segurança;
II- cobrar o uso obrigatório de máscaras a todos os que permanecerem nos estabelecimentos, podendo ser impedido o atendimento daqueles que não cumprirem com a referida medida de proteção;
III- disponibilizar de álcool em gel 70% a todos os funcionários e clientes;
IV- buscar manter abertas as portas, janelas e outros meios de circulação natural do ar;
V- aumento da limpeza das áreas comuns, equipe de limpeza deve focar especialmente nos trincos, maçanetas, apoiadores, botões, interruptores e demais itens propícios a contaminação;
VI- não oferecer serviços que retardem a saída do consumidor do estabelecimento, como oferecer café, poltronas para espera, áreas infantis, poltronas para descanso. Desativação do espaço conforto/espera onde houver;
VII- garantir o distanciamento interno de pelo menos 1,5 m (um metro e meio) entre as pessoas;
VIII- higienizar as mercadorias, produtos e materiais que entram no estabelecimento;
IX- máquinas de cartão de crédito e telefones de uso comum devem estar envoltos em papel filme e deverão ser higienizados frequentemente;
X- estabelecer horários alternativos para diminuir a possibilidade de aglomeração e a concentração de pessoas;
XI- manter o teletrabalho para todas as atividades em que for possível essa modalidade, conforme condição de cada empresa;
XII- realizar ampla campanha de comunicação social da empresa junto aos seus colaboradores, funcionários e clientes;
XIII- esclarecer junto aos trabalhadores que a prestação de declarações falsas, posteriormente comprovadas, os sujeitará à responsabilização criminal, bem como às sanções decorrentes do exercício do poder diretivo patronal;
XIV- orientar acerca da vedação da entrada de pessoas dos grupos de risco e infectados pelo novo coronavírus.

Ambientes que dispõe de elevador, deve ser obedecida a capacidade máxima de 3 pessoas por vez, além da disponibilização de álcool em gel nas entradas e saídas, cartaz interno orientando a limpeza das mãos nas entradas e saídas e disponibilização de tapete com água sanitária nas portas dos elevadores, de forma que se higienize os pés antes de entrar.

As atividades destinadas a alimentação, como restaurantes, lanchonetes e afins, incluindo as situadas em Praça de Alimentação, além da obrigatoriedade de seguir as medidas presentes no artigo anterior, também devem ficar sujeitas ao cumprimento das seguintes ações de combate ao novo coronavírus:

I- Manter o limite de até 4 pessoas por mesa;
II- Padronizar distância mínima de 2m a cada mesa;
III- Não realizar venda ou aceitar o consumo de bebida alcoólica no estabelecimento;
IV- Organizar turnos específicos para limpeza, sem contato com as demais atividades do estabelecimento, realizando limpezas antes do início dos turnos, nos intervalos e no fechamento;
V- Proibir cumprimentos com contato físico entre os profissionais com clientes, como cumprimentos com aperto de mão, abraços etc;
VI- Higienização de mesas e cadeiras dos clientes após cada refeição;
VII- Limpeza de banheiros presentes nos estabelecimentos de hora em hora;
VIII- Não realizar shows ou música ao vivo;
IX- Não expor pratos, talheres e galheteiros nas mesas, devendo haver a entrega destes aos clientes no momento da refeição, evitando maior tempo de contato da pessoa com os objetos informados;
X- Obedecer ao distanciamento de 1,5 m entre pessoas nas filas na entrada ou para o pagamento, utilizando de marcação no chão, com tintas ou adesivos, para orientação dos clientes.
Na utilização do sistema Self-Service nos locais de alimentação, devem ser disponibilizadas luvas de plástico descartáveis na entrada do bufê, para que os clientes possam se servir e/ou tenha colaboradores para servir os clientes, equipados com luvas e máscara, e alimentos no bufê devem ser cobertos com protetores salivares com fechamento frontal e lateral, reduzindo risco de contaminação.

Permanece suspensa a abertura de bares para venda de bebidas alcoólicas, restando também proibida a comercialização de qualquer substância com teor alcoólico pelos pontos de alimentação autorizados a funcionar, tais como restaurantes, lanchonetes, food-truks e similares, sob pena de multa nos valores entre R$ 200,00 (duzentos reais) a R$ 2.000,00 (dois mil reais), estipulada de acordo com a gravidade da situação e das condições econômicas do agente, a ser aplicada por autoridade municipal fiscalizadora.

Salões de beleza, barbearias, centros de estética e afins, em cumprimento das medidas do art. 2º, também devem adotar:
I- Atendimento com intervalo de no mínimo 30 minutos para higienização dos equipamentos;
II- Limpar frequentemente o salão e o mobiliário, no mínimo 4 vezes ao dia;
III- Uso obrigatório ou disponibilização de limpa sapato tapete ou toalha umidificada de Hipoclorito de sódio a 2% para higienização e desinfecção de sapatos na entrada do estabelecimento;
Aos funcionários/gerentes/colaboradores de papelarias, bancas de revistas e lojas de vestuário, cabem a adoção de procedimentos extras de prevenção ao novo coronavírus, que incluem:

I- proibir que o cliente pegue nos materiais de escritório para testar produtos (canetas, lápis e afins), deixando isso a cargo de um funcionário da loja;
II- proibir o uso de provador, para o caso de lojas de roupas;
III- proibir que os clientes vistam ou provem as roupas e acessórios;
IV- manter as roupas, sapatos e acessórios constantemente limpos com limpadores e higienizadores portáteis;

Os serviços autorizados a permanecer funcionando devem seguir as recomendações das autoridades sanitárias municipais e OMS (Organização Mundial de Saúde), devendo cumprir com todas as medidas impostas por este decreto correspondentes ao gênero de atuação comercial de cada um, podendo ser multado ou até mesmo ter suspenso o alvará por 30 (trinta dias) em caso de desobediência.

Poderão ser retomadas as atividades físicas realizada na ilha, diariamente, incluindo-se os finais de semana e feriados, restrita a 170 pessoas simultaneamente, a ser realizado controle por meio de fichas entregues na entrada do local por meio de Fiscal, que deve exigir de todos a obrigatoriedade de:
I- Uso de máscara;
II- Higienização das mãos ao entrar e sair do espaço, e de objetos utilizados no momento de atividades físicas ou de outra natureza;
III- Manter distanciamento mínimo de 2m de uma pessoa para outra;
IV- Evitar aglomerações a partir de 04 (quatro) pessoas em uma mesma atividade;
V- Proibir a entrada de pessoas com sintomas semelhantes ao do Covid-19, tais como febre, falta de ar, tosse, dor no corpo e outros que coloquem em dúvida a condição de saúde da pessoa.

Fica permitido as atividades comerciais desenvolvidas por vendedores ambulantes apenas residentes ou domiciliados na cidade de Caicó, desde que sejam atendidas às recomendações das autoridades sanitárias municipais e OMS (Organização Mundial de Saúde), com bancas afastadas a cada 2 m, e com horário de funcionamento restrito das 07h às 16h.

O funcionamento de academias destinada as atividades físicas, além de seguir as obrigações presentes no art. 2º, deve ser realizado seguindo estritamente as seguintes medidas adicionais:

I – Limitar a quantidade de alunos que entram na academia, respeitando a regra da ocupação de 1 cliente a cada 6,25 m² (áreas de treino, piscina e vestiário), sendo proibida a entrada simultânea;
II – Na porta de entrada deverá ter um colaborador para auferir a temperatura dos alunos e impedir a entrada daqueles com mais de 37,8ºC;
III – Manter as portas internas abertas em tempo integral, permitido o uso de ventiladores;
IV – Uso obrigatório ou disponibilização de limpa sapato tapete ou toalha umidificada de Hipoclorito de sódio a 2%, ou outro dispositivo equivalente, para higienização e desinfecção de sapatos na entrada do estabelecimento;
V – Reforçar a higienização do material de trabalho e o uso de máscaras por todos os colaboradores e alunos;
VI – Funcionamento do estabelecimento com capacidade operacional reduzida;
VII – Posicionar kits de limpeza em pontos estratégicos das áreas com equipamentos, com produto específico de higienização para que os clientes possam usar nos equipamentos de treino, como: colchonetes, halteres e máquinas no mesmo local;
VIII – Dispor de comunicados que instruam os clientes/usuários e funcionários sobre as normas de proteção que estão em vigência no estabelecimento, informando ao aluno a importância da higienização das mãos com água e sabão e após a utilização de álcool etílico 70%;
IX – Durante o horário de funcionamento, a academia deverá fechar de 2 a 3 vezes ao dia por, pelo menos 30 minutos, para limpeza geral e desinfecção dos ambientes (NÃO RETIRANDO A OBRIGAÇÃO DO ALUNO HIGIENIZAR CADA EQUIPAMENTO APÓS SEU USO);
X – Delimitar com fita o espaço em que cada cliente deve se exercitar nas áreas de peso livre e nas salas de atividades coletivas. Cada cliente deve ficar a 2,0 m de distância do outro;
XI – Utilizar apenas 50% dos aparelhos de cárdio, ou seja, deixar o espaçamento de um equipamento sem uso para o outro. Fazer o mesmo com os armários;
XII – Liberar a saída de água no bebedouro somente para uso de garrafas próprias;
XIII – Comunicar para os clientes trazerem as suas próprias toalhas para ajudar na manutenção da higiene dos equipamentos. Caso a academia forneça toalhas, elas devem ser descartadas pelo cliente em um recipiente com tampa e acionamento por pedal;
XIV – Desativar as áreas de convivência da academia, como por exemplo: estar, lanchonete, etc;
XV – Sem funcionamento aos domingos e feriados e de aulas coletivas;
XVI – Cada cliente só poderá frequentar os espaços da academia em apenas 01 turno por dia, com período máximo de 01 hora, para evitar aglomerações.

Fica autorizada a realização da Feira Livre, mantendo-se os termos do Decreto 761, de 24 de abril de 2020, reforçando que esta poderá ocorrer de segunda a domingo, das 03h00min às 11h00min, observados os seguintes critérios de padronização de montagem e operacionalização, quanto ao atendimento ao público consumidor:
I – referente às feiras realizadas aos sábado, as “bancas” deverão ser montadas no dia anterior (sexta-feira), no período compreendido entre as 14h00min até 00h00min, com acompanhamento de uma equipe técnica do Município de Caicó que fará a indicação do espaço correto para montagem de cada “banca”, sendo terminantemente proibida a modificação do espaço físico após a 00h00min, inclusive a montagem de novas “bancas”;
II – aos sábados, haverá controle de entrada e saída de consumidores, permitindo simultaneamente até 200 (duzentas) pessoas no espaço correspondente à feira livre mediante o recebimento de fichas, estando os acessos localizados:
a) dois acessos localizados no cruzamento da Rua Olegário Vale com a Av. Dr. Carlindo Dantas;
b) um acesso localizado no cruzamento da Rua Olegário Vale com a Av. Rio Branco;
c) um acesso localizado no cruzamento da Av. Seridó com a Rua Generina Vale; d) um acesso localizado no cruzamento da Av. Seridó com a Rua Augusto Monteiro; III – instalação de até 02 (duas) “bancas” por família, admitindo-se a presença de apenas 02 (dois) feirantes por banca, que poderão ser, permissionários, familiares, empregados ou colaboradores;
IV – espaçamento mínimo de 02 (dois) metros entre cada conjunto de 02 (duas) bancas, mantendo sempre uma distância mínima de 1,5m dos clientes;
V – proibição de consumo no local e degustação de alimentos, a fim de evitar a disseminação do vírus nos utensílios e alimentos servidos, bem como evitar aglomeração;
VI – proibição de venda e consumo de bebidas alcóolicas no interior do espaço definido para funcionamento da feira livre;
VII – vedação a instalação de bancas, barracas e similares fora da área definida pelos fiscais da prefeitura;
VIII – os feirantes deverão adotar condições de higiene e asseio, bem como realizar a limpeza e higienização das bancas, utensílios e produtos comercializados;
IX – atendimento pelos feirantes aos consumidores com distanciamento razoável e do lado interno de sua respectiva banca;
X – disponibilização pelos feirantes de produtos de higienização do tipo álcool em gel 70% para os consumidores;

O Açougue Público Municipal está autorizado seu funcionamento, dispondo que:
I – Todos os comerciantes deverão realizar os procedimentos de higienização orientados pela equipe municipal de saúde/vigilância sanitária e disponibilizar álcool em gel ou etílico de 70% (setenta por cento) para seus clientes, em local de fácil acesso e visualização;
II – limitação de 02 (dois) comerciantes por box, atendendo ao público;
III – Não haverá limitação de clientes, mas deve-se evitar o atendimento simultaneamente no interior do Açougue Público;
IV – distância mínima de 02(dois) metros entre as pessoas na formação de filas para atendimento, evitando sempre que possível o contato físico e a conversa próxima;
V – em relação as filas, recomenda-se a distância mínima de 02(dois) metros entre as pessoas, evitando sempre que possível o contato físico e a conversa próxima, tudo isso com o intuito de evitar a contaminação pelo coronavírus.

A reabertura do Mercado Público Municipal, no âmbito do Município de Caicó, fica condicionada à adoção das medidas:
I – Todos os comerciantes deverão realizar os procedimentos de higienização orientados pela equipe municipal de saúde/vigilância sanitária, objetivando a prevenção da proliferação do coronavírus (COVID-19);
II – Haverá limitação de 02 (dois) comerciantes por box, atendendo ao público.
III – Não haverá limitação de clientes no interior do Mercado Público, devendo ser atendido um por vez, a medida em que cada pessoa sair, possibilitará o atendimento de outro no estabelecimento, sendo vedado o atendimento simultâneo.
IV – O horário de funcionamento do Mercado Público de Caicó/RN, durante a pandemia ocasionada pelo coronavírus, será 07h00min às 16h00min.
VII – Para fins de ingresso e regresso ao Mercado Público Municipal, durante a pandemia ocasionada pelo coronavírus, o Mercado Público contará com apenas duas portas de acesso.

Os boxes que tiverem portas de acesso direto ao lado externo das vias, deverão criar barreiras de modo a não permitir a entrada desordenada da população, orientando sempre os consumidores onde está localizada a porta destinada ao acesso e saída dos consumidores.

Em caso de descumprimento das medidas previstas neste Decreto, as autoridades competentes devem apurar as eventuais práticas de infrações administrativas previstas no artigo 10 da Lei Federal n° 6.437, de 20 de agosto de 1977, suspensão do alvará de funcionamento por 30 dias, ou até mesmo na cassação por tempo indeterminado, podendo inclusive ser feito o uso de força policial para o fechamento.

As autuações lavradas serão comunicadas às autoridades policiais competentes e ao Ministério Público do Estado, a fim de adotarem as medidas judiciais necessárias, em razão de descumprimento do art. 268 do Código Penal que assim dispõe: “Infringir determinação do Poder Público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa”.

As medidas previstas neste Decreto entram em vigor a partir da data de publicação, com exceção das academias, que somente poderão ser abertas na data de 06/07/2020 (segunda-feira), permanecendo válidas todas as medidas pelo período de 15 (quinze) dias, podendo ser reavaliadas a qualquer momento pela Administração Pública Municipal, dependendo das alterações do quadro de pandemia do COVID-19.


Dois pacientes, de Santa Cruz e Cruzeta, morreram com Covid-19 nesta quarta em Caicó

Mais duas pessoas morreram com Covid-19 no Hospital Regional

O Hospital Regional do Seridó confirmou as mortes de mais dois pacientes que estavam internados com Covid-19.

Os óbitos foram registrados nesta quarta-feira (01). As pessoas são oriundas de Cruzeta e de Santa Cruz.

A taxa de ocupação dos leitos de UTI no Hospital Regional, na noite desta quarta, era de 72,5%, ou seja, 20 pessoas confirmadas com Covid-19, estavam internadas.

Nos leitos clínicos, a taxa de ocupação era de 46%, com pacientes com sintomas suspeitos da doença.


Número de casos confirmados de Covid-19 em Caicó é de 451

Em Caicó, a Secretaria Municipal de Saúde informa a confirmação de 25 novos casos positivos e 4 casos recuperados de Covid-19, neste 01 de Julho de 2020.

  • Mulher de 61 anos, Bairro Centro, TR particular, em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 76 anos, Bairro Paraíba, PCR, em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 20 anos, Bairro Samanau, PCR, em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 34 anos, Bairro Barra Nova, PCR, em isolamento domiciliar.
  • Homem de 20 anos, Bairro IPÊ, PCR, em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 62 anos, Bairro Walfredo Gurgel, PCR, em isolamento domiciliar.
  • Homem de 90 anos, Bairro Paraíba, PCR, em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 35 anos, Bairro Centro, TR, em isolamento domiciliar.
  • Homem de 38 anos, Bairro Serrote Branco, TR, em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 26 anos, Bairro Walfredo Gurgel, TR, em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 26 anos, Bairro Barra Nova, TR, em isolamento domiciliar.
  • Homem de 27 anos, Bairro Barra Nova, TR, em isolamento domiciliar.
  • Homem de 38 anos, Bairro Vila do Príncipe, TR, em isolamento domiciliar.
  • Homem de 48 anos, Bairro Barra Nova, TR, em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 47 anos, Bairro Paraíba, TR, em isolamento domiciliar.
  • Homem de 52 anos, Zona Rural de Bom Jesus, TR, recuperado.
  • Menor de 12 anos, Bairro Recreio, TR, recuperado.
  • Mulher de 19 anos, Bairro Recreio, TR , recuperado.
  • Mulher de 28 anos, Bairro Recreio, TR, em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 32 anos Bairro Alto da Boa Vista, TR, em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 42 anos, Bairro Alto da Boa Vista, TR, em isolamento domiciliar.
  • Homem de 44 anos, Bairro Paraíba, PCR, em isolamento domiciliar.
  • Homem de 40 anos Bairro João XXIII, PCR, em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 39 anos, Bairro Castelo Branco, PCR, em isolamento domiciliar.
  • Mulher de 65 anos, Bairro Centro, PCR, em isolamento domiciliar.

Muito importante o uso das medidas preventivas, como distanciamento social, etiqueta respiratória, higienização das mãos e USO DA MÁSCARA, não deixem de usar, quando precisar sair de casa.


Hospital Regional do Seridó recebe doação de EPIs da Assembleia Legislativa

O Hospital Regional do Seridó, localizado no município de Caicó, vem desenvolvendo um trabalho de excelência no atendimento aos pacientes vítimas da COVID-19. Como forma de colaborar com esse trabalho e na luta contra o novo coronavírus, a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte entregou nesta quarta-feira (01) uma doação de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para serem utilizados pelos profissionais de saúde da instituição, que é a unidade pública estadual que mais dispõe de leitos direcionados aos pacientes vítimas da COVID-19.

A carga com 10 mil litros de álcool 70% e 2 mil máscaras cirúrgicas foi recebida pela diretora do Hospital Regional do Seridó, Maura Sobreira. “É um insumo essencial e vem colaborar com o trabalho desenvolvido no Hospital. Somos gratos e precisamos sempre da colaboração de todos”, disse Maura Sobreira, diretora do Hospital.  No município de Caicó já foram notificados 1.701 casos, desses 426 foram confirmados e 3 pessoas morreram vítimas da doença. Os dados são da secretaria Municipal de Saúde.

“O aumento do uso de EPIs cresce a cada dia e nos permite trabalhar seguindo os protocolos e promovendo uma segurança maior para que possamos assistir os pacientes adequadamente e com segurança”, ressaltou Thaynne Morgana, enfermeira da linha de frente do Hospital Regional do Seridó.


Caicó chega a 388 casos de Covid-19

Em mais um boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde, consta que Caicó teve mais 18 pessoas positivadas para Covid-19 e 6 recuperadas.

Mulher de 19 anos, residente no Bairro Recreio que fez teste rápido na UBS e está recuperada.
Homem de 33 anos, residente no Bairro Maynard. Fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
Mulher de 18 anos, residente no Bairro Walfredo Gurgel. Fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
Mulher de 25 anos, residente no Bairro Recreio. Fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
Homem de 40 anos, residente no Bairro Castelo Branco. Fez teste rápido no serviço particular e está recuperado.
Homem de 32 anos, residente no Bairro Acampamento. Fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
Mulher de 67 anos, residente no Bairro Paulo VI. Fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
Homem de 32 anos, residente no Bairro Recreio. Fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
Mulher de 46 anos, residente no Bairro Recreio. Fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
Homem de 38 anos, residente no Bairro Recreio. Fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
Homem de 59 anos, residente no Bairro João XXIII. Fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
Mulher de 32 anos, residente no Bairro João XXIII. Fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
Homem de 19 anos, residente no Bairro Nova Descoberta. Fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
Homem de 36 anos, residente no Bairro Recreio. Fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
Homem de 17 anos, residente no Bairro Recreio. Fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
Mulher de 36 anos, residente no Bairro Recreio. Fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
Homem de 54 anos, residente no Bairro Recreio. Fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.
Homem de 45 anos, residente no Bairro Recreio. Fez teste rápido e está em isolamento domiciliar.


Covid-19: Aldeias Infantis SOS Brasil entregou mais 50 cestas básicas a famílias carentes de Caicó

Cestas Básicas foram entregues à famílias carentes

A Aldeias Infantis SOS em parceria com a Secretaria Municipal do Trabalho. Habitação e Assistência Social de Caicó – SEMTHAS viabilizaram a oferta de 50 cestas básicas para famílias em situação de vulnerabilidade social, em Caicó. Desde o início da pandemia, a Aldeia SOS já beneficiou 250 famílias com cestas básicas, material de proteção e cartão alimentação, garantindo itens básicos para famílias que se encontram em situação crítica no momento.

Continue lendo