Caicó: Prefeitura não paga contratados em convênio com o IEL há dois meses

Os trabalhadores contratados pela Prefeitura de Caicó, através de convênio com o Instituto Euvaldo Lodi – IEL, estão há dois meses sem receber os salários. O Blog Sidney Silva recebeu mensagens dos profissionais dando conta da situação de atraso nos salários.

Muitos estão com os contratos encerrando e sem receber. Muitos estão cancelando ou pensando em cancelar os contratos por causa do descaso da prefeitura com os mesmos, pois, não anunciam nem a previsão de pagamento. Todo funcionário trabalha pra receber. Estamos, as vezes, sacrificando o nosso dia-a-dia para estudar e trabalhar e ainda temos que lidar com este descaso“, escreveu um funcionário que não quis se identificar.



Prefeitura de Caicó paga contratados nesta terça (22)

A Prefeitura de Caicó efetuou o pagamento da folha referente ao mês de julho aos servidores contratados temporariamente. O depósito foi realizado nesta terça-feira (24) à categoria.

Vale ressaltar que o Município pagou, no último dia 10 de agosto, a parcela restante de 60% do salário dos servidores referente ao mês de julho. Em 26 de julho, já havia sido creditada a primeira parcela de 40% da folha, como adiantamento para a Festa de Sant’Ana.



Médicos contratados passam por treinamento no ITEP antes de atuarem

Médicos legistas contratados passam por treinamento

O Instituto Técnico-Cientifico de Perícia – ITEP de Caicó, vai receber a partir do próximo dia 1 de março, 7  profissionais médicos legistas contratados/temporários.

De acordo com Janilson Cesar, coordenador da unidade em Caicó, os profissionais estão passando por treinamento específico nas unidades de Mossoró e Natal. Pelo menos 7 deles, serão lotados no ITEP de Caicó.

“Com esses profissionais e junto com os três que nós já temos na unidade, pretendemos que a escala do mês fique preenchida e não tenhamos mais tantos problemas com a demora na liberação de corpos aqui em Caicó”, disse Janilson Cesar ao Blog Sidney Silva.

Sobre o concurso púbico para o Instituto Técnico, o coordenador da unidade local afirmou que a gestão estadual está dando andamento ao processo e que nos próximos meses deve ser lançado.