Ex-delegado de Caicó é condenado à perda do cargo por recebimento de propina de “bicheiros”

Delegado, Pedro Melo, também, trabalhou em Caicó

O juiz Bruno Montenegro Ribeiro Dantas, integrante do Grupo de Apoio à Meta 4 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), decretou a sanção de perda do cargo público ao delegado Pedro Melo do Nascimento, que também atuou em Caicó. Ele foi condenado ainda a apreensão de bens no valor recebido indevidamente de R$ 3.120 e suspensão dos direitos políticos por oito anos. A condenação se deu no curso de Ação Civil Pública, movida pelo Ministério Público Estadual, pela prática de improbidade administrativa.

Segundo a ação, o delegado praticou ato de improbidade administrativa quando ocupava atuava no município de Jucurutu, durante o ano de 2008, ao receber valores para não investigar fatos delituosos.

Continue lendo



Delegado faz desabafo pessoal sobre caso Marielle

Através de uma carta endereçada à Marielle Franco, o delegado Brenno Carnevale fez um desabafo sobre as precárias condições de trabalho na Divisão de Homicídios da Capital (DH), que investiga o assassinato da vereadora e do motorista Anderson Gomes em 14 de março.

Diante do caos programado, sinto muito confessar-lhe que a solução do seu caso pressupõe a paralisação de uma infinidade de investigações de outras mortes, pretas e brancas, ricas e pobres, todas covardes. Escolha de Sofia”, escreveu ele.

Continue lendo



Delegado Maurílio Pinto, o “Xerife”, morre aos 76 anos em Natal

Delegnado Maurílio Pinto foi um expoente na luta contra a criminalidade no Rio Grande do Norte – (Foto: Júnior Santos)

Tribuna do Norte – O delegado aposentado da Polícia Civil do Rio Grande do Norte, Maurílio Pinto, morreu na noite deste sábado (19) vítima de complicações provocadas pela diabetes. Aos 76 anos, o “Xerife” estava internado na Casa de Saúde São Lucas e havia amputado uma perna para conter uma infecção.

Maurílio Pinto começou a trabalhar na polícia em 1964 e foi chefe da Polícia Civil no Estado por 21 anos e ainda exerceu as funções de subsecretário e secretário adjunto de de Segurança Pública do Rio Grande do Norte e se aposentou em 2011 após 47 anos de atuação na Polícia Civil. Ele começou a carreira na polícia como motorista durante as diligências comandadas pelo pai, o coronel PM Bento Manoel de Medeiros no município de Patu, a 320 quilômetros de distância de Natal.

Apesar do apoio inicial, o pai não apoiou que ele seguisse trabalhando com segurança. “Papai me dizia sempre: Maurílio, olhe, só quero que você continue na polícia enquanto eu estiver trabalhando. Depois de me aposentar, não queria mais você por aqui’. Perguntei o porquê. ‘Ocorre que tenho muitos inimigos’. Nunca fui incentivado por ele para ir para a polícia. Como também não incentivei meus filhos, que também acabaram ingressando nessa carreira”, contou Maurílio Pinto em entrevista após se aposentar em 2011.

Na última entrevista a TRIBUNA DO NORTE, em fevereiro de 2016, o “Xerife” comentou sobre a escalada da violência e criminalidade no Rio Grande do Norte. Ele destacou que a indisciplina dentro da polícia poderia trazer problemas para a gestão de segurança pública e afirmou que faltava “o policial vestir mais a camisa”.

O Governo do Estado se manifestou sobre a morte no Twitter: “Todo o Rio Grande do Norte de luto pela perda irreparável do Dr. Maurílio Pinto de Medeiros. Governo do Estado e Polícia Civil prestam suas homenagens ao homem público e profissional competente, exemplo para as nossas polícias”.

O velório de Maurílio Pinto está previsto para começar às 6h no Centro de Velório da rua São José e o sepultamento vai acontecer às 16h no Cemitério Morada da Paz, em Emaús.



Delegado de Ubá descarta participação de dono de veículo na morte de vereadora

O delegado Gutemberg Souza Filho, titular da delegacia de Ubá (MG), descartou a participação do proprietário do veículo suspeito encontrado no município, nesse domingo (18), no assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL) e do motorista Anderson Gomes. O carro, da marca Renault, modelo Logan, é semelhante a um dos veículos usados na emboscada e foi localizado graças a uma denúncia anônima.

O proprietário foi interrogado pela polícia e, segundo o delegado, não há elementos que o liguem, em princípio, à morte de Marielle e Anderson. “Ele negou. Não temos elementos para comprovar a participação dele”, disse Gutemberg.

Continue lendo



Delegado diz que dupla pretendia fazer outro arrombamento no comercio de Caicó

O delegado Leonardo Germano, titular da DP Municipal de Caicó, disse em entrevista à imprensa paraibana, por ocasião da operação que recuperou produtos furtados no comercio caicoense, que a dupla presa identificada como ÍCARO DA SILVA e THIAGO DE BRITO MOREIRA, ambos com 25 anos de idade, estavam planejando fazer um terceiro arrombamento.

O delegado ainda disse que eles achavam que sendo de outro estado não iriam ser descoberto.

Confira trecho da entrevista concedida pelo delegado, que esteve na Paraíba acompanhado de uma equipe de policiais civis de Caicó para dar cumprimento aos mandados.



Com falta de ASG, delegado faz limpeza no prédio da DP de Caicó

Delegado Regional varrendo a frente da Delegacia em Caicó – (Foto: Cardoso Silva)

O delegado Regional da Polícia Civil em Caicó, Ricardo Brito, estava na manhã desta segunda-feira (30), varrendo a frente do prédio da DP, por causa da falta de um Auxiliar de Serviços Gerias. Esse profissional era cedido pela Prefeitura, mas, foi removido há quase 1 ano.

Com a falta de ter quem faça, os policiais se revezam entre os trabalhos de Polícia e de limpeza, até porque o local é de atendimento ao público tendo uma demanda considerável.



Delegado da Polícia Civil é homenageado em consulado dos EUA

Delegado Potiguar é homenageado no consulado americano em Recife

O delegado da Polícia Civil do Rio Grande do Norte, Raimundo Rolim de Albuquerque Filho, que atualmente está cedido ao Governo Federal, perante à Força Nacional, foi homenageado na última quarta-feira (31), no consulado dos Estados Unidos da América, localizado na cidade do Recife.

O motivo da condecoração foi a parceria e cooperação em investigações criminais envolvendo cidadãos americanos realizadas pelo delegado. Um dos casos mais notáveis foi a investigação que localizou Victor Arden Barnard, uma das quinze pessoas mais procuradas em todo mundo pela INTERPOL. O Americano tinha contra ele 58 acusações de violência sexual cometidas em adolescentes no estado de Minnesota, Estados Unidos.

Além do delegado Raimundo Rolim, a solenidade homenageou outras autoridades policiais dos estados de Pernambuco, Ceará e Paraíba, e contou com a presença do cônsul geral no Recife, Richard Reiter.